Uber lança Movement para ajudar na mobilidade urbana das cidades

uber-movement-ferramenta.jpg

A grande quantidade de motoristas e usuários do Uber permite que a empresa tenha acesso a várias informações – mas elas nem sempre são acessíveis para quem está do lado de fora. A nova ferramenta Movement liberada esta semana pretende mudar isso e ajudar cidades a planejarem melhorarem suas vias. No vídeo acima eles explicam um pouco mais da iniciativa.

A ferramenta usa dados GPS coletados de forma anônima de mais de 2 bilhões de viagens realizadas no serviço nos últimos 6 anos. Por meio delas é possível ver como os padrões de mobilidade foram se alterando ao longo dos anos e como planejar para que os cidadãos de uma certa cidade se locomovam melhor, seja com o Uber ou por outros meios.

Por enquanto o Uber está concedendo acesso a funcionários do governo interessados nos dados, mas em breve pretende abrir a ferramenta para o público. []

Zoe Saldana na Grazia Italia Janeiro 5th, 2017 By Kurt Iswarienko

Grazia Italia Jan 2017 - 08.jpgEverything On My Skin
Grazia Italia Janeiro 5th, 2017
www.grazia.it

Este slideshow necessita de JavaScript.

Fotografia: Kurt Iswarienko
Model: Zoe Saldana
Styling: Petra Flannery
Hair: Aviva Perea
Make-Up: Vera Steimberg

Arquiteto da Berrini, Carlos Bratke morre aos 74 anos em São Paulo

17009309
Carlos Bratke há 20 anos, em 1997, na Berrini, onde assina cerca de 60 projetos


Inventor dos contornos futuristas e reluzentes das torres de aço e vidro da Berrini, na zona sul de São Paulo, o arquiteto Carlos Bratke morreu, aos 74, nesta segunda. Ele passou mal quando foi almoçar em casa, mas médicos ainda investigam a causa da morte.

Filho do modernista Oswaldo Bratke, o arquiteto iniciou sua carreira na década de 1960 ainda sob forte influência da chamada escola paulista de arquitetura, marcada pelo uso expressivo do concreto aparente e pela exaltação da estrutura dos edifícios como espetáculo de força e equilíbrio.

Mas Bratke logo passou a questionar a cartilha brutalista e se firmou como um dos maiores nomes entre os chamados não alinhados ao estilo que dominava as faculdades de arquitetura da cidade.

Sua obra, de grande apelo comercial, acabou se consolidando como uma investigação do potencial das estruturas, que permitem enormes pavimentos livres de pilares, ao mesmo tempo em que exalta na superfície uma impacto que ele mesmo reconhecia como algo de ficção científica.

O Plaza Centenário, um de seus prédios mais vistosos na Berrini, resplandece em seu revestimento metálico. Não por acaso, o estrutura com quatro torres circulares ganhou o apelido de RoboCop.

Mesmo famoso hoje pelo uso intensivo de aço e vidro, materiais-fetiche da arquitetura pós-moderna, Bratke primeiro aprendeu a dominar o uso do concreto. Mas, ao contrário de mestres da escola paulista como Paulo Mendes da Rocha, Bratke buscou outro efeito plástico no material.

Um marco dessa experimentação é o edifício Bandeirantes, um dos primeiros que construiu na Berrini. Nele, um bloco de ângulos retos é ladeado por estruturas circulares de concreto, uma espécie de adorno que protege as janelas da luz intensa do sol.

Ao longo dos anos, Bratke foi diluindo a austeridade brutalista para chegar a um estilo mais fluido, que embaralha referências, o que ajuda a entender seu interesse tanto pela obra de Rino Levi, um dos maiores nomes do modernismo brasileiro, quanto pela do canadense Frank Gehry, arquiteto do Guggenheim de Bilbao, na Espanha, famoso por suas formas fantásticas.

Ele também fez da casa que construiu para viver com a família no Morumbi, na zona oeste paulistana, um projeto nada convencional, invertendo a posição dos quartos e das áreas de estar -ali, os espaços de dormir ficam no piso inferior à sala, algo que pensou para isolar a residência dos barulhos da rua.

POLÊMICA
Suas soluções inventivas, no entanto, não conquistaram a crítica. Bratke era atacado por fazer o que muitos viam como pastiche da pior arquitetura corporativa e por repetir algumas estratégias em seus prédios de escritórios.

Em sua defesa, chegou a dizer que os brasileiros eram “caipiras” demais para aceitar as formas que sua firma estava propondo. Ele também comprou briga com o arquiteto uruguaio Rafael Viñoly, que disse que a arquitetura corporativa no Brasil era “muito ruim”.

“Aqui existe boa arquitetura e má arquitetura, como em muitos outros lugares do mundo”, rebateu Bratke, há quatro anos. “Acho que o Viñoly é um grande arquiteto, mas ele está dizendo essas coisas porque quer trabalhar no Brasil; muitos arquitetos estrangeiros estão vindo para cá, e ele está procurando mercado.”

Além de se dedicar a seus projetos, Bratke também assumiu cargos na diretoria do Instituto de Arquitetos do Brasil e na Fundação Bienal.


Silas Martí
De São Paulo

10 tendências do pre-fall para usar já!

Por Gabriel Monteiro

As marcas começam a revelar seus lookbooks com um turbilhão de fotos, e nós já sabemos qual momento do calendário da moda está dando as caras: o pre-fall.

Período de entressafra do verão e do inverno, a estação que fica em cima do muro pode não ser a temporada mais importante para as regiões de clima mais rígido, mas ela serve como uma luva para quem, como a gente, vive em um país de temperaturas tão diversas.

Apesar de ainda ser verão, já existem tendências apontadas por grifes como Versace, Gucci e Valentino que você já pode sair usando. Confira as dez principais:

1. JOGO MÉDIO

Tamanho que acompanha o termômetro indeciso, o comprimento mídi triunfou novamente. Parando após o joelho, ele está no vestido mais fechado da Bottega Veneta ou na versão com fenda poderosa da Versace.


2. CADÊ ELA?

Com tanta saia e vestido, a calça também tem vez. Mas, desta vez, ela é bem solta, priorizando o conforto. A peça está nas opções em jeans da Monse (foto), Jonatham Simkhai e Phillip Lim, ou ainda na alfaiataria quase pijama da linha Victoria, da estilista Victoria Beckham.


3. COLADINHAS

Se a vontade é valorizar as pernas, a pedida da vez é a meia-calça nada básica, que aparece rendada na Fendi ou colorida na Sonia Rykiel. A legging esportiva e de revival an é a proposta da Gucci.


4. BOTÂNICA

Na via camponesa ou na linha hippie, o destino é bucólico. As estampas de flores e folhas com fundo sóbrio, geralmente escuro, dão ar boêmio às produções da Red Valentino e da Temperley London, mas um tanto mais folk na Coach.


5. VAI DE BOTA

Nos pés, o foco fica para elas, mas os modelos são variados. Para quebrar o peso das botas, você pode apostar nas tonalidades cheias de energia, como a uncle pink da Adam Lippes, ou usar um coturno rocker junto com uma saia bem curta, como mostra Phillip Lim. O styling que chama atenção, no entanto, é o da bota alta, acima do joelho, ao lado do comprimento mídi, assim como mostra a Altuzarra. Vale experimentar nos dias em que a temperatura for para baixo.


6. DECORADONA

Vale, vale tudo. O look ostentação entra no jogo e não tem problema colocar estampa, cor, jacquard, brocado ao mesmo tempo! Dê uma olhada na Roksanda, Gucci e Erdem que servirão mais do que inspiração para injetar criatividade e diversão ao seu visual.


7. QUEBRA FRIO

Se o vento bater, uma única peça-chave pode ser a solução. A dica do pre-fall é ficar com as jaquetas utilitárias: a bomber e a parka. A jaqueta metalizada acompanha o vestido médio fluido na Just Cavalli enquanto, na Versace, a segunda opção fecha um mood mais esportivo.


8. TRUQUES DE CAMADA

Outra forma de driblar a queda de temperatura é com a sobreposição. Segunda pele embaixo do conjunto ou do vestido aparecem na Carolina Herrera e na Public School.


9. ONDAS MIL

O babado continua como o detalhe que leva romantismo para Zac Posen e um grau de statement para o top Tome.


10. VAI TER BRILHO, SIM

Lamê, paetê e lurex para peças do dia a dia. O segredo para “shine bright like a diamond” é trazer a festa para a rua. O destaque reluzente está na Diane von Furstenberg, na Red Valentino e na Milly.

IBM modifica seu logo para apoiar luta LGBTQ+ nos EUA

ibm-g

A IBM mostrou na semana passada uma modificação do seu icônico logo que deve servir para apoiar iniciativas LGBTQ nos EUA. O logo de oito barras recebeu as cores características do arco-íris e a empresa disse que vai representar “o nosso movimento contínuo pela diversidade, aceitação, inclusão e oportunidades igualitárias”.

Segundo a IBM o logo será usado em todos os programas e iniciativas com foco em diversidade da empresa a partir de agora. Os perfis de Facebook e Twitter da companhia também adotaram o logo mas não se sabe até quando devem ser mantidos assim. Saiba mais sobre o design do logo no press-release da empresa.

A atitude da IBM chega com bom timimg. Legisladores americanos de diversos estados começaram uma onda contra direitos LGBTQ+ no país, como no Texas e Virgínia, onde um senador propôs uma lei proibindo pessoas trans de usarem o banheiro que quiserem. Esse tipo de coisa já custou ao estado da Carolina do Norte cerca de 400 bilhões em receita porque companhias deixaram o estado após esse tipo de legislação ser aprovada. []

Vingadores: Guerra Infinita | Zoe Saldana confirma que Gamora estará no filme

zoe_saldana.jpg

Durante entrevista no Globo de Ouro 2017 (via Heroic Hollywood), Zoe Saldana confirmou que voltará no papel de Gamora em Vingadores: Guerra Infinita:

“Ainda não sei quando vou ler [o roteiro]. E não estou ansiosa para as cinco horas de maquiagem verde, mas todas as vezes em que finalmente estou no set, me sinto feliz e sortuda de estar lá”.

Parte das gravações começaria em Atlanta este mês (o que coincide com informações anteriores), sob o título de produção “Mary Lou”. O filme também seria rodado simultanemente com Vingadores 4, mas nada foi confirmado pela Marvel.
gamorra tumblr_n18ct0P9mE1qg4blro3_500.gifAs filmagens na cidade americana teriam começado secretamente em meados de novembro, de acordo com um fotógrafo que regularmente registra produções da Marvel por lá.

Vingadores: Guerra Infinita tem estreia prevista para março de 2018. Os diretores já divulgaram uma foto e um vídeo da pré-produção – veja aqui e aqui.

Já Guardiões da Galáxia Vol. 2 chega aos cinemas em 27 de abril. [Camila Sousa]

Está na hora de olhar para o estilo de Ruth Negga

RuthNegga74thAnnualGoldenGlobeAwards-lv-700x989.jpgRuth Negga de Louis Vuitton prateado com um zíper no meio no Globo de Ouro 2017


Ruth Negga é uma atriz irlandesa-etíope que está na ativa desde 2004, mas vem ganhando atenção especial da indústria cinematográfica principalmente por seu recente papel em Loving, pelo qual foi indicada ao Globo de Ouro.

Graças à grande quantidade de tapetes vermelhos que está participando, ela também começou a chamar mais atenção na moda, ontem (8.1), provou que é um nome forte para ficar de olho quando o assunto é estilo. Isso porque sua entrada no tapete vermelho impressionou a todos: ela escolheu um Louis Vuitton prateado com um zíper no meio (que levou 120 horas para ser feito) e cabelos curtinhos. Roubou a cena!

Confira algumas fotos que comprovam que Ruth Negga tem um bom olho para a moda e merece entrar na sua pastinha de inspiração:28th Annual Palm Springs International Film Festival Film Awards Gala - Arrivals(Emma McIntyre/Getty Images)People's "Ones to Watch" Event Presented By Maybelline New York - Inside(Emma McIntyre/Getty Images)Academy Of Motion Picture Arts And Sciences' 8th Annual Governors Awards - Arrivals(Mike Windle/Getty Images)2016 Toronto International Film Festival - TIFF/InStyle/HFPA Party - Arrivals(Frederick M. Brown/Getty Images)

Tempo de férias: looks para você se inspirar e curtir o verão com estilo

8_x1ibmwaVestido Bally. Brincos Susan Driver. Chinelos Avec Modération à venda no Net-a-porter (Foto: Patric Shaw)


Janeiro pede produções com cores fortes, modelagens amplas e estampas florais. Além, é claro, de biquínis confortáveis e muitas flats. Jogue tudo na mala e siga em direção à costa!

Sal no corpo, vento no cabelo, perfume de protetor solar… O verão chegou! Com a entrada da nova estação, é hora de apostar nas tendências que têm tudo a ver com a temporada de calor: vestidos de cores intensas e babados, camisas oversized e leves, biquínis estampados, entre outras. Aqui, inspire-se nas sugestões de looks do editoral “Tempo de Férias”, da edição de janeiro da Marie Claire, e aproveite o verão em grande estilo!

Vestido e sandálias Louis Vuitton (Foto: Patric Shaw)Vestido e sandálias Louis Vuitton (Foto: Patric Shaw)
Macacão Lee. Biquíni Seafolly. Sandálias Saltwater (Foto: Patric Shaw)Macacão Lee. Biquíni Seafolly. Sandálias Saltwater (Foto: Patric Shaw)
Vestido Gucci. Sandálias Saltwater (Foto: Patric Shaw)Vestido Gucci. Sandálias Saltwater (Foto: Patric Shaw)
Biquíni Midnight Swimwear (Foto: Patric Shaw)Biquíni Midnight Swimwear (Foto: Patric Shaw)
Camiseta Sandro Paris. Biquíni Marysia. Sandálias Saltwater (Foto: Patric Shaw)Camiseta Sandro Paris. Biquíni Marysia. Sandálias Saltwater (Foto: Patric Shaw)
Jaqueta, short e chinelos Miu Miu (Foto: Patric Shaw)Jaqueta, short e chinelos Miu Miu (Foto: Patric Shaw)
Camisa Tome. Chinelos Avec Modération à venda no Net-a-porter (Foto: Patric Shaw)Camisa Tome. Chinelos Avec Modération à venda no Net-a-porter (Foto: Patric Shaw)


Créditos
Fotos: Patric Shaw
Styling: Valeryi Yong
Cabelo: Leon Gorman (Cutler/NYC) com produtos Leon Gorman Hair Care
Maquiagem: Cynthia Sobek (Art Department)
Modelo: Kailey Hsu (Next Model Management)

Óculos hexagonais: o hit do verão! Aposte neste modelo para a temporada

oculos-1.jpg
Os óculos hexagonais da Ray-Ban (Foto: Reprodução/Instagram)

Para enfrentar um verão tão forte como o brasileiro, os óculos de sol são um item indispensável. No guarda-roupa das fashionistas, um modelo em especial ganhou destaque e mostra ser o acessório queridinho da temporada.

Os óculos de lente hexagonal da Ray-Ban se tornaram um dos mais usados pela blogueira e fashionista Camila Coelho, que já exibiu o modelo mais de uma vez junto com seus looks do dia e aproveitando dias de sol por aqui ou então durante as semanas de moda internacionais.

Camila Coelho (Foto: Reprodução/Instagram)Camila Coelho (Foto: Reprodução/Instagram)

O mesmo vale para Thássia Naves, que mais de uma vez compôs produções que foram das mais despojadas às mais elegantes com o modelo no rosto. Um coringa que ao mesmo tempo dá um up em qualquer produção, o destaque do acessório é a lente com um recorte que lembra um hexágono – ou seja, uma forma de seis lados – principalmente na parte inferior da lente, que tem traços mais marcados.

Thassia Naves (Foto: Reprodução/Instagram)Thassia Naves (Foto: Reprodução/Instagram)

Para quem prefere variar também as cores das lentes e hastes, o modelo é oferecido por aqui em cinco versões diferentes, com lentes que vão do verde ao roxo – passando pelo rosa, uma tonalidade que fez sucesso nos óculos recentemente. O preço é de R$ 550.

Os óculos da Ra-Ban vem com lentes de cores variadas (Foto: Reprodução/Instagram)Os óculos da Ra-Ban vem com lentes de cores variadas (Foto: Reprodução/Instagram)