Julia Nobis The Sunday Times Style Janeiro 2017 by Liz Collins

style-january-2017-05-1
Kiss & Make-Up
The Sunday Times Style
Janeiro 2017
www.thetimes.co.uk
Fotografia: Liz Collins
Model: Julia Nobis
Styling: Coquito Cassibba
Hair: Jordan M
Make-Up: Pat McGrath

Hari Nef: conheça a modelo trans que virou o novo rosto de marca de beleza

harinef-1.jpgHari Nef (Foto: Reprodução Instagram)


Em mais uma campanha poderosa, a L’Oréal escalou Hari Nef como garota-propaganda. Atriz, modelo e ativista pelos direitos dos transgêneros, a norte-americana foi escolhida como sucessora da brasileira Valentina Sampaio para estrelar uma campanha de base da gigante de beleza.

Mas esta não é a sua primeira conquista. Aos 24 anos, Hari foi também a primeira modelo transgênero a cruzar a passarela da Gucci, durante a Semana da Moda de Milão, e a assinar com a agência IMG, que detém nomes como Gisele Bündchen e Gigi Hadid. Antes disso, havia sido rejeitada por três outras agências.

“Eu não fui a garota certa. Eu tive sorte de estar no lugar certo, na hora certa. Pessoas estão abrindo este caminho para mim há mais de 50 anos”, contou ao The Guardian.

Assim que fechou contrato com a IMG, Hari foi convidada a fazer parte do elenco da premiada série “Transparent”, da Amazon. Na história, ela vive Gittel, uma trans que vive em Berlim, na República de Weimar, quando o sexólogo Magnus Hirschfeld cunhou o termo “transexual”. A participação, que tinha o propósito contribuir para um casting com o maior número possível de transgêneros, acabou sendo superlogiada.hariHari Nef na campanha “33 tons de maquiagem” da L’Oréal (Foto: Divulgação)


Todas as conquistas profissionais serviram para fortalecer ainda mais seu ativismo: “Sou franca. Não sou passiva quanto à injustiça que vejo”. Ainda assim ela confessa deixar várias coisas passarem batido. “Eu poderia escrever um tuite chamando a atenção da mídia para uma marca que cancelou o trabalho com uma modelo após descobrir seu gênero. Poderia dedurar pessoas da indústria da moda que me disseram coisas grosseiras. Poderia criar um segundo de mudança radical positiva. Mas, eventualmente, essa caça às bruxas poderia comprometer o meu papel.”

Atuante nas redes, ela vê as mídias sociais como um meio fundamental de progresso. “No Instagram, eu posso usar a minha imagem da maneira em que me encontrei. Visibilidade não é em si uma coisa sempre boa, mas quando está nas mãos de quem precisa ser visto, pode ser.”

Entre os problemas da ênfase atual nas questões de gênero, ela aponta a possibilidade de a comunidade trans ser transformada em um “freak show”. Por isso, pede que as identidades não se sobressaiam ao trabalho e feitos das pessoas. “Quanto mais nos fixarmos nela, menos nos sentiremos normais e seguros em nossa vida cotidiana.”

Volkswagen mostra versão elétrica e autônoma da clássica Kombi

São Paulo – A Kombi da Volkswagen ganhou novo visual e um banho de tecnologia que promete trazer o clássico automóvel para o século 21. A montadora mostrou durante o Salão de Detroit, nos Estados Unidos, uma versão elétrica e autônoma do veículo.

Chamado de I.D. Buzz, o protótipo tem dois motores elétricos, um na dianteira e outro na traseira – juntos, eles oferecem 374 cavalos de potência. Segundo a Volkswagen, a nova Kombi vai de zero a 100 km/h em apenas cinco segundos e sua velocidade é limitada a 160 km/h.

O I.D. Buzz poderá ser reabastecido a partir de duas maneiras. A primeira é por indução eletromagnética, ou seja, a bateria do veículo será recarregada ao andar por vias ou vagas preparadas com a tecnologia de recarga sem fio. A segunda é mais simples: o carro receberia a carga ao ser plugado em estações de recarga — como acontece com os automóveis da Tesla.De acordo com a montadora, a bateria do I.D. tem autonomia de 600 quilômetros e sua bateria pode ir de 0% a 80% de carga em apenas 30 minutos – isso só é possível quando um carregador rápido for usado.kombi.png

Uma das características tecnológicas mais bacanas do I.D. Buzz é o seu painel – ou melhor, a falta dele. O carro projeta em 3D as informações em uma tela de realidade aumentada. Recursos como ar-condicionado e rádio podem ser controlados a partir de um tablet removível.

Outra ferramenta que chama a atenção é o modo autônomo I.D. Pilot. Quando ativado, esse modo permite que o motorista se torne um passageiro. Isso porque, o volante retrai e entra no painel de instrumentos para liberar mais espaço. Até o banco do motorista pode ser virado para trás para que ele interaja com os outros passageiros.I.D. Buzz da VolkswagenNão foi apenas o interior da nova Kombi que mudou. O seu visual está um pouco mais moderno com o logotipo na dianteira iluminado e os faróis e as lanternas finos.

O I.D. Pilot é o segundo da família I.D. – o primeiro foi lançado no Salão de Paris. A Volkswagen pretende colocar a linha com propulsão 100% elétrica no mercado em 2020. A versão autônoma (com I.D. Pilot) está prevista para 2025. [Marina Demartini]

Produtora de Angry Birds vai abrir estúdio em Londres

1484590472658.jpg

A Rovio, de Angry Birds, vai abrir um nova sede na capital inglesa


A produtora finlandesa de videogames e animação  Rovio Entertainment  está ampliando a busca por novos jogos de  sucesso com a abertura de um estúdio de desenvolvimento em Londres. A nova sede será focada em games multiplayer que não vão depender apenas da marca Angry Birds.

A Rovio tem enfrentado dificuldades nos últimos anos com a queda no lucro da franquia Angry Birds, o que fez a empresa fazer profundos cortes de empregos e vender ativos. Mas no ano passado, a Rovio lançou um filme de animação Angry Birds 3D que teve sucesso e gerou novos acordos de licenciamento para a companhia.

Agora a empresa está investindo para criar uma equipe de cerca de 20 pessoas em Londres que serão dedicadas a criar jogos multiplayer massivos online (MMO), com foco em novos personagens.

“MMO é um gênero que está crescendo em dispositivos móveis, mas não está totalmente saturado. Não estamos buscando por uma posição de nicho, mas um game muito amplo e inclusivo”, disse Wilhelm Taht, diretor de jogos da Rovio, à Reuters.

O game original Angry Birds, no qual os jogadores usam estilingues para atacar porcos que estão roubando os ovos das aves, foi lançado em 2009 e continua sendo o principal aplicativo pago de todos os tempos.

Questionado sobre o sucesso de Pokémon Go, da Nintendo, Taht disse que o título realmente colocou a tecnologia de realidade ampliada (AR, na sigla em inglês) no mapa da indústria. “Nós vamos, claro, acompanhar a AR como uma tecnologia e ferramenta”, disse ele. [Reuters]

Estúdio japonês de arquitetura Mizuishi Architect Atelier cria casa triangular de apenas 29 m²

01.jpg

A casa triangular de apenas 29 m² fica em Tóquio, no Japão (Foto Hiroshi Tanigawa/Reprodução)


O estúdio japonês de arquitetura Mizuishi Architect Atelier desenvolveu um imóvel de 29 m², em Tóquio, que chama atenção pelo formato triangular. A residência possui dois andares e, ao contrário do que estamos habituados, o quarto ocupa o primeiro andar, enquanto a cozinha está instalada no segundo piso.

Apesar de pequena, a casa possui elementos que trazem sensação de amplitude. O pé-direito alto no segundo andar é o principal. A decoração segue o estilo minimalista e cria um espaço confortável para a circulação dos moradores. Para finalizar, todas as paredes são brancas – o que também contribui para ampliação visual dos ambientes. [Julyana Oliveira]

A vista da frente do imóvel evidencia a aparência triangular (Foto:  Hiroshi Tanigawa/Divulgação)A vista da frente do imóvel evidencia a aparência triangular (Foto Hiroshi Tanigawa/Divulgação)
Vista lateral do imóvel (Foto:  Hiroshi Tanigawa/Divulgação)Vista lateral do imóvel (Foto Hiroshi Tanigawa/Divulgação)
O primeiro piso é inteiramente integrado sem paredes  (Foto:  Hiroshi Tanigawa/Divulgação)O quarto está localizado no primeiro piso e não tem paredes (Foto Hiroshi Tanigawa/Divulgação)
O segundo piso com pé-direito alto conta um espaço acima para brinquedoteca (Foto:  Hiroshi Tanigawa/Divulgação)No segundo piso, está a cozinha e ainda sobro espaço para a brinquedoteca (Foto Hiroshi Tanigawa/Divulgação)
Cozinha instalada no piso superior (Foto:  Hiroshi Tanigawa/Divulgação)Cozinha instalada no piso superior (Foto Hiroshi Tanigawa/Divulgação)
A casa ainda conta com um espaço para home office (Foto:  Hiroshi Tanigawa/Divulgação)A casa ainda tem espaço para um home office (Foto Hiroshi Tanigawa/Divulgação)

Casa em Beverly Hills tem décor neutro e peças de design

1-casa-em-beverly-hills-com-paleta-de-cores-neutra-pecas-de-design-sala-de-estar

(Reprodução/Laure Joliet/Architectural Digest)


O escritório Kapito Muller Interiors, das designers Alyssa Kapito e Vivian Muller, foi o responsável pelo projeto desta casa em Beverly Hills (EUA). Os proprietários queriam que a decoração fosse composta por peças únicas de design e estavam empolgados por começar sua coleção de mobiliário. A luminária de chão vintage de Pierre Guariche e o tapete de sisal da Merida da sala de estar são alguns exemplos dessas peças escolhidas a dedo para a casa. Mariana Conte2-casa-em-beverly-hills-com-paleta-de-cores-neutra-pecas-de-design-hall(Reprodução/Laure Joliet/Architectural Digest)
A entrada da casa é branca e acolhedora. O piso de madeira imita a madeira clara do móvel feito sob medida. As cadeiras brancas com desenho gráfico de Maximilian Eicke dão um tom extravagante ao espaço.3-casa-em-beverly-hills-com-paleta-de-cores-neutra-pecas-de-design-escada(Reprodução/Laure Joliet/Architectural Digest/Architectural Digest)
O corredor que dá acesso à escada segue a paleta de tons claros. Quadros estão presentes por todos os ambientes da casa.4-casa-em-beverly-hills-com-paleta-de-cores-neutra-pecas-de-design-cozinha(Reprodução/Laure Joliet/Architectural Digest)
As designers escolheram uma paleta de cores neutras para que os materiais escolhidos pudessem ganhar destaque no décor. Na cozinha, totalmente branca, uma ilha central fornece dois lugares para refeições e ainda há uma mesa de jantar com um banco oferecendo assentos em um dos lados.5-casa-em-beverly-hills-com-paleta-de-cores-neutra-pecas-de-design-sala-de-jantar(Reprodução/Laure Joliet/Architectural Digest)
A sala de jantar tem linhas limpas e faz um mix de tons sobre tons – tudo sempre neutro e muito claro.6-casa-em-beverly-hills-com-paleta-de-cores-neutra-pecas-de-design-sala-de-estar(Reprodução/Laure Joliet/Architectural Digest)
No living integrado ao exterior, pequenos detalhes em tons mais escuros fazem contraste com as peças claras. A planta alta no interior cria uma conexão com o verde do lado de fora.7-casa-em-beverly-hills-com-paleta-de-cores-neutra-pecas-de-design-mesa(Reprodução/Laure Joliet/Architectural Digest)
Neste canto da sala, a mesa pode ser usada para almoços em família, aproveitando a luz natural e o ambiente do jardim. O jogo de cadeiras é de Mies van der Rohe, grande nome da arquitetura e do design do século XX.8-casa-em-beverly-hills-com-paleta-de-cores-neutra-pecas-de-design-quarto(Reprodução/Laure Joliet/Architectural Digest)
O quarto principal é muito bem iluminado e arejado, segue uma paleta monocromática e é perfeito para o descanso.9-casa-em-beverly-hills-com-paleta-de-cores-neutra-pecas-de-design-banheiro(Reprodução/Laure Joliet/Architectural Digest)
Os tons claros continuam no banheiro da suíte principal que conta com uma banheira feita sob medida e com piso de mosaicos.
Fonte: Architectural Digest

Miley Cyrus monta bar de maconha para aniversário da irmã e namorado

 1172686-1_og.jpgMiley Cyrus na festa de aniversário do noivo e de sua irmã (Foto: Instagram)


A cantora Miley Cyrus compartilhou com seus seguidores no Instagram alguns detalhes da festa que organizou para o aniversário conjunto de sua irmã, Noah Cyrus, e de seu noivo, Liam Hemsworth. O principal destaque do evento foi um bar temático com vários tipos de produtos de maconha. Em uma das imagens, Cyrus aparece com um cigarro na boca e utilizando um colar com notas de 100 dólares  em frente ao bar temático.

“Havia realmente um bar inteiro com bacias cheias de cigarro, chocolates de machonha e várias outras coisas de graça que podia ser consumidas por lá”, revelou uma convidada anônima ao site da revista US Weekly. A celebração foi no dia 13 de janeiro.

Posteriormente, a cunhada da cantora, a atriz Elsa Pataki, também compartilhou várias imagens feitas durantes a festa. Em uma delas ela aparece com um amigo próxima a uma pizza gigante que foi servida durante a festa.

Elsa Pataki na festa organizada por Miley Cyrus (Foto: Instagram)Elsa Pataki na festa organizada por Miley Cyrus (Foto: Instagram)Elsa Pataki na festa organizada por Miley Cyrus (Foto: Instagram)Elsa Pataki na festa organizada por Miley Cyrus (Foto: Instagram)Miley Cyrus e o noivo, Liam Hemsworth (Foto: Instagram)Miley Cyrus e o noivo, Liam Hemsworth (Foto: Instagram)

American Apparel está oficialmente fechando as portas

Sempre orgulhosa de oferecer produtos feitos nos Estados Unidos, com preços acessíveis e uma gama de cores que dificilmente se encontrava no mercado, a marca conta com uma fábrica com mais de 3.500 funcionários.

Segundo o Los Angeles Times, na última semana, a Gildan aceitou pagar US$ 88 milhões pela propriedade intelectual da AP, além de alguns equipamentos de produção. O grupo, no entanto, não teve qualquer interesse nas 110 lojas espalhadas pelos EUA ou topou assinar contratos de licenciamento de produtos para continuar a produção e distribuição de peças criadas sob a etiqueta. Isso significa que os mais de 3 mil funcionários que trabalham nas fábricas e na sede da label em Los Angeles podem perder o emprego em questão de dias.

A AP passa por problemas sérios há dois anos, depois de acumular uma série de dívidas. O conselho e a presidência da empresa, fundada por Dov Charney em 1997, ficou fragilizada por não saber lidar corretamente com a crise, além da recusa do fundador de terceirizar a produção para países que cobram mais barato pela mão de obra.

O boom do fast fashion e a falta de adaptação da marca em um mundo online que pede por novidades a todo momento também causaram um baque na etiqueta, que fez sucesso vendendo peças básicas, com cortes modernos e clássicos, com um destaque especial para as leggings coloridas e t-shirts básicas.

Naomi Campbell e Justin Levy estrelam verão 2017 da Givenchy Jeans

16110444_1352862764786990_3894541885766631424_n.jpgNaomi Campbell e Justin Levy (Foto: Reprodução/Instagram)
Depois de Gisele Bündchen e Cauã Reymond no inverno 2017, Candice Swanepoel no inverno 2016 e Irina Shayk no verão 2016, é a vez de Naomi Campbell e Justin Levy serem escalados para estrelar a campanha da linha denim da Givenchy.

A dupla foi clicada por Luigi & Iango com styling de Carine Roitfeld para a novidade de verão 2017 divulgada nesta segunda-feira (16.01).