Ao negar hospedagem para neo-nazistas, Airbnb prova que é a mais engajada das startups

Empresa cancela contas de supremacistas brancos que pretendiam se hospedar em Charlottesville, colocando em prática compromisso assumido em comercial

airbnb-logo ok.pngQuando as marcas se posicionam em campanhas e manifestos, muitas vezes questionamos a honestidade por trás do discurso. Estariam realmente colocando o que dizem em prática ou estão apenas surfando no momento?

O Airbnb, por exemplo, veiculou um comercial no Super Bowl este ano com uma mensagem de inclusão, atacando diretamente a política xenófoba em voga nos Estados Unidos.

Poderia ser só mais um texto bem escrito, mas a empresa vem provando consistentemente que vai fazer valer sua crença na igualdade, como ao colaborar para condenação de uma anfitriã que fez comentários racistas como justificativa para cancelar uma reserva. Porém, o embate foi mais direto e delicado na última sexta, 11 de agosto.

A cidade de Charlottesville, na Virginia, vivenciou um dia típico do século passado com um grupo de ultranacionalistas brancos carregando tochas e gritando contra negros, imigrantes, gays e judeus.

Não graças ao Airbnb que, alegando violação dos termos de uso, cancelou reservas e bloqueou as contas de usuários que pretendiam se hospedar na cidade para participar da marcha racista.

Como reportou o Gizmodo durante a semana, a empresa verificou cada perfil interessado em residências em Charlottesville, identificando assim quais faziam parte do movimento Unite the Right. Segundo o Airbnb, suas contas foram canceladas por comportamento anti-ético.

É um caso raro de uma companhia de tecnologia se envolvendo tanto na luta contra o ódio. Basta lembrar que o Twitter, por exemplo, é frequentemente acusado de nada fazer para coibir comentários racistas e xenófobos. O Facebook, apesar de já ter demonstrado boa vontade, também enfrenta dificuldades em moderar sua quantidade incomensurável de conteúdo. Muitas atitudes só são tomadas depois que as ofensas viralizam na mídia.

Já agora, o Airbnb tomou uma atitude preventiva, provando que leva a sério o compromisso proposto para a sua comunidade. Levemos ainda em consideração que, devido a natureza do seu serviço, provavelmente não ocasionaria repercussão negativa para a empresa. O que só faz valer ainda mais a decisão de não permitir que sua plataforma seja usada por supremacistas brancos para espalhar a violência.

O acontecimento, porém, mostra o tamanho do problema que Silicon Valley precisa enfrentar. Não é fácil interpretar as intenções de seus usuários, quanto mais investigar um por um. Além disso, são decisões delicadas que facilmente podem ser questionadas pelo seu viés político e contra o combalido entendimento do que é “liberdade de discurso”.

É por isso que as empresas de tecnologia ainda tem muito o que investir em ferramentas que permitam que os próprios usuários combatam a discriminação. Se a intervenção do Airbnb dessa vez parece clara e justa, como a empresa pode lidar melhor com o racismo do dia a dia?

De qualquer maneira, a empresa define um novo padrão do que é assumir um compromisso corporativo, daqueles que colocam valores na frente do dinheiro e, como pouco se vê, coloca em prática as palavras bonitas do comercial. []

Concreto, asfalto, poeira: os perfumes de 2017 tem cheiros novos

O mundo dos perfumes também está buscando alternativas para tornar suas fragrâncias mais atuais e diferentes. A Comme des Garçons é uma das pioneiras no tema, e acaba de lançar o perfume Concrete, inspirado no concreto, que recebe a descrição no site da Selfridges de ser “uma exploração da destruição, construção e criação.” A marca já vinha ensaiando um produto assim desde que lançou a Serpentine, focada em representar o encontro do cheiro do asfalto e da natureza em Londres.
recadr___jpg_4639_jpeg_1407.jpeg_north_499x_whitePerfect Summer Weekend, de Gosha Rubchinskiy para a Comme des Garçons (Divulgação/Divulgação)

O material de construção tão inesperado em um mundo olfativo de rosas e baunilha está se espalhando cada vez mais pelo mundo dos perfumes, como no cheiro desenvolvido pelo designer Gosha Rubchinskiy, que foi criado para trazer o aroma de uma tarde de skateboarding no verão.

O mesmo acontece com as fragrâncias de Christopher Sannon e Serge Lutens, o famoso perfumista cult e makeup artist que desenvolveu o perfume mais inusitado dessa nova leva, o “Dent de Lait”, feito para que as pessoas relembrem o momento de perder seu primeiro dente.

Sem título.jpg90

 Dent de Lait, de Serge Lutens (Serge Lutens/Divulgação)

Assim como nos anos 90 o mundo dos perfumes passou das fragrâncias adocicadas para as unissex, as experimentações estão cada vez mais comuns e focadas nos consumidores millenials: nenhum desses lançamentos citados tem foco em um gênero específico. Como exibido pela Vetements nas passarelas, a retratação e a presença do mundano tem sido cada vez mais fashionista e inspiradora do que o glamour. [ELLE]

La Femme est l’Art Preview / Factice Magazine #13 Summer 2017

3 (6)Left: Pink Top, Style Mafia. Dress, Aurora Vestita. Skirt, Portland Garment Factory. Earrings, Mikinora. Right: Top, Style Mafia. Earrings, Yah Yah.


Photographer: Erika Astrid | @erikaastrid
Stylist: Katie Freedle | @katiefreedle
Makeup and Hair: Beth Level | @bethlevelartistry
Model: Georgia Weeks | @georgia_weeks at Photogenics
Retoucher: Oleg Palchyk | @palchykoleg

Laura Neiva e Michael Camiloto para Forum

070717-laura-neiva-e-michael-camiloto-forum-05Um é pouco, dois é demais! Laura Neiva e Michael Camiloto são os escolhidos para estrelar a campanha de primavera-verão 2017/18 da Forum. Para mostrar a coleção com pegada cool e sexy, que traz peças icônicas da história da marca sob o olhar de Bruno Delfino, a dupla aparece com visual descolado em cliques preto e branco feitos por Tavinho Costa e styling por Giovanni Frasson. [Lilian Pacce]

Kim Kardashian se reuniu com advogados para discutir as finanças de Kanye West

kim fur.jpgAs pendengas financeiras de Kanye West começaram a tirar o sono de Kim Kardashian, que é casada com ele. Nesta semana, a reality star teve um encontro super secreto com seus advogados para discutir a possibilidade de reforçar o acordo pré-nupcial que assinou antes de subir ao altar com o rapper, em 2014.

O maior medo de Kim, conforme ela deixou claro na reunião com seu time legal, é que os gastos excessivos do companheiro acabem afetando suas próprias finanças, que são bem mais gordas que as dele, e prejudiquem o futuro de seus filhos.

No ano passado, Kanye revelou uma dívida gigantesca de US$ 53 milhões (R$ 168,1 milhões) e em um aparente ato de desespero até pediu US$ 1 bilhão (R$ 3,17 bilhões) emprestados para Mark Zuckerberg, o cofundador e CEO do Facebook, em uma série de posts que fez no Twitter.  [Anderson Antunes]

Liga da Justiça ganha mais um banner com inspiração em Alex Ross

ligajustica13agosto.jpgLiga da Justiça ganhou mais um banner com inspiração no traço de Alex Ross (via Screen Rant). A imagem é semelhante ao pôster divulgado na San Diego Comic-Con, mas dessa vez mostra os heróis de corpo inteiro.

Liga da Justiça tem no elenco Ben Affleck (Batman), Gal Gadot (Mulher-Maravilha), Henry Cavill (Superman), Jason Momoa (Aquaman), Ray Fisher (Ciborgue), Ezra Miller (Flash), Amber Heard (Mera), Willem Dafoe (Vulko), J.K. Simmons (Comissário Gordon), Jesse Eisenberg (Lex Luthor), Jeremy Irons (Alfred) e Amy Adams (Lois Lane), entre outros, e previsão de estreia para 16 de novembro. [Camila Sousa]

Casa MeMo / BAM! arquitectura

IMG_2037Do arquiteto. A residência MeMo, implantada em um terreno em San Isidro, zona norte da província de Buenos Aires, Argentina, surge com a premissa de uma cliente apaixonada por paisagismo com forte convicção sobre sustentabilidade e o cuidado com o meio ambiente em realizar um projeto em um terreno entre empenas reduzindo ao máximo a perda de espaços verdes na construção da moradia.

Diante desse requerimento propomos construir a arquitetura e paisagem de forma simultânea. Os metros quadrados da projeção da edificação se tornam jardins em três dimensões, vinculando através do mesmo todos os pavimentos.

O desenho morfológico nasce da decisão de aproveitar os metros quadrados do solo vegetal por um lado e gerar uma entrada de luz através de um pátio por se tratar de um terreno entre empenas. Diante dessa disposição cria-se um jogo topográfico por meio de um sistema de rampas verdes que conectam o nível zero como primeiro pavimento e a cobertura, criando um contínuo terraço jardim.

MeMo é um projeto onde o percurso arquitetônico assume um papel decisivo levando em conta o usuário habitual e ocasional criando um espetáculo, não somente uma imagem fixa mas uma série de imagens que se sobrepõem onde cada quadro da cena foi pensado.

Concebemos a sustentabilidade do projeto como um caminho e não como uma meta, levando em conta as normas LEED como base e incorporando a durabilidade e a economia, conceitos que para nós são fundamentais em nossas obras de arquitetura, satisfazendo desta forma as necessidades das gerações presentes sem comprometer as possibilidades das futuras, de forma tal que se reduz de maneira significativa o impacto sobre o meio-ambiente e seus habitantes.

Primeiramente, abordamos o caminho da sustentabilidade através da escolha de um terreno sustentável onde a proprietária pode se deslocar a pé ou em bicicleta para a maioria das suas atividades; assim como através da utilização da vegetação nativa em seus jardins e coberturas, restaurando a paisagem natural e reduzindo o efluente pluvial.

Desta forma, iniciamos o desenho com postura ambiental, prestando atenção na implantação no terreno, sua orientação, a morfologia do volume construído a respeito do percurso do sol e sua incidência nos espaços para aproveitar sua energia, a localização estratégica de vegetação nativa e a escolha dos materiais isolantes da envolvente arquitetônica.

Uma vez que determinamos a volumetria da edificação, começamos com intervenções mais pontuais. Primeiro com o uso eficiente da água por meio da tecnologia eficaz na coleta de águas pluviais para a irrigação das espécies nativas as quais têm um requerimento mínimo de hidratação.

A respeito da eficiência energética dispomos painéis solares para o fornecimento de energia elétrica,  assim como para a climatização. Adicionamos, ainda, a correta ventilação utilizando vidros com DVH aumentando o isolamento térmico. Ambas medidas adotadas nos permitem reduzir o consumo de energia. Traduzido por Camilla Sbeghen

Este slideshow necessita de JavaScript.

Arquitetos: BAM! arquitectura
Localização: San Isidro, Argentina
Arquitetos Responsáveis: Gonzalo Bardach, Matias Mosquera
Área: 215.0 m2
Ano do Projeto: 2016
Fotografias: Jeremías Thomas
Fabricantes: Bulla, Issei, Las Marinas, Perfiles y Servicios, Ing. Pedro Gea
Outros Participantes: Gonzalo Bardach – Matías Mosquera – Marcos Gonzalez Mazza – Angélica Weissheim, Lic. Lucia Ardissone, Lic. Ana Garcia Ricci, Lic. Ignacio Fleurquin, Alejandra Yamasato, Plablo Rubio, Dr. Gabriel Burgueño.

Bilheteria EUA: Annabelle 2 – A Criação do Mal, Dunkirk, O Que Será de Nozes 2, A Torre Negra, Emoji – O Filme

thumbnail_24924 (1)Annabelle 2 – A Criação do Mal surpreendeu e ficou na liderança da bilheteria americana em sua semana de estreia. O filme arrecadou US$ 35 milhões, superando as projeções que apontavam uma arrecadação em torno de US$ 30.

A produção conta a história de um fabricante de bonecas e sua esposa que, 20 anos depois da trágica morte de sua filha, recebem em sua casa uma freira e várias meninas de um orfanato. Logo, no entanto, elas se tornam alvo da boneca possuída Annabelle.

A segunda colocação ficou com Dunkirk, o filme de guerra dirigido por Christopher Nolan. Com queda de 33% em sua quarta semana de exibição, o filme arrecadou US$ 11 milhões no fim de semana.

O filme é baseado na história da Operação Dínamo, que conseguiu resgatar mais de 330 mil homens da cidade que dá nome ao filme, durante a Segunda Guerra Mundial.

A animação O Que Será de Nozes 2, também em seu fim de semana de estreia, arrecadou US$ 8,9 milhões e ficou na terceira posição.

Na trama, Surly e seus amigos tentam impedir que o prefeito da cidade construa um empreendimento que vai demolir sua casa no parque. A estreia do filme no Brasil está marcada para 14 de setembro.

A quarta colocação da semana ficou com A Torre Negra, adaptação do livro de Stephen King, dirigida por Nikolaj Arcel. O filme caiu 58% em sua segunda semana, arrecadando US$ 7,8 milhões.

O elenco de A Torre Negra tem Idris Elba como Roland, o Pistoleiro, Tom Taylor como Jake Chambers e Matthew McConaughey como Walter Padick, o Homem de Preto. Na história, o Pistoleiro – que busca a lendária Torre Negra há anos – encontra o menino Jake, cujos poderes especiais começam a se manifestar do nada, e descobre que o Homem de Preto está maquinando um esquema para destruir os mundos de ambos protagonistas.

Fechando o top 5 da semana nos EUA, está Emoji – O Filme, que recebeu muitas críticas negativas. A animação teve queda de 45% em comparação com a semana anterior e arrecadou US$ 6,5 milhões.

A trama se passa dentro da cidade de Textopolis, a terra secreta dos emojis que fica dentro dos smartphones, e acompanha a história de Gene, um emoji com múltiplas expressões que embarca em uma viagem para se tornar um emoji normal. A estreia no Brasil está marcada para 31 de agosto.

Os garotos de “Stranger Things” na capa da “Nylon Guys”

Sem título.png09Sem a Eleven: os meninos de “Stranger Things” na capa da “Nylon Guys”


A nova temporada de “Stranger Things” estreia só em outubro, mas os meninos da série posaram pra capa da “Nylon Guys” pra você matar a saudade de elenco fofíssimo da série! Finn Wolfhard (Mike), Gaten Matarazzo (Dustin), Noah Schnapp (Will) e Caleb McLaughlin (Lucas) foram clicados por Sacha Maric com styling de J. Enrico pra edição de setembro da publicação. Os garotos posaram vestindo jeans, camiseta e Converse – numa vibe boy band! [Lilian Pacce]