Inumanos | Medusa aparece careca em novo trailer da série de TV

Inumanos ganhou um novo trailer que mostra a Medusa sem seus famosos cabelos:

A trama da série se passa nos dias atuais e terá cenas na Terra e na Lua, seguindo a Família Real dos Inumanos. Filmada com câmeras IMAX, produção terá os seus dois primeiros episódios exibidos nas enormes telas por duas semanas – em cópias dubladas e legendadas. No Brasil, o Canal Sony será responsável pela transmissão.

A série faz sua estreia nos cinemas no dia 31 de agosto. [Camila Sousa]

“Esse Case É Foda”: pesquisa mostra resultado sobre assédio dentro de agências de publicidade nordestinas

71% das profissionais das agências de publicidade nordestinas já sofreram algum tipo de assédio na área

Cansadas de discutirem apenas entre si os casos de machismo e assédio que presenciam, as mulheres da agência TagZag, de João Pessoa, criam uma pesquisa virtual com mulheres de estados do Nordeste a fim de mapear a realidade sobre o tema nas agências de publicidades.

O resultado é o projeto “Esse Case É Foda”, divulgado no último dia 26, no qual é comemorado o Dia da Igualdade Feminina.

Os números da pesquisa, como você deve imaginar, não são os melhores. 71% das profissionais das agências de publicidade nordestinas já sofreram algum tipo de assédio na área. Outros resultados podem ser conferidos abaixo.

Para Carol Crozara, idealizadora do projeto, é necessário criar gatilhos para evitar o assédio e reduzir o machismo nas agências. Uma das etapas é justamente divulgar o quanto essa é uma realidade no meio publicitário, e que ficar em silêncio só ajuda a manter o ambiente confortável para os assediadores.

Confira no site “Esse Case É Foda” cases reais com depoimentos anônimos coletados dentro da pesquisa. []

Marie Claire Turquia Setembro 2017 Natalia Kszczotek and Elizaveta Precup by Kerem yilmaz

Marie-Claire-Turkey-September-2017-Natalia-Kszczotek-Kerem-yilmaz-6Photography: Kerem yilmazStyled by: Seyma Arslaner. Hair: Nuri Şekerci. Makeup: Orbay Baş. Models: Natalia Kszczotek & Elizaveta Precup.

SPFW N44: Estilista Paula Raia faz apresentação apenas com looks em rosa millenial

1503953751017Desfile ocorreu um espaço artístico que fica em um coworking da Vila Madalena Foto: Instagram/@agfotosite


O desfile de Paula Raia, que ocorreu na segunda, 28, não foi bem um desfile, foi uma experiência – para usar uma palavra da moda. Os convidados recebiam um robe cor de rosa claro de linho logo na entrada da Flag, um espaço artístico que fica em um coworking da Vila Madalena. Em seguida, em grupos, percorreriam quatro ambientes nos quais  as modelos dançavam e posavam como bailarinas em vez de cruzar a passarela, em uma apresentação performática e sensorial, com direito a incenso no ar e quartzos rosa espalhados na decoração.

O cristal, aliás, serviu como referência também para a coleção, toda em tons rosados. Algodões, rendas e rechekieu ganharam aplicações e bordados vítreos, em uma simetria inspirada na artista plástica americana Agnes Martin, conhecida por seu trabalho místico. É a moda do bem-estar, do wellness, da espiritualidade.

A seguir, a estilista Paula Raia falou com exclusividade ao Estado sobre suas inspirações e desafios.

Enquanto a moda corre tentando encontrar um caminho, você decidiu investir na moda sem pressa. Como foi essa escolha? 
Não sei se foi exatamente uma escolha, mas uma adaptação do meu trabalho ao meu mundo, ao meu ritmo e ao que eu acredito como roupa, como vivência. Sem pressa, com conteúdo e autenticidade.

De onde surgiu a ideia do rosa?
Eu nunca tinha trabalhado o rosa na minha marca. Foi um desafio e uma revelação. A cartela de cores surgiu muito da minha paixão pelos cristais.

Por que vestir os convidados também?
Eu quis sair do desfile convencional e apresentar a minha coleção como uma vivência coletiva, onde todo mundo pudesse entrar no clima da coleção em uníssono.

Como a moda pode ajudar a melhorar o mundo?
A moda é o corpo. Pensar roupa é pensar no corpo de forma completa, emoções, afetos, razão, estética. Propor transformações no corpo é propor transformações no mundo. Fora isso, procuro seguir um sistema de produção das peças humano, com respeito a todas as trabalhadoras envolvidas no processo.

Como é ser uma estilista no Brasil? Qual vem sendo seu grande desafio?
Ser estilista é ter muita dedicação, é acreditar no seu trabalho mesmo quando todos falam o contrário.

SPFW N44: Paula Raia prometia um desfile único, mas o resultado foi outro, diz Vivian Whiteman

oraIncenso no ar, cristais no décor, referências ao trabalho da artista Agnes Martin, com sua pintura abstrata e universo místico. Imprensa e clientes foram convidados a usar robes de linho cor-de-rosa. A espera de mais de uma hora para o desfile de Paula Raia prometia uma experiência única, mas o resultado foi outro.

Dezenas de pessoas com celular na mão apertadas em salas onde modelos dançavam em uma suposta performance artística. Apesar dos bonitos vídeos e instalações, o acting das modelos era superficial, mecânico, e a atmosfera, tomada por um ar zen de boutique. Elas pareciam cansadas, com razão; algumas tentavam não rir.

Se a ideia era falar do poder do feminino profundo, como sugeria o release, a imagem estava mais próxima de uma prisão em transe com uma plateia agitada que se movia confusa no espaço. Uma pena, porque as roupas de Paula, numa cartela rosácea, são muito bonitas, embora, em geral, menos complexas do que em coleções anteriores.

Os vestidos da estilista, desta vez, ganhavam aplicações de vidro que tilintavam pelo cenário: bolinhas que formavam colares feito bolhas de água, quadradinhos que faziam as vezes de paetê e blocos maiores que davam efeito geométrico às peças. As rendas preciosas e o trabalho artesanal sempre muito delicado ganhariam mais vida em um ambiente em que ideia e execução tivessem um encontro mais afinado. [Vivian Whiteman]

Conheça Miquela, a influenciadora digital que não existe – e é seguida por quase 300 mil pessoas

Miquela é uma simulação virtual de pessoa que posta fotos, fala de tendências e acaba de lançar seu primeiro single

Sem título.jpgEla não é real, mas isso não a impede de atrair muitos seguidores Foto: Instagram/ @lilmiquela


Miquela é uma das novas celebridades do Instagram. Ela troca dicas de maquiagens com seus seguidores, posta fotos nos bastidores de shows e escreve mensagens de cunho político. Sua rede social já passa de 260 mil seguidores.

Há um detalhe, no entanto, que é o mais importante de tudo: Miquela não é uma pessoa de verdade. Ela não passa de simulação virtual de uma pessoa, criada por alguém ou por um grupo de pessoas que se mantém no anonimato e não esclarece sua motivação. O jornal The Washington Post já a considera “o maior mistério do Instagram”.

Mais do que isso, ela acaba de lançar seu primeiro single na plataforma de streaming musical Spotify. A música já alcançou o grupo de mais tocadas. Para todos os efeitos, ela é uma das tendências do momento.

Os usuários das redes sociais se questionam sobre o propósito da criação de Miquela. Alguns alegam que ela não passa de um projeto para estudar sua performance. Outros questionam se ela não serviria para propósitos capitalistas, uma vez que ela tem potencial para influenciar as centenas de milhares de seguidores.

Até que seus criadores sejam revelados, o mistério continuará sem resposta. Por  enquanto, Miquela levanta a questão: será que no futuro os ídolos também serão criados por computador?

Confira algumas postagens da influenciadora digital:

https://www.instagram.com/p/BWTnt7GF0h9/

View this post on Instagram

#fanartfriday use the link in bio to DM me ur work 💋

A post shared by Miquela (@lilmiquela) on

https://www.instagram.com/p/BWJhGwrlkjM/

https://www.instagram.com/p/BMDIue3FOSJ/

Mark Zuckerberg anuncia o nascimento de sua segunda filha

August, como foi chamada, recebeu dos pais um texto de boas-vindas publicado no perfil oficial de Zuckerberg no Facebook

1503943994798.jpgA segunda filha de Mark Zuckerberg com Priscilla Chan se chama August.

Cofundador e presidente executivo do Facebook, Mark Zuckerberg anunciou nesta segunda-feira, 28, o nascimento de sua segunda filha com sua mulher, Priscilla Chan. Para celebrar o nascimento da menina, chamada de August, o casal publicou uma carta de boas-vindas no perfil oficial de Zuckerberg.

No texto, os pais dizem que estão felizes com seu nascimento da filha e comentam sobre suas expectativas em relação à infância da menina e ao mundo em que ela irá viver. “A infância é algo mágico. Você só pode ser criança uma vez, então não perca muito tempo se preocupando com o futuro, já que nós estamos aqui para cuidar disso por você. Nós faremos o possível para garantir que o mundo seja um lugar melhor para você e todas as crianças de sua geração”, afirmou o casal, na rede social.

Quando Max, a primeira filha do casal, nasceu, Priscilla e Mark também publicaram um texto na rede social comentando o nascimento. A carta, mencionada no texto de August, focava na preocupação dos pais com o mundo em que a primogênita viveria. Na ocasião, o casal surpreendeu o mundo ao anunciar que Zuckerberg vai doar 99% de suas ações do Facebook para projetos de filantropia ao longo de sua vida, por meio da Iniciativa Chan Zuckerberg.

Licença. Antes do nascimento da segunda menina, Mark Zuckerberg anunciou que tiraria dois meses de licença maternidade para ficar com sua família. No entanto, ao contrário do que fez no nascimento de Max, o presidente executivo vai dividir a licença em duas etapas.

“Vou tirar um mês de licença para estar com Priscilla e as meninas no início, e então passaremos o mês inteiro de dezembro também com elas”, publicou o empresário na rede social, com uma foto de sua primeira filha com o cachorro de estimação da família.

Kim Kardashian é chamada de ‘Nova Primeira Dama dos Estados Unidos’ na capa da revista norte-americana Interview

“Você pode dizer muitas coisas sobre mim, mas não que eu não trabalhei duro”, diz a empresária

Sem título.jpgKim Kardashian e sua filha, North West, na capa da revista norte-americana Interview Foto: Twitter/ @kimkardashian


A empresária e socialite Kim Kardashian revelou hoje, no Twitter, a imagem da capa da revista norte-americana Interview, em que aparece com sua filha. Na manchete da edição está escrito: ‘Nova Dama dos Estados Unidos, Kim Kardashian West e sua filha North West’.

Este slideshow necessita de JavaScript.

No clique, fotografado por Steven Klein, Kim utiliza um vestido da H&M Studio, com o cabelo bem volumoso, remetendo aos looks da ex-primeira dama Jackie Kennedy. Na entrevista, feita pela escritora Janet Mock, a empresária comenta as críticas de que não fez nada relevante para ser famosa: “Você pode dizer muitas coisas sobre mim, mas não que eu não trabalhei duro. Eu não canto, eu não danço e nem atuo. Mas eu não sou preguiçosa”. North West também foi entrevistada e revelou o seu tipo preferido de pizza – que é de queijo -, e sua música favorita, que é ‘Amazing’, do seu pai, Kanye West.

Topmodels brasileiras pulam o SPFW para participar de desfiles em Nova York

Coincidência de datas fez grandes modelos escolherem os Estados Unidos

Sem título.jpgThairine Garcia Foto: Instagram/ @thairinegarcia


O Brasil é um país que possui muitas modelos que são referência internacional e desfilam para grifes do mundo inteiro. Comumente, estas tops costumam voltar para o país para fazer parte da São Paulo Fashion Week, porém, nesta temporada, algumas escolheram ficar de fora da Semana de Moda brasileira.

O motivo é a temporada de testes para os desfiles da New York Fashion Week, que começa no dia 7 de setembro. As modelos Carol Paes, Isabella Ridolfi, Isis Bataglia, Thairine Garcia e Waleska Gorczecki preferiram tentar participar de desfiles nos Estados Unidos do que estar nas passarelas do Brasil. [Isadora de Almeida – O Estado De S.Paulo]