Uma casa para viver em liberdade na Cidade do México

Sustentável, feita com materiais naturais e poucos limites entre área externa e interna
Por Carol Scolforo I Fotos Rafael Gamo/ Divulgação

casa-cumbres-14
Fotos Rafael Gamo/ Divulgação

Se há um desejo humano cada vez mais forte de estar conectado à natureza, esta casa na Cidade do México o faz de todas as formas, ao direcionar sua arquitetura aos elementos naturais. Em volumes bem definidos que se conectam por pátios abertos, em seus ambientes internos tudo se integra por meio de vãos enormes, em que a fluidez e a amplitude são admiráveis. Do lado de fora, porém, a privacidade é total.

O projeto do escritório Arquitectura Sergio Portillo (ASP), na Cidade do México, também prioriza a entrada da luz por rasgos diversos nos volumes. A sustentabilidade é outro tema forte: a terra usada para escavar o terreno, por exemplo, foi usada para produzir blocos de terra comprimidos, os chamados CEBs, para a construção de 517 m².

No mesmo tom de terra, a fachada mostra a rusticidade de materiais naturais que se aplica nos ambientes internos. A madeira é o elemento que aquece a mistura, ao lado do mármore, mantido sem polimento.

Amplas portas de vidro em frente aos pátios só se fecham quando chove. Em diversos cantos a água surge em fontes ou em um pequeno lago, como na entrada da casa. Os poucos limites entre área interna e externa reforçam a sensação de plena liberdade na cidade.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.