Como usar as micro bags em looks repletos de estilo

Sucesso de vendas e no street style internacional, elas estão no nosso radar fashionista!

Sem título.jpg
 (Fotosite/Agência Fotosite)

As temperaturas baixaram tanto durante as semanas de moda de inverno que, ao inserir os casacos nos looks, as bolsas gigantes foram deixadas em casa. É isso mesmo: a trend da microbag está voltando! Se tudo cabe no bolso dos casacões que desfilaram nas ruas de Milão, Paris, Londres e Nova York, nós não sabemos. Mas a bolsa pequena à tiracolo é de fato ponto pacífico nos looks clicados nas cidades.

E as redes também confirmam a tendência. Em um report lançado pelo site de compras eBay — no qual milhões de transações fashion acontecem diariamente —, a rede afirmou que um dos produtos mais buscados é a microbag. “Em dezembro de 2017, as compras por microbolsas cresceram 38%, e entre setembro de 2017 e janeiro de 2018, os compradores arremataram mais de 2000 desses itens”, conta um press release do site.

Que elas são lindas nós sabemos. Mas talvez seja preciso dar uma espiada nos guias sobre minimalismo fashion antes de arrematar a sua. Quer inspiração? Confira abaixo!

Mulher-Maravilha 2 | Kristen Wiig negocia para viver Mulher-Leopardo no filme

Filmagens devem começar na metade do ano

kristen-wiig
Kristen Wiig – Prabal Gurung Resort 2018

Kristen Wiig está em negociações para viver a vilã Mulher-Leopardo em Mulher-Maravilha 2. A informação é do Hollywood Reporter.

A personagem é uma das maiores inimigas da Mulher-Maravilha e foi apresentada nos quadrinhos em 1943, na Wonder Woman #6. A sua versão mais famosa, porém, é de 1987, quando Len Wein e George Perez assinavam as HQs. Dra. Barbara Ann Minerva é uma antropologista britânica e herdeira que ganha os poderes do Leopardo depois de uma expedição na selva africana. Como Mulher-Leopardo ela possui força e agilidade sobre-humanas, visão noturna aguçada e garras afiadas, capazes de penetrar facilmente carne ou pedra.

Mulher-Maravilha 2 chega aos cinemas em 1º de novembro de 2019. [Natália Bridi]

Madonna posta caricatura assinada por osgemeos e mostra que é fã da street art brasileira

Sem título.jpgCada vez mais ativa nas redes sociais, é possível acompanhar a vida de Madonna por meio de suas postagens no Instagram. Nessa quarta-feira, a popstar homenageou o grafite brasileiro. Postou um desenho seu feito por ninguém menos que osgêmeos com a seguinte legenda: “Drawing by @osgemeos #art #expression #purim #brazil. #love 💚🇧🇷.” Trata-se de uma caricatura da cantora com os traços característicos dos irmãos paulistanos Otávio e Gustavo Pandolfo, que há tempos extrapolaram as fronteiras do Brasil para ganhar o mundo com sua arte.

Visões de futuro no inverno 2018 da Semana de Moda de Milão

Como marcas tradicionais estão garantindo o seu espaço em um mundo que se divide entre o ápice da tecnologia e uma guinada ao artesanal.

untitled-1
 (FOTOSITE/Agência Fotosite)

Quem está começando sonha em ter a estrutura de uma grande marca italiana: acesso a matéria-prima de alta qualidade, mão-de-obra especializada e a garantia de uma visibilidade internacional. Por outro lado, nem tudo é um mar de rosas para as labels milanesas. Carregar consigo a história de uma etiqueta que surgiu e se popularizou em um momento muito específico da moda dificulta o exercício de especificar o espaço da grife no presente. O futuro, então, parece cada vez mais incerto. Mesmo assim, ninguém parece estar pensando em desistência.

Sem título.png3
Versace (FOTOSITE/Agência Fotosite)

Uma série de marcas, nesta temporada de inverno 2018 da Semana de Moda de Milão, está começando a consolidar o seu novo DNA de estilo. Um dos casos é o da Roberto Cavalli. Em sua segunda coleção para a etiqueta Paul Surridgepropõe uma ideia contraditória: um glamour moderno. Por mais que essa seja a busca de diversos estilistas, poucos são os que conseguem enxergar a ambiguidade da ideia e — a partir disso — brincar com ela. Enquanto Surridge pinta torsos masculinos de ombré, aposta em recortes inusitados e tenta limpar os excessos da etiqueta conhecida exatamente por sua opulência, Donatella Versace não cede às pressões da modernidade e mergulha em seu próprio arquivo.

Sem título.png1
Roberto Cavalli  (FOTOSITE/Agência Fotosite)

Depois da coleção de tributo a seu irmão Gianni — o fundador da casa e grande gênio por trás das criações mais icônicas da grife –, ela continua escavando o passado da Versace. Agora, com a ajuda de um casting matador (Raquel Zimmerman e Natalia Vodianova inclusas), a italiana vai de power suit e se atualiza ao brincar de uniforme colegial — o que deve ajudar nas vendas, haja visto a obsessão do mundo da moda por xadrez neste momento. Quem curte o filme As Patricinhas de Beverly Hills tem neste desfile a sua melhor (e mais luxuosa) expressão.

Pucci, outra marca que integra o hall das mais importantes da Semana de Moda de Milão, está em um momento peculiar. Laudomia Pucci, filha de Emilio, tem uma missão parecida com a de Donatella: recuperar o clássico e reforçar a sua relevância. No inverno 2018, a estratégia adotada pela sua equipe de estilo foi a de relembrar a relação da etiqueta com os Estados Unidos. Assim, entram em cena os slip dresses (sugestão da história editora Diana Vreeland para o próprio Emilio) em versão alongada e uma série de misturas de estampas com desenhos lisérgicos contrastando com as cores mais sóbrias da estação.

Sem título.png5.jpg
Emilio Pucci  (FOTOSITE/Agência Fotosite)

Mais consciente do que pode desenvolver dentro da marca em que está e também atento ao que acontece no mundo, Francesco Risso fez a sua melhor coleção para a Marni desde sua contratação. Seu vislumbre de futuro trabalha com as estruturas complexas dos tradicionais vestidos da marca feitos com um belo crash de tecidos vínilicos de alma futurista com materiais mais rústicos, com apelo artesanal. Destaque para a estamparia divertida feita para agradar as fãs mais antigas da label.

Sem título
Marni  (FOTOSITE/Agência Fotosite)

Com a mesma sobriedade, Paul Andrew estreou na Ferragamo. Ao lado do designer responsável pelo masculino da etiqueta, ele decidiu dar um reset no prêt-à-porter da grife que, segundo ele, “estava uma confusão”. Quem assistiu ao desfile pode concluir algumas coisas a respeito do futuro que a grife pretende construir: foco no couro (uma das maiores forças da casa) e na alfaiataria. Dando privilégio absoluto aos materiais luxuosos com os quais trabalham, os shapes são versões um pouco mais amplas de peças bastante tradicionais. Agora, com mais clareza, a Ferragamo promete crescer e se provar ainda mais.

Sem título.png2
Salvatore Ferragamo  (FOTOSITE/Agência Fotosite)

Por fim, há quem mergulhe de cabeça no ditado que diz: “A melhor maneira de prever o futuro é criá-lo”. É o caso da Dolce & Gabbana que, antes das modelos, colocou drones sobrevoando a passarela, segurando as bolsinhas da estação. A Prada, aliás, foi além e covocou uma digital influencer que, simplesmente, não existe fora do digital. Miquela é um projeto de inteligência artifical, já foi entrevistada por nós, e agora tornou-se garota propaganda da marca dirigida por Miuccia. De um jeito ou de outro, o amanhã está atormentando as mentes criativas Milão. Resta saber quais dessas propostas vão conseguir controlar a visita cruel do tempo. [Pedro Camargo]

Heathers | Paramount adia estreia da série por conta de tragédia na Flórida

Versão para a TV da comédia de humor negro toca em temas delicados

heathers-1.jpg
‘Heathers’ Promo: First Look At Paramount Network Series | Deadline

Paramount Network resolveu adiar para o final do ano a estreia de série de TV de Heathers por conta da tragédia em uma escola da Flórida onde 17 estudantes morreram depois de serem atacados por um ex-colega usando uma AR-17.

Heathers, a série original da Paramount Network, é uma comédia satírica que assume riscos criativos ao lidar com alguns dos assuntos mais desafiadores da sociedade, seja identidade pessoal, raça, status socioeconômico e violência com armas. Enquanto mantemos nosso apoio à série, à luz dos trágicos eventos na Flórida e por respeito às vítimas, suas famílias e pessoas queridas, sentimos que o certo é adiar a estreia para o final deste ano”, diz o comunicado oficial.

A série tinha estreia prevista para 7 de março. O longa original (Atração Mortal em português), estrelado por Winona Ryder e Christian Slater, mostrava Veronica (Ryder) e uma panelinha de meninas malvadas e populares do colegial – todas de nome Heather. Depois de conhecer J.D. (Slater), garoto novo no colégio, Veronica começa a se rebelar e as Heathers passam a morrer “acidentalmente”, assassinadas pelo casal, que disfarçam as mortes de suicídio. O filme também conta com um ataque planejado por J.D. à escola.

A nova versão é estrelada por Grace Victoria Cox, que precisa lidar com um novo grupo de Heathers. O elenco também conta com  Selma Blair, James Scully, Melanie Field, Brendan Scannell e Jasmine Mathews. Shannen Doherty, que integrava o elenco do filme original, fará uma participação na série. [Natália Bridi]

Spotify registra pedido de oferta inicial de ações nos EUA

Empresa pretende levantar US$ 1 bilhão durante o IPO, que acontecerá na bolsa de valores de Nova York

spotify-2fe8eff0e3f87d2e9056154a0bc2545582.jpegO serviço de streaming de música Spotify registrou nesta quarta-feira, 28, seu pedido de oferta inicial de ações na Bolsa de Valores de Nova York. A empresa sueca, fundada em 2006, tem mais de 70 milhões de assinantes pagos e 159 milhões de usuários ativos em todo o mundo. Com o IPO, a empresa pretente levantar US$ 1 bilhão. As ações da empresa serão negociadas em bolsa sob a sigla SPOT.

De acordo com o site de tecnologia The Verge, as ações da empresa serão listadas diretamente, numa estratégia para que a oferta das ações no mercado aberto comece mais rápido, já que a companhia pretende levantar um grande quantia em seu IPO.

No relatório, a empresa afirmou que fechou o ano de 2017 com receita próxima a US$ 4,99 bilhões, ao mesmo tempo em que suas perdas ficaram em cerca de US$ 1,5 bilhão. No total, a companhia disse ter 159 milhões de usuários por mês e 71 milhões de assinantes pagos em dezembro do ano passado. O número de assinantes pagos cresceu 46% em relação ao mesmo período de 2016, enquanto o número de usuários ativos subiu 29%.

Apesar do crescimento acelerado, o Spotify tem enfrentado problemas para ganhar dinheiro com sua base de usuários, já que a maior parte de sua receita é usada pela empresa para pagar direitos autorais sobre a reprodução das músicas. Por ora, a empresa ganha dinheiro apenas com a mensalidade paga pela versão premium do serviço, sem anúncios, e com a publicidade exibida aos que usam o serviço de graça.

A proximidade do IPO do Spotify começou a ficar mais evidente em janeiro, quando o Spotify contratou diversos bancos como Morgan Stanley, Goldman Sachs e Allen & Co para aconselhar a empresa durante o IPO. O valor de mercado da empresa, de acordo com a última rodada de investimentos realizada em 2015, era de US$ 8,4 bilhões.

Ireland Baldwin posa nua para campanha da Peta

Ireland Baldwin publicou foto no seu Instagram para fazer apelo pelo fim da matança de animais para confecção de roupas e recebeu chuva de elogios e foi comparada com a mãe estrela dos anos 80

e53b120a652cea7d13a87fd52bf7e268
Ireland Baldwin posa para campanha da Peta (Foto: Reprodução/Instagram)

Ireland Baldwin resolveu tirar a roupa por uma boa causa e postou orgulhosa o clique nas suas contas nas redes sociais. A filha de dois dos principais astros de Hollywood dos anos 1980 entrou de corpo  – literalmente – e alma na campanha da Peta, organização de defesa aos animais, contra o uso de peles para a confecção de roupas. “I’d rather go naked than wear fur” (“prefiro ficar nua do que usar pele”) é quase literal e já teve adesão de outras estrelas, como Gillian Anderson (da série ‘Arquivo X’), Olivia Munn (atriz de ‘X-Men’), Jenna Dewan Tatum (esposa de Channing Tatum) e Dave Navarro (guitarrista).

“Empolgada em divulgar minha participação. Eu sonhei com isso a vida toda. Se você não tem ideia do que acontece para que você use um casaco de peles, por favor procure se informar”, afirma a jovem modelo de 22 anos na sua publicação no Instagram. “Usar peles é uma crueldade. Se você não tira e usa pele do seu cãozinho de estimação, não deveria usar de nenhum outro animal por que todos foram criados iguais”

Ela recebeu uma série de elogios  pela iniciativa, mas também por estar cada vez mais parecida com a mãe, estrela de clássicos modernos como ‘9 Semanas e 1/2 de Amor’. Detalhe: Kim Basinger também participou de uma campanha da Peta, em 1994. “Bonita por dentro e por fora”, escreveu um internauta. Mas outros não foram tão generosos: “Expor a si própria não vai salvar os animais”.

Por onde anda Kendall Jenner? “Sumiço” da supermodelo das passarelas intriga fãs

Kendall+Jenner+Bottega+Veneta+Runway+Milan+nOu2B2xhe3Fl.jpg
Kendall Jenner Photos – Bottega Veneta

Uma ausência bastante comentada nesta temporada internacional de desfiles tem sido a de Kendall Jenner, que geralmente dá as caras nas passarelas de Nova York, Londres, Milão e Paris, mas até agora não participou de nenhuma delas – salvo uma breve aparição na de NY durante a apresentação da nova coleção assinada por Daniëlle Cathari para a Adidas Originals.

Nas redes sociais, é claro, o assunto já rende comentários do tipo “Onde diabos Kendall Jenner, se escondeu durante as semanas de moda?”, “Sinto tanto sua falta!”, entre outros.

O fato é que desde que desbancou Gisele Bündchen na lista das modelos mais bem pagas do mundo, no fim de 2017, Kendall tem sido mais seletiva em relação aos trabalhos que aceita. Some-se a isso alguns motivos pessoais, como as crises de ansiedade que teve nos últimos meses, e o fato de que desfilou horrores nas semanas de moda do ano passado. A verdade é que Kendall deu um tempo no burburinho fashion para curtir dias de neve, esqui e dolce far niente com as irmãs em Salt Lake, em Utah.

De qualquer maneira, ainda resta a esperança de que ela baixe em Paris nos próximos dias para marcar presença em algum desfile hypado. Não há nada confirmado, mas é claro que se isso acontecer tudo será orquestrado como uma surpresa de última hora. [Anderson Antunes]

Confira os detalhes de figurino nos bastidores do filme da Disney ‘Uma Dobra no Tempo’

Vídeo mostra entrevistas com figurinista, maquiadora e cabeleireira do longa

1519846677049.jpg
Oprah Winfrey, Mindy Kaling e Reese Whiterspoon são seres celestiais no novo filme infantil da Disney Foto: Divulgação/ Disney

A próxima produção da Disney conta com um elenco de peso. O filme infantil ‘Uma Dobra no Tempo’ tem como protagonistas Oprah Winfrey, Mindy Kaling e Reese Whiterspoon. As três interpretam guias celestiais, que ajudam uma garotinha a encontrar seu pai. O mood do filme é extremamente místico, com paisagens de outro mundo e animais fantásticos. O figurino, a maquiagem e o cabelo da produção também acompanham a inspiração.

Senhora Queé, a mais nova de das três guias, é a personagem de Reese Whiterspoon. “Ela é mais divertida e colorida”, explica Paco Delgado, designer de figurino, no vídeo que mostra um pouco dos bastidores do longa. Os looks de Queé são os mais frescos, com cores claras e menos estampas do que suas companheiras.  A Senhora Quem, interpretada por Mindy Kaling, possui em seu figurino diversas referências multiculturais: “Passamos por ideias africanas, japonesas e sul-americanas”, conta Delgado.

A personagem de Oprah Winfrey, Senhora Qual, é a mais velha de todas. “Ela é a diva das senhoras, com cabelos muito grandes”, diz Kim Kimble, cabeleireira do projeto. Inclusive, a inspiração para os fios do filme vem diretamente dos looks: “Temos diferentes tecidos e texturas nas roupas, então queríamos fazer o mesmo com os cabelos”, divide Kim. “Não tem nada sutil aqui”, sintetiza Reese. Confira todos os detalhes no vídeo abaixo: