Versão brasileira de índice de transparência da moda é apresentado

Programa analisa o quanto 20 grandes marcas da indústria assumem publicamente informações sobre suas cadeias produtivas
Por Maria Beatriz Melero

fashion-revolution.jpeg
 (Gabriela Machado/Reprodução)

São Paulo foi palco, neste sábado (28), de um dos encontros realizados pelo país para a Fashion Revolution Brazil, braço do movimento Fashion Revolution Day. A iniciativa visa aumentar a conscientização sobre o custo da moda e seu impacto em todas as fases do processo de produção e consumo.

Na ocasião, foi apresentada a versão brasileira do Índice de Transparência da Moda Fashion Revolution. O programa analisa o quanto 20 grandes marcas da indústria estão disponibilizando publicamente informações sobre suas cadeias produtivas, em prol de uma comunicação mais direta com a sociedade. A previsão é que o índice esteja disponível para download na versão de aplicativos de celular até outubro deste ano.

Durante o evento, realizado no Unibes Cultural, na Zona Oeste da capital paulista, falou-se sobre os cinco anos da tragédia de Rana Plaza, em Bangladesh. Na ocasião, um prédio de três andares onde funcionava uma fábrica de tecidos desabou e matou 1127 pessoa. O caso trouxe à tona a discussão sobre normas básicas de segurança no país e lado obscuro da indústria de roupas internacional.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s