Diretor responsável por sistema de carro voador, sai do Uber

Jeff Holden é o quarto executivo a sair da empresa nos últimos anos; o motivo para desligamento ainda não foi anunciado
Por Agências – Reuters

uber open-office-office-spaces.jpge
Uber é uma das principais empresas de carros compartilhados do mundo

O diretor de produtos da Uber, Jeff Holden, é o mais novo executivo de alto escalão a deixar a empresa. O anúncio foi feito nesta quinta-feira, 18, por um porta-voz do Uber e marca mais uma baixa importante para a companhia de aplicativos desde o ano passado.

A saída de Holden acontece dez dias depois de ele apresentar o seu mais novo projeto: o Uber Elevate, sistema responsável pela operação de carros voadores da empresa. Área será dirigida agora por Eric Allison, ainda segundo o porta-voz ouvido pela agência de notícias Reuters.

Os motivos que levaram o executivo a se desligar da empresa ainda não foram divulgados. Uma reportagem publicada pelo jornal Wall Street Journal dizia que Holden passou a última quinta-feira se despedindo dos colegas de trabalho.

Com a saída do diretor de produtos, o Uber registra a quarta grande baixa da empresa nos últimos meses. Duas delas aconteceram depois que Dara Khosrowshashi assumiu a presidência em agosto do ano passado, com o objetivo de melhorar a reputação da empresa após uma série de escândalos.

Salle Yoo, que dirigia o departamento jurídico da empresa, e Dave Clark ex-diretor de assuntos externos deixaram o Uber em setembro. Já a vaga de diretor financeiro está aberta desde 2015.

Momento. A saída de mais um executivo-chave acontece em uma situação delicada para o Uber. A empresa lançou uma nova versão do aplicativo para motoristas na semana passada, anunciou que retomará os testes com os seus veículos autônomose ainda confirmou que os carros voadores serão realidade até 2020.

A empresa tenta ainda tenta abrir capital na bolsa de valores até 2019, limpar a imagem após o acidente fatal motivado pelo seu veículo autônomo em testes em Phoenix, além dos escândalos envolvendo seu antigo presidente Trevis Kalanick. [Reuters]

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s