8 coisas que você não deve fazer com as suas plantas

O paisagista Marcelo Faisal dá dicas para fazer o seu jardim crescer mais saudável
Por Gabrielle Chimello

b1f8d6f2dc699c0651fa323b57183522tendência urban jungle – ou floresta urbana – tem feito a cabeça das pessoas que são amantes das plantas e enchido os feeds do Instagram e Pinterest com referências lindíssimas! Aqui no site nós fizemos um dossiê completo com dicas de como ter plantas em casa e também 11 aplicativos para cuidar das plantas.

Mas muito mais importante do que saber o que fazer para cuidar das plantas, é saber o que não fazer para manter seu jardim belo e saudável. Por isso o paisagista Marcelo Faisal deu 8 dicas que você deve evitar fazer com as suas plantas para que elas creçam lindas. Confira!

1 – Não tenha plantas no quarto
À noite, normalmente liberamos muito CO2 por causa da respiração, o que eleva muito a atividade da planta – pois ela faz a troca do CO2 do espaço pelo O2. O problema é que como nesse horário não há luz solar, as plantas acabam se estressando, pois este deveria ser o momento de descanso delas. Plantas em quartos são infelizes.

2 – Não coloque as plantas na face Sul
Esta é a localização que tem menos insolação e os ventos são muito frios, por isso a maioria das espécies irá sofrer nesses ambientes. Caso você não tenha opção, escolha espécies que sejam mais resistentes e umbrófilas (que gostem de sombra), como a Ráffia e Areca.

3 – Não coloque água demais
Pode parecer redundante, mas saber a quantidade certa de água que a sua planta precisa é essencial. As raízes também respiram, e o excesso de água pode apodrecê-las. O ideal é que, além da rega correta, os solos sejam drenados, ou seja, não acumulem água. Basicamente, a proporção para um bom solo é: 1/3 de areia, 1/3 de matéria orgânica e 1/3 de terra.

4 – Não coloque adubo demais
A super adubação pode ser tão prejudicial para as plantas quanto não adubar. Esta prática aumenta a acidez do solo e pode queimar as raízes e folhas. Sempre siga a orientação de paisagistas ou engenheiros agrônomos.

5 – Não deixe as plantas muito expostas ao vento
As plantas não gostam de vento, pois ele desidrata e as faz perder água. Consequentemente, as folhas irão secar. Para este tipo de situação, o ideal são as plantas com tecidos coriácios, pois são mais resistentes.

Caso a sua casa seja na praia, não é toda a espécie que sobreviverá neste ambiente, pois a maioria não é aclimatada à maresia. Geralmente clusia, ágave, bromélias e chapéu-de-sol são espécies que resistem ao clima praiano.

6 – Não deixe as plantas em pleno sol sem irrigação criteriosa
Existem plantas que se dão muito bem sob o sol, mas é muito importante que a irrigação seja feita corretamente. O sol desidrata e queima as plantas sem o cuidado devido, principalmente as que estiverem plantadas em vasos.

7 – Evite o uso de agrotóxicos para tratar doenças
Em dias de calor as plantas estão mais sujeitas às doenças como cochonilhas, pulgões, lagartas, ácaros, fungos e bactérias. O ideal é tratar todas elas através de bioinseticidas, evitando os agrotóxicos. No mercado já existem muitos produtos disponíveis. Consulte sempre um especialista para indicar o melhor tratamento em cada caso.

8 – Não deixe as plantas sujas
As plantas devem ser limpas e lavadas para evitar o acumulo de poeira e poluição sobre suas folhas, pois isto tira a capacidade fotossintética, fazendo-as morrer. Este é um problema principalmente de plantas em apartamentos. A solução é simples: passe um pano úmido com sabão neutro (como o sabão de côco) nas folhas.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s