Conheça os tapetes berber, tendência na decoração.

Felpudos, com padrões simples geométricos e origem marroquina, combinam com muitos estilos.
Por Natália Martucci I Fotos: Reprodução

Originalmente eram produzidos por tribos nômades marroquinas e em tamanhos menores, para uso como piso de tenda. Hoje são confeccionados em galpões e distribuidos pelo mundo todo. Trazem acolhimento e vão bem em ambientes minimalistas, clássicos, boho, escandinavos, modernos, entre outros. Confira aqui uma amostra.

Floresta urbana
cv_rosenbaum_983

Na casa de Marcelo Rosenbaum, capa da edição de setembro da Casa Vogue, o tapete berber da Botteh dá o tom no meio de móveis de design misturados a artesanato, arte e muitas plantas. A foto é de Ilana Bessler com estilo de Adriana Frattini

Cozinha aconchegante

img_20180624_105028O tapete traz conforto e personalidade para essa cozinha com predominância de cores neutras e materiais naturais, como as fibras e madeira clara.

Em dose dupla
inez-and-vinoodh-new-york-loft-2-600x400

O minimalismo desse loft nova-yorkino de pé-direito alto e janelas amplas foi quebrado pelo tapete berber colorido, colocado ao lado do tapete do Uzbequistão de medida similar e cores complementares. Originalmente dois lofts vizinhos, combinados para dar origem a residência dos fotógrafos holandeses Inez and Vinoodh Bohemian.

Charmosa imperfeição

61255ed03574cd3460a7ec74520653d6

Esse living, mix de estilo industrial e romântico,  assume a parede de tijolos descascados como uma charmosa imperfeição, reforçada pela geometria irregular do tapete.

Essencial
6f1d0b71b738e85ede183e66f21ccbba

Para os amantes dos tons neutros e bom desenho, os móveis da Artek e um tapete berber com grafismos em preto e branco são uma combinação certeira.

Elegância vintage
il-fascino-delle-case-parigine-16-870x1305-e1526022589285

O tapete berber combinado a móveis predominantemente dos anos 1950 dão atmosfera vintage-chic a esse estúdio parisiense, casa dos proprietários do antiquário La Maison Caumont.

Dimensão acertada
tumblr_o3hd06ndxo1qm2kg4o4_1280

Aqui um tapete berber com dimensões acertadas para garantir o aconchego da biblioteca do apartamento de Emmanuel de Bayser em Berlin.

Paleta monocromática
home-design-ideas-arredare-casa-consigli-cabina-armadio-cucina-023

casa da stylist sueca @frustilista tem estilo eclético, misturando materiais, texturas e peças tradicionais, contemporâneas e artesanais, mas mantendo a paleta monocromática.

Mistura étnica

faed6e4e8c364ab98089f5c1eff45827_1A sala maximalista do designer e colecionador Hubert Zandberg traz elementos das suas raízes sul-africanas e outros objetos garimpados pelo mundo. As paredes escuras dão destaque ao tapete berber em tons neutros.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s