Confira o calendário da São Paulo Fashion Week N46

Evento ocorre entre os dias 21 e 26 de outubro no espaço Arca, na Vila Leopoldina

1539202833472
Desfile da grife Ronaldo Fraga realizado na São Paulo Fashion Week N45 Foto: JF DIORIO/ ESTADÃO

A próxima edição da São Paulo Fashion Week, marcada para o fim de outubro, irá chegar com uma série de novidades que prometem agitar o evento mais importante da moda brasileira. Em sua 46ª edição, a primeira desde que foi adquirida pelo grupo IMM, ela muda de casa: agora, a maior parte dos desfiles ocorrem no espaço Arca, na Vila Leopoldina.

Outra novidade é a expansão do Projeto Estufa: sete marcas novas irão apresentar suas criações no evento, ao lado de algumas das mais consagradas grifes do cenário nacional. Entre as estreantes estão a Piet, Cacete Company, Bobstore e Torinno.

Confira a seguir o calendário completo de desfiles:

Domingo, 21
19h30 – Lilly Sarti

Segunda, 22
15h00 – Osklen
16h00 – Patricia Viera
17h30 – Torinno
19h00 – Modem
20h30 – João Pimenta (feminino)

Terça, 23
13h00 – Reinaldo Lourenço
14h30 – Aluf (Projeto Estufa)
14h45 – Lucas Leão (Projeto Estufa)
16h00 – PatBo
17h30 – Top 5
19h00 – Amir Slama
20h30 – Ronaldo Fraga

Quarta, 24
12h30 – Gloria Coelho
14h30 – Helena Pontes (Projeto Estufa)
14h45 – Ão (Projeto Estufa)
15h00 – Korshi 01 (Projeto Estufa)
16h30 – Beira
18h00 – Lino Villaventura
20h00 – Bobstore

Quinta, 25
14h30 – Victor Hugo Mattos (Projeto Estufa)
14h45 – Mipinta (Projeto Estufa)
16h30 – Two Denim
18h00 – Cotton Project
19h00 – Apartamento 03
20h00 – Handred

Sexta, 26
15h30 – Cacete Company
16h30 – João Pimenta (masculino)
18h00 – Piet
19h00 – Ratier
20h30 – Água de Coco

James Murdoch pode substituir Musk na presidência do conselho da Tesla, diz jornal Financial Times 

James Murdoch, filho de Rupert Murdoch, é o presidente executivo da 21st Century Fox; ele sinalizou que quer o posto, segundo a reportagem
Por Agências – Reuters

james-murdoch-e1454970607705
Diretor executivo da 21st Century Fox, James Murdoch

O diretor executivo da 21st Century Fox, James Murdoch é o principal candidato para substituir Elon Musk na presidência do conselho da Tesla, informou o jornal Financial Times nesta quarta-feira, 10, citando duas pessoas familiarizadas com o assunto.

James Murdoch, que é filho de Rupert Murdoch, deixará o comando 21st Century Fox assim que o grupo de mídia concluir a venda de grande parte de seus ativos para a Walt Disney. Ele deve ser sucedido por seu irmão Lachlan Murdoch na direção da empresa.

Murdoch já teria sinalizado que quer o posto, segundo a reportagem. A agência de notícias Reuters não conseguiu contatar James Murdoch para comentar. A Tesla e a 21st Century Fox não responderam imediatamente aos pedidos de comentário.

Acordo. No mês passado, a Tesla e o Elon Musk fecharam um acordo com o órgão regulador das empresas listadas em bolsa nos Estados Unidos, a Securities and Exchange Comission (SEC), depois que Musk foi processado por fraudar tuítes sobre a saída da Tesla da Bolsa.

O acordo prevê o pagamento de uma multa de US$ 40 milhões – US$ 20 milhões pela Tesla e US$ 20 milhões pelo seu presidente executivo –, além do afastamento de Musk da presidência do conselho de administração da companhia.

Netflix comprará complexo de estúdios para produzir séries originais

O complexo da ABQ Studios será o primeiro adquirido pela Netflix e poderá movimentar US$ 1 bilhão em dez anos
Por

saul410-1.jpg
Estúdio que será comprado pela Netflix foi usado para produzir Better Call Saul

Com o objetivo de investir mais em sua produção original, a Netflix anunciou nesta terça-feira (9) que está comprando seu primeiro complexo de estúdios. A empresa está prestes a finalizar um acordo para adquirir a sede da ABQ Studios na cidade de Albuquerque, no Novo México.

Em sua etapa final, a negociação de compra dos estúdios foi levada a frente por conta da contribuição de autoridades locais. O acordo envolve um incentivo de US$ 10 milhões do governo do Novo México e de US$ 4,5 milhões da prefeitura de Albuquerque.

Nos próximos 10 anos, a expectativa é que o estúdio movimente US$ 1 bilhão com a produção de filmes e séries originais. Nesse período, a empresa também espera oferecer cerca de mil empregos por ano aos trabalhadores da região.

E as filmagens não devem ficar restritas ao novo complexo. O objetivo é filmar novas produções em outros locais ao redor do Novo México. As séries Chambers e Messiah, por exemplo, já estão sendo filmadas na região de Albuquerque e criaram cerca de 700 empregos.

“Nossa experiência produzindo programas e filmes no Novo México nos levou a aproveitar a chance de estabelecer um novo centro de produção aqui”, disse Ty Warren, vice-presidente de produção física da Netflix.

O complexo que será comprado pela Netflix conta com nove estúdios que totalizam 52 mil metros e já foi usado na produção de títulos como Logan e Better Call Saul. Ele deverá ajudar a empresa a atingir a meta de que metade do conteúdo disponível na plataforma seja original.

Com informações: NetflixEngadgetThe Verge.

Google promete acabar com as ligações de telemarketing

Ferramenta para Android escaneia ligações e permite que usuário marque o número indesejado como “spam”
Por Ariane Alves

Sem título
Liza Ma, diretora de produto do Google, apresenta o “Call Screen” (Google/Reprodução)

São Paulo — Quem adquirir o Pixel 3, novo modelo da linha de smartphones do Google, contará com um aliado na tarefa de se livrar das irritantes ligações de telemarketing. A empresa apresentou nesta semana uma nova funcionalidade capaz de escanear mensagens automáticas e reconhecer números suspeitos.

Chamada de “Call Screen”, a ferramenta faz parte do Google Assistente e estará presente em todos os celulares da linha Pixel, que possui sistema Android, até novembro.

A medida aprimora a interação do usuário com as ligações e é um passo além de apenas saber de antemão o número de quem está do outro lado da linha.

Quando ativado, o “Call Screen” responde a ligação de forma automática para o dono da linha e transcreve a resposta da outra pessoa na tela em tempo real.

Os modelos atuais do Google Pixel já contam com funções inteligentes para prever chamadas de possíveis equipes de vendas, classificando os números como suspeitos de serem “spam” e permitindo o filtro por parte dos usuários, como é o caso de smartphones da Samsung.

Subestimando o inimigo

Apesar de promissora, a função pode não surtir o efeito esperado na vida real. Isso porque as operadoras de telemarketing fazem de tudo para driblar sistemas de reconhecimento e obter êxito em suas ostensivas tentativas de realizar o maior número de vendas possível.

Muitos serviços de telemarketing rastreiam os números que atendem as ligações – como seria o caso de quem ativasse o “Call Screen” – e os classificam para receber ainda mais ligações. Além disso, muitos optam por submeter seus números a sistemas que escondem a verdadeira identidade do dono das chamadas, dificultando o reconhecimento pelos telefones que as recebem.

Pelo jeito, o resultado do esforço do Google para assegurar que seus clientes não sejam importunados terá que ser visto na prática.

O Google Pixel 3, assim como seus antecessores, não tem previsão de lançamento oficial no Brasil.

Confira o vídeo oficial (em inglês) de divulgação do “Call Screen”:

Snapchat anuncia séries originais para conquistar usuários

A rede social fez parceria com produtoras e escritores de Hollywood; os seriados terão novos episódios diários, serão exibidos na vertical e serão curtos
Por Agências – Reuters

snap
Desde o começo do ano, as ações da empresa Snap caíram 52%

O Snapchat, rede social conhecida pelas suas mensagens efêmeras, anunciou nesta quarta-feira, 10, que o aplicativo exibirá séries originais em parceria com produtoras e escritores de Hollywood.

Os seriados terão novos episódios diários, serão exibidos na vertical e serão curtos – para se adequar à visualização em celulares, os episódios terão duração de cinco minutos. Para assistir aos episódios, os usuários podem acessar a página de perfil do programa na rede social.

Uma das atrações será a série de documentários Growing Up is a Drag, sobre o amadurecimento de estrelas adolescentes, produzido por Bunim/Murray, a produtora por trás do reality show de sucesso Keeping Up with the Kardashians.

Os episódios incluirão seis segundos de publicidade, assim como os shows que já existem no Snapchat, que reproduzem conteúdos de parceiros como a Discovery.

Reação. O Snapchat tem lutado para atrair novos usuários, após os rivais Facebook e Instagram introduzirem recursos semelhantes aos do Snapchat em seus próprios aplicativos. Desde o começo do ano, as ações da empresa Snap caíram 52%.

Escritório dinamarquês BIG assina projeto de habitação popular

Projeto com 66 apartamentos é do escritório dinamarquês B.I.G
Fotos: Rasmus Hjortshoj

predios_1Destinado para pessoas de baixa renda, o prédio Dortheavej, do renomado escritório de arquitetura e design B.I.G, foi concluído recentemente em Copenhague, na Dinamarca.

O edifício de 6.800 m² tem cinco andares e 66 apartamentos com medidas entre 60m² a 115 m².  O pé direito das unidades chega a 3,5 metros. Segundo a B.I.G, os materiais são simples, com madeira e concreto em cores claras nas áreas internas e externas. As janelas são amplas, o que permitem luz natural e vista para o pátio verde.

A criação do edifício partiu da Lejerbo, uma associação dinamarquesa de habitação econômica, que contratou o escritório para o projeto em 2013. Foi então requisitada a construção de apartamentos acessíveis e espaços abertos ao público, que poderiam servir de passagem aos pedestres.  O orçamento era de 9,8 milhões de dólares (aproximadamente 36,4 milhões de reais).

Com o projeto do Dortheavej, o B.I.G e o Lejerbo foram homenageados pela Associação Dinamarquesa de Arquitetos por priorizarem as qualidades espaciais das residências e a estratégia de construção em um orçamento de habitação acessível e rigoroso.

A Pequena Sereia | Rumor diz que Disney quer Lady Gaga no filme

Zendaya pode ser a protagonista

270918-gaga-06-480x600
Gaga usando Iris Van Herpen

Um rumor publicado pelo site especializado The Disinsider diz que a Disney está interessada em ter Lady Gaga em um papel no live-action de A Pequena Sereia. A cantora interpretaria a vilã Ursula.

Outro rumor que circula sobre o filme é que teria Zendaya como protagonista. Nada foi confirmado até o momento.

Alan Menken e Lin-Manuel Miranda farão a trilha sonora, que terá a adição de novas canções. Rob Marshall (O Retorno de Mary Poppins) será o diretor, com roteiro de Jane Goldman (X-Men: Dias de um Futuro Esquecido).

A Pequena Sereia ainda não tem data para chegar aos cinemas. [Natália Bridi]

Noonoouri: boneca virtual e influencer posa para a Vogue de outubro

Nova sensação da moda, a personagem virtual é hit no Instagram e tem seguidores que vão de Marc Jacobs a Naomi Campbell. Conheça!
Por Nô Mello

digital_da_cabeca_aos_pes_1
Noonoouri usa vestido do pre-fall 2018 da Gucci (Foto: Joerg Zuber/Divulgação)

Cabelos longos escuros, olhos milimetricamente delineados, looks grifados, presença assídua nos grandes desfiles e eventos internacionais. A descrição se encaixaria perfeitamente em Kim Kardashian ou Kylie Jenner, mas a última sensação da moda, atualmente adulada até pelas grandes maisons, não é nenhuma das duas irmãs, e sim…Noonoouri.

Desde seu “nascimento” no dia 1º de fevereiro deste ano, quando abriu sua conta no Instagram, a boneca já angariou, entre seus mais de 118 mil seguidores, um séquito fiel de fãs, que inclui figuras do primeiro escalão da moda global, como o estilista Marc Jacobs, a editora Suzy Menkes e a top Naomi Campbell.

“A minha ideia é transportar histórias sobre a herança e o legado de grandes marcas da moda para as redes sociais. Chamo o que faço de digital couture”, diz seu criador, o alemão Joerg Zuber, presença confirmada no próximo Iguatemi Talks, que acontece entre os dias 23 e 25 deste mês no JK Iguatemi, reunindo nomes de destaque na moda daqui e de fora por meio de encontros, palestras, bate-papos e workshops.

No comando da Opium Effect, agência de branding e design de Munique, com filiais em Buenos Aires e Abu Dhabi, Zuber já trabalhou para marcas como Chanel, Bulgari, Louis Vuitton e Christian Louboutin, só para citar algumas. Foi ele quem definiu cada detalhe da simpática personagem digital que, como conta o criador, tem 18 anos, 1,50 m e vive, claro, em Paris. “A fiz propositadamente com uma cabeça maior, um corpo menor… Ela é fofa, mas não é exatamente bonita”, explica. E também tem braços mais curtos, pois se alguém perguntar: ‘podemos fazer uma selfie?’, ela dirá: ‘sim, mas você vai ter que tirar a foto’”, diverte-se.

O estrelato fashion começou para Noonoouri quando Zuber decidiu, por conta própria, testar os produtos da KKW Beauty, linha de beleza de Kim Kardashian West, que é a fonte confessa de inspiração de sua filha digital. “Quando eu a desenhei, os cabelos longos e os olhos de Kim foram minhas principais referências.” Criou um minucioso tutorial que levou oito semanas para ser realizado. “As pessoas veem a imagem no Instagram e acham que é fácil, mas às vezes levo entre dois ou três dias para fazer um post somente. Nos Stories, quando envolve movimento, demora mais ainda – de duas a seis semanas”, conta o designer. Todas as aparições de Noonoouri são criadas por meio de computação gráfica, com base em fotos de looks e lugares.

Depois de postado, o primeiro vídeo chamou de cara a atenção de outra fashionista que viria a ser uma das melhores “amigas” da influencer: a editora de moda Carine Roitfeld. “Recebi uma ligação dela, me dizendo: ‘Tenho que mandar isso para a Kim, ela vai amar’.” Sábia decisão: em menos de cinco minutos, depois de procurada por Carine, Kim repostou, e o tutorial explodiu na internet.

Outra fada madrinha de Noonoouri é Maria Grazia Chiuri, diretora criativa da Dior, que escalou a sensação digital para um takeover da conta de Instagram da maison durante seu último desfile cruise, em maio passado, mostrando todos os bastidores do evento. “Não houve briefing nenhum. Maria Grazia queria minha visão pessoal sobre o show, e me deu liberdade total.”

Mas nem todos os deslumbrantes looks da influencer são comprometidos comercialmente ou combinados com marcas. “Não peço nenhuma autorização aos estilistas”, ressalta Zuber. “Noonoouri ama moda, ama detalhes e, com ela, posso mostrar coisas que um designer não consegue pelos métodos convencionais que a moda oferece. Ela venera Versace, Chanel, Burberry, Gucci, e já está sendo convidada para esses desfiles.”

Sobre a vinda ao Brasil, Noonoouri, quer dizer, Zuber conta: “É sua primeira vez no País. Então, ela vai usar e abusar dos biquínis, e já estou pesquisando o que combina com ela”, adianta ele, que já viu sua criação “posar” ao lado de Bruna Marquezine no Diamond Ball, em Nova York, no mês passado. “Mas também quero falar de questões locais e conscientizar os seguidores sobre os problemas do País, como a Floresta Amazônica. Sem apontar o dedo, mas fazendo refletir.”

NO BACKSTAGE COM NOONOOURI
Dona de um estilo de vida invejável, Noonoouri é atualmente presença frequente nos principais eventos do calendário da moda. Em conversa com a Vogue, a boneca digital (ou melhor, seu criador Joerg Zuber) define sua personalidade.

Como você se descreveria?
Sou muito curiosa e quero saber tudo sobre tudo, de blockbusters do cinema a ópera. Mas tudo, claro, tem que ter qualidade. Sou um avatar digital, mas tenho alma também.

De onde vem seu nome?
Meu criador ama arte e, depois de ter ido à última Art Basel de Miami, misturou as letras de alguns trabalhos que viu e, voilà, assim fui batizada.

Como você descreveria seu estilo? 
Gosto tanto de streetwear como de alta-costura. Adoro interpretar diferentes papéis, nunca sou a mesma visualmente. Exceto pelos meus olhos escuros, que eu amo.

Quem te inspira?
As divas clássicas e suas poses deslumbrantes, como Sophia Loren e Maria Callas. Mas também adoro Cher e Grace Jones.

Qual seria a melhor selfie para você?
Uma que ainda não existe – eu no meio de Naomi Campbell e Kim Kardashian.

O que você espera do futuro?
Estar na primeira fila de todos os desfiles!

Décor do dia: preto e branco no quarto de bebê

Amarelo e rosa aparecem nos detalhes da decoração
Por Paula Jacob I Fotos: Divulgação

decoracao-quarto-de-bebe-preto-e-branco-001Ter um quarto preto e branco para o bebê não precisa, necessariamente, cair nas saídas clássicas da combinação neutra. Criado pelo escritório Triarq Studio de Arquitetura, este quartinho de bebê ganhou twist com opções fáceis de décor, como as gotinhas adesivas coladas na parede. A interferência lúdica também surge nas escolhas de iluminação e quadros. “Os pais pediram elementos montessorianos para estimular a autonomia da filha Olívia. Por isso alguns itens foram pensados para a altura da menina, como o espelho, o móbile e a estante de livros”, explicam as arquitetas. O amarelo e o rosa surgem para surpreender nos detalhes estofados, tirando a sobriedade do cômodo para a criança. Simples e elegante!