Collab de Virgil Abloh com IKEA ganha preview durante a LFW

Coleção de móveis será lançada oficialmente em novembro

Linha MARKERAD, criada por Virgil Abloh para a IKEA (Foto: Divulgação)

O estilista Virgil Abloh está prestes a lançar uma collab de itens (ultradesejáveis!) para casa com a empresa varejista sueca IKEA. A coleção MARKERAD terá móveis minimalistas com um quê fashionista e poderá ser vista e testada especialmente durante os dias 15 e 16 no Shorts Gardens, Covent Garden, em plena Semana de Moda de Londres.

Linha MARKERAD, criada por Virgil Abloh para a IKEA (Foto: Divulgação)

O espaço temporário será montado com itens-desejo como a bolsa “Sculpture” Frakta e o relógio “Temporary” da coleção. É claro que todo o conceito foi projetado para ser bastante instagramável.

O espaço no Shorts Gardens, em Covent Garden (Foto: Divulgação)

A linha completa também inclui um tapete nada convencional com estampa de recibo de compras e até uma cadeira feita com batente de porta reaproveitado. “Trata-se de elevar os ícones anônimos e cotidianos que usamos sem perceber. Quando colocamos o batente da porta em uma das pernas de uma cadeira comum, criamos algo inesperado – uma interrupção ”, define Virgil. Todos os itens estarão à venda a partir de novembro. Queremos já!

Linha MARKERAD, criada por Virgil Abloh para a IKEA (Foto: Divulgação)
Linha MARKERAD, criada por Virgil Abloh para a IKEA (Foto: Divulgação)
Linha MARKERAD, criada por Virgil Abloh para a IKEA (Foto: Divulgação)
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.