Masp lança livro sobre sua sede, obra de Lina Bo Bardi

Fotos nunca publicadas de Mauro Restiffe durante a remontagem dos cavaletes, em 2015, farão parte do livro
ANA LUIZA CARDOSO | FOTO: EDUARDO ORTEGA / DIVULGAÇÃO

Museu de Arte de São Paulo (Masp)

Um livro sobre o edifício que abriga o Museu de Arte de São Paulo, o Masp, projetado arquiteta ítalo-brasileira Lina Bo Bardi, acaba de ser lançado pela instituição. Batizado de MASP de Lina, o livro está à venda nas lojas do museu.

Com 348 páginas, ele reúne ensaios escritos por especialistas no trabalho da arquiteta que participaram do seminário “O MASP de Lina: 50 anos do edifício”, em novembro passado, além de iconografia do prédio ao longo de seus 50 anos, desenhos e croquis feitos por Lina e textos históricos —a maioria, em formato de fac-símile e um deles inédito, no qual ela discorre sobre o MASP e o SESC Pompeia.

O título inclui textos escritos pelo diretor artístico do museu, Adriano Pedrosa, e Guilherme Giufrida, assistente curatorial , além de Annette Svaneklink Jakobsen, Barry Bergdoll, Eduardo Pierrotti Rossetti, Guilherme Wisnik, Marcelo Ferraz, Marcelo Suzuki, entre outros.

Também a convite do MASP, três fotógrafas, Lucia Guanaes, Luiza Baldan e Nair Benedicto, mergulharam no universo do museu para produzir ensaios que integram o livro. Além disso, fotos nunca publicadas de Mauro Restiffe durante a remontagem dos cavaletes, em 2015, farão parte do livro.

O MASP de Lina
Organização editorial de Adriano Pedrosa com assistência de Guilherme Giufrida
348 páginas
R$ 109 no MASP Loja
Bilíngue

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.