Ana Abril for Harper’s Bazaar Arabia with Kayako Higuchi

Photography & Creative Direction: Ana Abril. Styling: Caterina Ospina Buitrago. Hair & Makeup: Dalia Cuesta. Model: Kayako Higuchi at Trend Model Management.

Naomi Campbell’s 2019 #Rewind

What a year it’s been… Thank you 2019 🙏🏾

Naomi Campbell e Adut Akech  British Fashion Awards 2019  – Photo: Darren Gerrish/Getty Images

Ann Czerny for ELLE Croatia with Karina Kurzacz

Photographer: Ann Czerny. Stylist: Karolina Ficner. Makeup: Patrycja Piechówka. Model: Karina Kurzacz From Model Plus.

Acostumados a vestir as celebridades mais famosas do globo, eles agora possuem também a própria marca

Celebrity Stylists, arquitetos de imagem e estilistas? Sim: as possibilidades da carreira não param de crescer
MARIANA INBAR (@MARIANA_INBAR)

Karla Welch (Foto: Divulgação)

Eles já foram totalmente anônimos. Com o tempo, começaram a ganhar quase tanta notoriedade quanto suas clientes: de stylists, passaram a celebrity stylists. Hoje, alguns preferem se intitular até como arquitetos de imagem – é o caso de Law Roach, stylist de Zendaya que, por que não, arquitetou uma revolução fashionista nos looks de Céline Dion.

Rankings dedicados a seu poder em Hollywood compilados pelo The Hollywood Reporter, porém, parecem ser apenas o início de um novo patamar na carreira destes profissionais: muitos estão desdobrando suas carreiras em marcas, e ingressando para valer na indústria da moda, provando que o céu, definitivamente, é o limite para quem, atualmente, define toda a imagem de Hollywood.

Abaixo, você confere sete nomes (e uma promessa!) que já tem seus próprios projetos, e servem de exemplos para quem busca trilhar a carreira:

Tabitha Simmons

Tabitha Simmons (Foto: Vogue/ Reprodução)

Tabitha é um dos exemplos mais bem-sucedidos de uma carreira multifacetada na moda: a inglesa entrou na indústria como modelo mas logo se interessou pelos bastidores, trilhando uma famosa carreira também como stylist, assinando editoriais para a Vogue americana e campanhas para marcas como Dolce & Gabbana e Tiffany & Co.

Em 2009, ela lançou sua marca de sapatos homônima e logo se firmou como queridinha para arrematar os looks de fashionistas como Alexa Chung. O que começou como uma coleção cápsula de 30 modelos se tornou uma marca estabelecida com mais de 120. “Quando comecei, sapatos tinham plataformas altíssimas e muita informação. Queria fazer algo mais calmo”, ela relembra. 

Max Permain

Look da Symonds Pearmain (Foto: Vogue British/ Reprodução)

O stylist inglês, que assina campanhas para a Chloé e já trabalhou com Supreme e Calvin Klein, entre outros – além de colaborar com a Vogue britânica – tem sua própria label, fundada em parceria com o artista plástico Anthony Symonds em 2018.

Fortemente inspirada no universo artsy (Pearmain é formado em belas artes), a Symonds Pearmain faz parte do calendário alternativo da semana de moda de Londres e deve estar forte no radar de qualquer fashionista com suas estampas arrojadas e looks de forte pegada contemporânea.

Mimi Cuttrell

Mimi Cuttrell lança look de sua collab com a 3×1 (Foto: Instagram/ Reprodução)

A stylist das irmãs Hadid e Ariana Grande lançou no último mês de novembro uma collab com a label de jeans 3×1. Não é à toa: Mimi é expert em garimpar os melhores jeans vintage para Gigi e Bella, e tem todo o knowhow de onde achar os melhores pares e qual é o melhor corte para cada biotipo.

A collab entre a stylist e a marca foi inspirada justamente em sua coleção de jeans vintage favoritos: há um par inspirado no estilo da Princesa Diana e outros no look do estilo da década de 2000. 

Karla Welch

Karla Welch (Foto: Divulgação)

Uma das stylists mais quentes da atualidade, é Karla Welch que veste celebs e fashionistas como Tracee Ellis Ross, Justin Bieber e Olivia Wilde, entre tantos outros.

Sua estreia como estilista foi em formato parceria: uma com a Hanes, em que criou “a camiseta básica perfeita”, e outra com a Levi’s, em que assinou uma coleção de jeans com bolsos de vinil vermelho e calças com cortes diferenciados.

A ideia, porém, virou uma label própria, X Karla, só de básicos, como regatas, camisetas e moletons – estes o lançamento mais recente da marca.

Charlotte Stockdale e Katie Lyall

Katie Lyall e Charlotte Stockdale (Foto: Divulgação)

Você com certeza já viu no seu Instagram as capinhas de iPhone em couro personalizadas com grandes iniciais coloridas da Chaos: de Victoria Beckham a Marc Jacobs, passando por todo o time Chanel em Paris, os acessórios se tornaram indispensáveis em selfies fashionistas.

Por trás da marca estão Charlotte Stockdale e Katie Lyall, stylists britânicas e ex-diretoras criativas da Vogue britânica, além de terem assinado o stylind de desfiles de grifes como Dolce & Gabbana, Viktor & Rolf e, mais recentemente, as campanhas e desfiles de alta-costura da Fendi.

A marca de acessórios para celular fervida (e lançada inicialmente em parceria com a Matches Fashion) é um desdobramento da agência da dupla, Chaos, que comanda também sua própria revista, de mesmo nome.

Jamie Mizrahi

Nicole Richie e Jamie Mizrahi usam looks da linha da stylist (Foto: Vogue Runway)

A stylist de celebridades, que tem entre suas clientes Katy Perry, Nicole Richie e Jessica Alba, lançou em 2019 uma linha exclusiva em parceria com o site de aluguel de roupas de luxo Rent the Runway. Batizada de Sweet Baby Jamie (seu username no Instagram), a coleção girava em torno da ideia de peças básicas que podem ser combinadas entre si e transformadas de acordo com o styling de cada mulher. 

Além da collab, Jamie tem sua própria label de underwear, The Kit, que não marca por baixo de nenhuma roupa e tem truques perfeitos para serem combinadas com vestidos de fenda alta ou costas de fora, incluindo os tap shorts, para serem usados com minissaias, inspirado em uma dica de Jennifer Lopez.

The Kit (Foto: Reprodução)

E olho nele: Jahleel Weaver

Jahleel Weaver e Rihanna no British Fashion Awards 2019 (Foto: Getty Images)

Jahleel Weaver não é apenas a mente brilhante que assina o styling dos looks tão icônicos de Rihanna. Ex-assistente de Mel Ottenberg (que fazia o styling da cantora anteriormente), Jahleel se tornou o braço direito de Riri em todos os seus projetos, e atualmente atua como diretor criativo júnior da Fenty Corp, que reúne todas as labels da musa fashionista.

Ao receber o prêmio de marca urbana de luxo no British Fashion Awards deste ano, a cantora fez questão de receber o prêmio de braços dados com seu stylist. Anote esse nome: Jahleel, com sua visão tão contemporânea, ainda vai longe com suas criações.

Tênis Cariuma: uma das ideias mais inovadoras de 2019! Vem entender!

O modelo Ibi: ultraleve, vegano e sustentável

Você sabia que cerca de 20 bilhões de calçados são produzidos anualmente no mundo e cada par gera uma emissão de cerca de 13,6 kg de gás carbônico?.Mas não precisa se desesperar: algumas marcas vem inovando com alternativas descoladas e ecológicas que prometem conforto e estilo com menos impacto ambiental, como a Vert.

Cariuma, que foi criada no Rio de Janeiro em maio de 2018 por Fernando Porto, que já foi executivo da Richards e presidente da Schutz nos Estados Unidos, e David Python, ex-diretor da Schutz e do setor comercial do grupo Arezzo. Eles viram a oportunidade de fazer modelos de tênis clássicos, mas também confortáveis e ecológicos. Cientes de que dois terços das emissões de carbono no processo tradicional de calçados estavam na produção, eles encontraram a saída com design thinking – pra mudar a produção, é preciso mudar o design do produto em sua etapa de desenvolvimento.

Embalagem feita de materiais 100% reciclados e recicláveis de fornecedores certificados

No site, eles contam como atingem uma pegada de carbono neutra e falam da origem e composição dos materiais usados. Tudo é adquirido por comércio justo e com preocupação pelas condições de trabalho dos funcionários, que foi uma das motivações pra criarem a Cariuma. Entre os itens que compõem os sneakers, estão o algodão orgânico, borracha extraída de seringueiras sem danificá-las e couro de fornecedores que tratam ou reutilizam 100% da água usada no processo de sua produção. E eles não utilizam couro de regiões desmatadas para a criação de gado.

Os sneakers ecológicos Ibi estão disponíveis em oito cores diferentes

A pegada de carbono gerada pela entrega dos tênis é compensada com apoio a projetos e ações sustentáveis. Uma delas aconteceu no último Natal: em vez de mandar um tênis de presente para jornalistas nos Estados Unidos, onde a Cariuma está presente, eles plantaram cinco árvores em nome de cada presenteado. E na última Black Friday, eles plantaram 11 árvores na floresta amazônica pra cada par vendido.

Entre os lançamentos recentes, está o tênis vegano Ibi, feito de plástico reciclado e bambu, planta que se regenera rapidamente depois de ser cortada. Tradicionalmente, na produção de malha de bambu são usados produtos químicos e tóxicos para os trabalhadores e o meio ambiente, mas a marca carioca adotou outro processo. O bambu é aquecido e transformado em carvão em pó, que é misturado com o pó do plástico reciclado até virar o tecido.

Já a sola é feita com EVA ecológico de cana de açúcar, os cadarços são de garrafas plásticas recicladas e a palmilha (que é removível!) é de espuma, cortiça e óleo de mamona. A Cariuma não trabalha com grandes estoques. Quando um item esgota, é criada uma lista de espera pra planejar quanto produzir novamente. O estoque do Ibi, por exemplo, acabou em apenas 3 semanas e foi nomeado pela revista americana Fast Company como uma das ideias que mudaram o mundo em 2019. A estratégia parece estar indo muito bem, obrigada: a marca cresceu cerca de 1.500% nos últimos 12 meses!

Da esq. para dir., as colabs com o artista de rua Toz, com a Pantone e com a cartunista Arianna Margulis

Desde o começo e pra continuar inovando, a Cariuma está sempre fazendo colabs. O artista de rua Toz, a cartunista Arianna Margulis e o ícone fashion americano Luka Sabbat estão entre elas, além da parceria global e exclusiva com a Pantone pra cor de 2020, o azul clássico. Os tênis da Cariuma estão disponíveis tanto no site oficial da marca como na Farfetch! (Blog LP)

A it-bag preferida de Angelina Jolie é clássica e minimalista

A atriz foi vista circulando com a Clasp Bag da “old Celine”

Angelina Jolie com a Clasp Bag da Celine (Foto: Backgrid)

Tendências de bolsas vão e voltam, mas uma opção clássica é eterna. No ano passado, vimos celebridades usando bags em tamanho mini e versões estampadas com logo, mas nem todas as famosas são adeptas das últimas tendências. Entre elas está Angelina Jolie, que elegeu como sua it-bag preferida uma peça clássica e minimalista. 

A atriz foi vista na segunda-feira (06.01) fazendo compra em Los Angeles com os gêmeos Vivienne e Knox usando um look all black e a Clasp Bag da Celine, lançada no desfile de verão 2017 da marca, sob comando de Phoebe Philo. A bolsa rapidamente caiu no gosto de Jolie (que tem também uma opção branca) e está em total sintonia com o retorno do minimalismo que vem tomando conta da temporada – uma boa inspiração para escolher a sua próxima bag! Ela é um acessório vintage e pode ser encontrado na faixa de R$10 mil reais.

Versace Cruise 2020 | The girls

Um caminhão atravessa o deserto transportando carga preciosa – toda a coleção Versace Cruise 2020. Dois bandidos, Kris e Sara Grace, assistem o caminhão de longe, vestidos com jeans e 2020 do Cruise 2020 separados.

Eles montam uma armadilha para o motorista desavisado – antes que ele consiga tirar o boné Gianni Versace Signature, ele percebe que o carro quebrado está vazio, além de algumas bolsas Virtus deixadas para trás.

Evadindo o Sherriff, os dois bandidos pegam o caminhão e fogem, disfarçando-se em novos looks – peças de couro preto e dourado e seda da Coleção Versace Cruise 2020 com as quais se safaram.

Andreas Ortner for Free People Latest Campaign with Luna Bijl

Photography: Andreas Ortner. Art Director: Doub Hanshaw. Styling: Amanda Greyson. Hair & Makeup: Georgios Tsiogkas. Model: Luna Bijl.

‘Coringa’ lidera as indicações ao Bafta, o Oscar britânico

‘O Irlandês’, da Netflix, e ‘Era uma vez em… Hollywood’ vêm na sequência com dez indicações cada um

Joaquin Phoenix como o Coringa, fazendo sua dança de empoderamento. … Warner Bros.

O filme “Coringa” lidera as indicações para os prêmios da Academia Britânica de Artes de Cinema e Televisão (Bafta, na sigla em inglês) em lista divulgada nesta terça-feira (7). Ao todo, a produção concorre em 11 categorias, entre elas a de melhor filme, direção e ator para Joaquin Phoenix.

O filme da Netflix “O Irlandês”, dirigido por Martin Scorsese, e “Era uma Vez em… Hollywood”, de Quentin Tarantino, vêm na sequência com dez indicações cada um.

No embalo de seu triunfo no Globo de Ouro, no qual foi premiado como melhor drama, o drama da Primeira Guerra Mundial “1917” concorre em nove categorias.

Os quatro filmes competirão contra “Parasita”, do diretor sul-coreano Bong Joon-ho, pelo prêmio de melhor filme, assim como o de melhor diretor.

A premiação será realizada no dia 2 de fevereiro em Londres e é considerada a mais importante do cinema britânico. O Bafta é considerado também um termômetro do Oscar.

Veja a lista completa de indicados abaixo:

MELHOR FILME

  • “1917”
  • “O Irlandês”
  • “Coringa”
  • “Era uma Vez em… Hollywood”
  • “Parasita”

MELHOR FILME BRITÂNICO

  • “1917”
  • “Bait”
  • “For Sama”
  • “Rocketman”
  • “Sorry We Missed You”
  • “Dois Papas”

ROTEIRISTA, DIRETOR OU PRODUTOR REVELAÇÃO

  • “Bait” – Mark Jenkin, Kate Byers e Lunn Waite
  • “For Sama” – Waad Al-Kateab e Edward Watts
  • “Maiden” – Alex Holmes
  • “Only You” – Harry Wootliff
  • “Retablo” – Álvaro Delgado-Aparicio

MELHOR FILME EM LÍNGUA ESTRANGEIRA

  • “The Farewell”
  • “For Sama”
  • “Dor e Glória”
  • “Parasita”
  • “Retrato de uma Jovem em Chamas”

MELHOR DOCUMENTÁRIO

  • “American Factory”
  • “Apollo 11”
  • “Diego Maradona”
  • “For Sama”
  • “The Great Hack” 

MELHOR ANIMAÇÃO

  • “Frozen 2” 
  • “Klaus” 
  • “Shaun, o Carneiro: Farmageddon” 
  • “Toy Story 4”

MELHOR DIRETOR

  • Sam Mendes (“1917”)
  • Martin Scorsese (“O Irlandês”)
  • Todd Phillips (“Coringa”)
  • Quentin Tarantino (“Era uma Vez em… Hollywood”)
  • Bong Joon-ho (“Parasita”) 

MELHOR ROTEIRO ORIGINAL

  • “Booksmart”
  • “Entre Facas e Segredos”
  • “História de um Casamento”
  • “Era uma Vez em… Hollywood”
  • “Parasita”

MELHOR ROTEIRO ADAPTADO

  • “Coringa”
  • “O Irlandês”
  • “Jojo Rabbit”
  • “Adoráveis Mulheres”
  • “Dois Papas”

MELHOR ATRIZ

  • Jessie Buckley (“As Loucuras de Rose”)
  • Scarlett Johansson (“História de um Casamento”)
  • Saoirse Ronan (“Adoráveis Mulheres”)
  • Charlize Theron (“O Escândalo”)
  • Renée Zellweger (“Judy”)

MELHOR ATOR

  • Leonardo DiCaprio (“Era uma Vez em… Hollywood”)
  • Adam Driver (“História de um Casamento”)
  • Taron Egerton (“Rocketman”)
  • Joaquin Phoenix (“Coringa”)
  • Jonathan Pryce (“Dois Papas”) 

MELHOR ATRIZ COADJUVANTE

  • Laura Dern (“História de um Casamento”)
  • Scarlett Johansson (“Jojo Rabbit”)
  • Florence Pugh (“Adoráveis Mulheres”)
  • Margot Robbie (“O Escândalo”)
  • Margot Robbie (“Era uma Vez em… Hollywood”)

MELHOR ATOR COADJUVANTE

  • Tom Hanks (“Um Lindo Dia na Vizinhança”)
  • Anthony Hopkins (“Dois Papas”)
  • Al Pacino (“O Irlandês”)
  • Joe Pesci (“O Irlandês”)
  • Brad Pitt (“Era uma Vez em… Hollywood”)

MELHOR TRILHA SONORA

  • “1917”
  • “Jojo Rabbit”
  • “Coringa”
  • “Adoráveis Mulheres”
  • “Star Wars: A Ascensão Skywalker”

MELHOR ELENCO

  • “Coringa”
  • “História de um Casamento”
  • “Era uma Vez em… Hollywood”
  • “The Personal History of David Copperfield”
  • “Dois Papas”

MELHOR FOTOGRAFIA

  • “1917”
  • “O Irlandês”
  • “Coringa”
  • “Ford vs. Ferrari”
  • “O Farol”

MELHOR EDIÇÃO

  • “O Irlandês”
  • “Jojo Rabbit”
  • “Coringa”
  • “Ford vs. Ferrari”
  • “Era uma Vez em… Hollywood”

MELHOR DESIGN DE PRODUÇÃO

  • “1917”
  • “O Irlandês”
  • “Jojo Rabbit”
  • “Coringa”
  • “Era uma Vez em… Hollywood”

MELHOR FIGURINO

  • “O Irlandês”
  • “Jojo Rabbit”
  • “Judy”
  • “Adoráveis Mulheres”
  • “Era uma Vez em… Hollywood”

MELHOR MAQUIAGEM E CABELO

  • “1917”
  • “O Escândalo”
  • “Coringa”
  • “Judy”
  • “Rocketman”

MELHOR SOM

  • “1917”
  • “Coringa”
  • “Ford vs. Ferrari”
  • “Rocketman”
  • “Star Wars: A Ascensão Skywalker”

MELHORES EFEITOS ESPECIAIS

  • “1917”
  • “Vingadores: Ultimato”
  • “O Irlandês”
  • “O Rei Leão”
  • “Star Wars: A Ascensão Skywalker”

MELHOR CURTA ANIMADO

  • “Grandad Was a Romantic”
  • “In Her Boots”
  • “The Magic Boat”

MELHOR CURTA BRITÂNICO

  • “Azaar”
  • “Goldfish”
  • “Kamali”
  • “Learning to Skateboard in a Warzone (If You’re a Girl)”
  • “The Trap”

ARTISTA REVELAÇÃO (VOTAÇÃO DO PÚBLICO)

  • Awkwafina
  • Jack Lowden
  • Kaitlyn Dever
  • Kelvin Harrison Jr.
  • Micheal Ward