Homenagem a Naya Rivera: relembre 10 performances icônicas da atriz em Glee

A intérprete de Santana na série musical foi encontrada morta nesta segunda-feira (13)
MARIANA CANHISARES

Naya Rivera, atriz ficou conhecida por viver Santana em Glee

A polícia do Condado de Ventura confirmou nesta segunda-feira (13) que a cantora e atriz Naya Rivera foi encontrada morta no Lago Piru, local onde ela foi vista pela última vez no dia 9 de julho. Rivera tinha apenas 33 anos, mas é evidente o impacto que ela deixou em uma legião de fãs que a acompanhou vivendo os dilemas da líder de torcida Santana Lopez em Glee – seja pelo seu arco de redenção, deixando a “vilania” para virar uma personagem efetivamente complexa, seja por representar com tanta delicadeza a realidade da juventude LGBTQ+ na TV.

Para homenagear Naya Rivera e sua importância para toda uma geração de jovens fãs da série musical, relembramos 10 performances icônicas da atriz:

“VALERIE”

Impossível não lembrar do cover de “Valerie” quando o assunto é a trajetória de Naya Rivera em Glee. É verdade que a atriz o gravou duas vezes, primeiro na segunda temporada, durante uma das várias competições que o New Directions participou, e depois no quinto ano, em um dueto com Heather Morris. Mas o motivo para que ele seja tão memorável está na atitude da cantora, que exala confiança e claramente se diverte durante a performance, e o fato de que sua voz combina perfeitamente com a música de Amy Winehouse. 

“SMOOTH CRIMINAL”

Santana Lopez foi uma personagem de muitas rivalidades e talvez uma das mais interessantes, ao menos musicalmente, foi com o membro dos Warblers, Sebastian. Na terceira temporada, no episódio em tributo ao Michael Jackson, os dois fizeram uma tensa performance de “Smooth Criminal”, uma espécie de maneira de colocar em pratos limpos a “pegadinha” de mau gosto que o estudante fez com Blane. Nenhum dos dois, porém, quis admitir a vitória do outro.

“MINE”

Brittana é um dos ships mais adorados de Glee e não é à toa. Com todos os seus altos e baixos, a história de amor das duas emocionou episódio após episódio e é fato que o cover de “Mine” está entre as cenas mais marcantes do casal. Em “The Break-Up”, episódio que abalou todos os casais da série, Santana e Brittany colocaram um ponto final na sua relação ao som de Taylor Swift. Um cover de quebrar o coração e arrancar umas boas lágrimas. 

“AMERICA”

Santana sempre foi brilhante nas apresentações teatrais da turma e na sua versão de “America”, do adorado musical Amor, Sublime Amor, não foi diferente. Fazendo o papel que foi eternizado por Rita Moreno, Naya Rivera provou que daria uma boa Anita. Com a notícia de que Steven Spielberg faria um remake, ela até fez um teste e compartilhou no Instagram, mas Rivera acabou não ficando com o papel.

“SONGBIRDS”

Outra música que marcou o relacionamento entre Santana e Brittany foi “Songbird”, do Fleetwood Mac. Neste episódio, a personagem de Naya Rivera vive um grande dilema sobre se assumir ou não lésbica, principalmente porque a escola está tomada por rumores e ela teme a reação das pessoas. A única maneira que ela consegue se expressar honestamente e sem medo é cantando para Brittany na sala do coral. Esta é uma das performances mais interessantes na jornada da jovem e, por isso, não poderia ficar de fora desta lista. 

“GIRL ON FIRE”

O cover da música da Alicia Keys marca um verdadeiro ponto de virada na vida da Santana. Afinal, a música representa a compreensão dela de que precisa deixar Brittany e o McKinley High para trás e se propor um recomeço. A performance de Rivera brinca justamente com essa transição, isto é, o medo de deixar o passado confortável para trás e, ao mesmo tempo, a empolgação de ter um mundo de possibilidades na sua frente em uma nova cidade. Sensações que, convenhamos, todos nós já sentimos pelo menos uma vez ou outra.

“RUMOR HAS IT / SOMEONE LIKE YOU”

O mash-up de “Rumor Has It / Someone Like You” foi um dos melhores já feitos na história da série, e parte da razão para isso está na combinação das vozes de Amber Riley e Naya Rivera. Isso sem contar que a performance é girl power puro. 

“IF I DIE YOUNG”

“If I Die Young” é a música que Santana escolhe para fazer seu tributo a Finn no episódio que homenageou o ator e cantor Cory Monteith. O cover por si só é emocionante, principalmente pelo fato de a jovem se permitir ficar vulnerável e chorar ao final da música. Hoje, porém, a performance ganha ainda mais peso. Esta segunda-feira é também o dia em que se completam sete anos da morte de Monteith. 

“LANDSLIDE”

Mais um cover do Fleetwood Mac marcou a trajetória de Naya Rivera em Glee. Aliás, mais um servindo de trilha sonora para a história de Brittana. Cantando ao lado de Gwyneth Paltrow e Heather Morris, Rivera protagonizou um momento sutil, mas bastante emocionante. Afinal, esta é a música que faz Santana entender seus sentimentos por Brittany.  É lindo demais.

“SHAKE IT OUT”

O cover da música da Florence + The Machine também não poderia ficar de fora. Além de ser incrivelmente sensível por ter no seu plano de fundo a história de um relacionamento abusivo, a sororidade transborda nesta performance, assim como a sintonia das cinco cantoras.

BOTTER Spring/Summer 2021

BOTTER unveiled its Spring/Summer 2021 collection during the Digital Paris Menswear Fashion Week.

“A criação desta coleção foi a mais difícil até agora, tentando expressar nossa visão humilde e positiva em relação ao movimento da matéria vidas negras e outros grandes problemas que enfrentamos juntos de uma só vez.”

BOTTER SS21 by Lisi Herrebrugh & Rushemy Botter
Video directed by David Paige, assisted by Cyprien Bourrec Image direction by JPPM studio
Style direction by Jenke Ahmed Tailly
Models: Lamine Faty @theclawmodels and Jenke Ahmed Tailly

Naya Rivera, atriz de Glee, é encontrada morta aos 33 anos de idade

Corpo foi achado em lago na Califórnia cinco dias após seu desaparecimento
ARTHUR ELOI

Naya Rivera – (1987 – 2020)

Naya Rivera, atriz conhecida por viver Santana em Glee, foi encontrada morta após desaparecer em um passeio de barco com seu filho no Lago Piru, no Condado de Ventura, na Califórnia. Ela tinha 33 anos de idade, e a causa da morte ainda não foi identificada.

Rivera inicialmente desapareceu em 9 de julho, após ter caído do barco seguido um incidente não especificado. Seu filho de 4 anos, que também caiu na água, conseguiu retornar ao barco em segurança. A polícia então começou a busca pela atriz, mas eventualmente passou a procurar pelo seu corpo, achando apenas cinco dias depois do sumiço.

A informação de que o corpo de Rivera foi encontrado sem vida foi inicialmente reportada pelo TMZ no início da tarde de segunda (13), e mais tarde confirmada pela polícia do Condado de Ventura ao The Wrap, pouco antes de uma coletiva de imprensa.

Boa parte da dificuldade em encontrar a vítima se deu pelas condições complicadas da busca no lago, que a polícia explicou através de vídeos no Twitter que demonstram a péssima visibilidade dos aparelhos tentando vasculhar o fundo lamaçento do local, com quase 10 metros de profundidade.

Naya Rivera, atriz conhecida por viver Santana em Glee

No último ano, Naya Rivera participou do filme Mad Families, filme da plataforma digital Crackle, da Sony, estrelado por Charlie Sheen e ainda com Leah Remini (Family Tools) e Finesse Mitchell (Roadies) no elenco.

A atriz esteve envolvida também nas gravações de Step Up: High Water, uma websérie exibida pelo Youtube Red em parceria com a Lionsgate TV inspirada no filme Ela Dança, Eu DançoChanning Tatum Jenna Dewan-Tatum, protagonistas do longa original, assinam a produção executiva. Ainda não há data de estreia oficial.

Netflix desenvolve sequência de Atômica, confirma Charlize Theron

Atriz afirmou que projeto está sendo escrito no serviço de streaming
ARTHUR ELOI

Após especulações, Charlize Theron agora confirmou que a sequência de Atômica será desenvolvida pela Netflix. Em entrevista ao Total Film, a atriz comentou que a produtora sugeriu o projeto ao chefe de Filmes Originais do streaming, e que foi aprovado [via Games Radar].

Levamos a eles, e Scott Stuber estava realmente interessado. Conversamos extensivamente com ele, e estamos no processo de escrever o roteiro. A personagem foi escrita de forma que não teve muitos detalhes revelados, então acho que há bastante potencial. É um padrão alto a ser atendido, mas estamos animados”, afirmou.

Na trama, uma agente secreta do MI6 é enviada para Berlim durante a Guerra Fria para investigar a morte de um colega agente e recuperar uma lista perdida de agentes duplos.O elenco conta ainda com James McAvoy (Fragmentado), John Goodman (Kong: A Ilha da Caveira) e Toby Jones (Sherlock).

Não há previsão de estreia ou detalhes adicionais para Atômica 2David Leitch (Deadpool 2) comandou o primeiro, mas não deve retornar para a sequência.

Equipe da Apple que adora criar caixas está de volta em novo comercial — agora trabalhando de casa!

Quem aqui lembra daquele comercial da Apple — o qual foi recentemente premiado — em que uma equipe cria uma caixa de pizza em um dos projetos mais ambiciosos de Cupertino ? Pois o quarteto está de volta!

A equipe agora está trabalhando de casa (o famoso home office, em tempos de quarentena/isolamento) com seus inúmeros desafios (filhos, parentes, animais de estimação, prazos curtos, orçamento reduzido, etc.). O intuito? Novamente, criar uma caixa!

O comercial mostra basicamente todas as ferramentas da Apple que podem nos ajudar nesse tipo de tarefa, como videoconferências pelo FaceTime, troca de mensagens pelo (duh) Mensagens, emails pelo Mail, escanear documentos pelo Notas, ver o tamanho das coisas usando o app Medida, organizar a vida pelo Calendário e pelo Lembretes… sem falar na utilização dos produtos em si, incluindo iPhones, iPads, Apple Pencils, Macs, Apple Watches e outros.

Os Underdogs estão de volta, navegando em seu novo normal com muitas incógnitas, mas uma constante confiável: a Apple ajuda a liberar sua criatividade e produtividade, mesmo quando estão trabalhando em casa.

Ainda é um mundo de prazos, reuniões, bate-papos em grupo, teleconferências, colegas de trabalho e chefes. Mas também é um mundo de crianças, um cachorro e um gato sem pêlos. E é um mundo em que a colaboração nunca falha, seja a equipe que usa iPad, iPhone, iMac, MacBook ou todas as opções acima. Trabalhar em casa (ou em qualquer lugar) não é novidade, mas o que você pode fazer acontecer em conjunto é.

A Apple criou até mesmo uma página em seu site destacando as soluções que vemos no comercial. [MacMagazine]

John Legend e Chrissy Teigen compram ‘casa orgânica’ por R$ 27,3 milhões

Casa de quatro quartos tem diversos elementos naturais

Chrissy Teigen e John Legend Foto: David Crotty / Patrick McMullan via Getty Image

Um dos casais mais queridos do show business americano está de casa nova. John Legend e Chrissy Teigen acabam de comprar uma nova casa, em Los Angeles, no valor de US$ 5,1 milhões, algo em torno de R$ 27,3 milhões. As informações são do site Global Mansion, que acompanha a compra e venda de mansões nos EUA.

Vista da casa Foto: Divulgação
Vista da casa Foto: Divulgação

Construída na década de 1930, a casa de 315 metros quadrados é descrita como “uma obra-prima orgânica moderna”, por combinar arquitetura modernista com elementos naturais. Nela, há jardins flutuantes com irrigação e drenagem embutidos, vários decks e terraços ao ar livre e uma piscina com spa.

Cozinha Foto: Realtor / Divulgação
Cozinha Foto: Realtor / Divulgação

A propriedade tem quatro quartos, quatro banheiros, sala de estar e de jantar.

Banheiro Foto: Realtor / Divulgação
Banheiro Foto: Realtor / Divulgação

Photographer Olivia Frolich for COSTUME Magazine with Caroline Knudsen

Photographer: Olivia Frolich. Styling: Kristine Halken. Hair: Lasse Pedersen. Makeup: Marie Thomsen. Model: Caroline Knudsen.

Conheça a história de amor de 28 anos de Kelly Preston e John Travolta

Atriz morreu de câncer de mama no último domingo

John Travolta e Kelly Preston

A notícia da morte de Kelly Preston, aos 57 anos, por câncer de mama chegou por meio de seu marido John Travolta nesta segunda-feira. Os dois protagonizaram uma história de amor de 28 anos e que rendeu três filhos. O casal se conheceu em um teste para o filme “The Experts” em 1989, quando Kelly ainda era casada com o ator Kevin Gage. Para Travolta foi amor à primeira vista.

Para Kelly também não foi muito diferente: “Bem, vamos dizer que eu não estava muito feliz naquela época. Eu realmente estava com a pessoa errada”, comentou a atriz certa vez. Ela foi casada com Kevin Gage por dois anos. Mas o fim do casamento não aconteceu para que ela ficasse com Travolta. Depois de se separar, ela foi morar por um breve período com George Clooney e um tempo após o rompimento, ainda ficou noiva de Charlie Sheen.

John Travolta e Kelly Preston em 1990 Foto: Ron Galella, Ltd. / Ron Galella Collection via Getty

Travolta esperou que ela ficasse solteira novamente para se aproximar. Mas foi já na véspera da virada de ano de 1990 para 1991 que ele se ajoelhou em um restaurante na Suíça para pedi-la em casamento. Jonathan Krane, produtor do clássico “Olha quem está falando”, conta que Kelly ficou surpresa com a proposta rápida de Travolta: “Ela deu um grito”, disse o amigo. Pouco depois, a atriz já dizia em entrevistas que os dois “planejavam ter alguns bebês”.

E o desejo realmente se concretizou logo, porque Kelly acabou casando grávida do filho Jett em setembro de 1991. A cerimônia foi realizada em Paris e depois eles se casaram uma segunda vez em solo americano na Flórida. Em 2000, eles tiveram seu segundo bebê, uma menina chamada Ella Bleu, que hoje seguiu a carreira dos pais e também é atriz.

O casal no início dos anos 2000 Foto: Ron Galella, Ltd. / Ron Galella Collection via Getty
O casal no início dos anos 2000 Foto: Ron Galella, Ltd. / Ron Galella Collection via Getty

Mas a vida do casal não foi apenas de alegrias. Em 2009, eles tiveram seu maior baque com a perda do filho Jett, aos 16 anos. Ele morreu em uma viagem de família nas Bahamas após sofrer uma convulsão e bater a cabeça na banheira. Foi o pior momento da vida dos atores.

Kelly com os filhos Ella e Jett Foto: Tim Boyles / Getty Images
Kelly com os filhos Ella e Jett Foto: Tim Boyles / Getty Images

Dois anos depois, no entanto, eles receberam um novo bebê. O pequeno Benjamin foi muito importante para que Johh, Kelly e a filha Ella encontrassem sentido na vida novamente. “Certamente ter o pequeno Ben tem sido um tipo bonito de cola para nos restabelecermos após uma tremenda perda”, disse Travolta em entrevista ao Good Morning America.”Ele deu à casa um espírito e um propósito renovados”, comentou o ator em 2011 à Revista People.

A família Travolta: John, Kelly, Ella e Benjamin Foto: Gisela Schober / Getty Images
A família Travolta: John, Kelly, Ella e Benjamin Foto: Gisela Schober / Getty Images

Depois de 28 anos juntos e dois anos lutando contra o câncer de mama, Kelly deixou John no último domingo e o anúncio de sua morte foi feito nesta segunda-feira.

Atriz Kelly Preston, mulher de John Travolta, morre aos 57 anos

Kelly tratava um câncer de mama há dois anos. Atriz ficou conhecida por papéis em filmes como ‘Irmãos Gêmeos’ e ‘Jerry Maguire’.

Kelly Preston no festival de Cannes de 2018 – Regis Duvignau/Reuters

A atriz Kelly Preston, mulher de John Travolta e conhecida por seus papéis em filmes como “Irmãos Gêmeos” e “Jerry Maguire: A Grande Virada”, morreu neste domingo (12) de complicações por um câncer de mama, informou a edição online da revista People. Ela tinha 57 anos.

“Na manhã de 12 de julho de 2020, Kelly Preston, uma amada esposa e mãe, faleceu após uma batalha de dois anos contra o câncer de mama”, disse um representante da família à publicação.

“Depois de decidir realizar sua luta em particular, ela passou por tratamento médico por um tempo, ajudada por sua família e amigos mais próximos”, continuou o representante. “Ela era uma alma brilhante, preciosa e amorosa, que se importava profundamente com os outros e trouxe vida a tudo o que tocou”, acrescentou.

Travolta confirmou a morte de sua esposa através de uma mensagem no Instagram.

“Lamento muito informar que minha linda esposa Kelly perdeu sua luta de dois anos contra o câncer de mama. Ele lutou com coragem e o amor e apoio de muitos (…) o amor de Kelly e sua vida sempre serão lembrados”, escreveu o ator.

Preston e Travolta têm dois filhos: Ella, 20, e Benjamin, 9 anos. Em janeiro de 2009, eles sofreram a perda de seu filho Jett, aos 16 anos. Os atores se casaram em setembro de 1991, quando a atriz estava grávida de Jett.

John Travolta e Kelly Preston

Carreira

A carreira de Preston começou em 1985 com um papel no filme “A Primeira Transa de Jonathan” e ela ficou famosa em suas aparições em “Irmãos Gêmeos” (1988), “Jerry Maguire: A Grande Virada” (1996) e “Por Amor” (1999). Mais tarde, ela apareceu em “A reconquista” (2000), “Sentença de morte” (2007) e “Surpresa em Dobro” (2009).

Ela também apareceu no videoclipe da música “She Will Be Loved”, do Maroon 5.

Sua última interpretação nos cinemas foi em “Gotti: O Chefe da Máfia” (2018), ao lado de Travolta, onde ela interpretou a esposa do mafioso John Gotti.