Cromoterapia: que cor usar para ser mais produtivo no home office?

Scroll down to content

As cores podem interferir diretamente no seu comportamento, raciocínio, foco e muito mais. Saiba como usar cada cor para melhorar seu home office!
Por Solange Lima, Especialista em Cromoterapia do Personare

Cromoterapia — Foto: Reprodução/Unsplash

Já pensou poder melhorar sua produtividade no dia a dia mudando a cor da sua roupa ou adicionando objetos de determinadas cores no seu ambiente de trabalho? A Cromoterapia te ajuda nisso! O método tem como base as sete cores do arco-íris. São elas: vermelho, laranja, amarelo, verde, azul, índigo e violeta. Entenda os significado das cores e como usá-las para ser mais produtivo no seu home-office.

Vermelho

Use vermelho em pontos de decoração — Foto: Reprodução/Unsplash
Use vermelho em pontos de decoração — Foto: Reprodução/Unsplash

Vermelho é a cor que traz em sua essência a ação, a vitalidade e a felicidade. Pode ser usado nas paredes ou nos detalhes para atrair uma onda de vigor, felicidade, entusiasmo, prazer, calor, poder.

A cor pode ser usada para aquecer e energizar ambientes e ajuda as pessoas a se sentirem centradas no “aqui e agora”, oferecendo energia e movimento.

Laranja

O laranja traz a coragem, a força e a determinação — Foto: Reprodução/Unsplash
O laranja traz a coragem, a força e a determinação — Foto: Reprodução/Unsplash

É considerada a cor da prosperidade. Ajuda na sensação de ousadia, coragem e estimulação. Com o laranja, as coisas fluem de maneira tranquila e segura e traz a energia de uma vida mais próspera.

A cor laranja traz força, coragem, determinação e ousadia, tirando as pessoas do estado de medo e covardia.

Amarelo

O amarelo ajuda na concentração  — Foto: Reprodução/Unsplash
O amarelo ajuda na concentração — Foto: Reprodução/Unsplash

A cor amarela representa a mente e, por isso, estimula o raciocínio e o intelecto. É o tom da inteligência, da sabedoria, da lógica e da razão.

É possível usar a cor para aumentar a capacidade de concentração, clarear os pensamentos, organizar as ideias e trazer mais produtividade no trabalho e nos estudos. Amarelo é excelente para tarefas que exigem muito foco.

Quando precisamos estudar, por exemplo, basta visualizar a cor mentalmente através da luz ou em objetos no seu campo de visão para estimular a mente.

Verde

O verde ajuda na irritabilidade, mas pode gerar cansaço se exagerar — Foto: Reprodução/Unsplash
O verde ajuda na irritabilidade, mas pode gerar cansaço se exagerar — Foto: Reprodução/Unsplash

A cor verde é intermediária entre as cores quentes e frias, entre os níveis físico e emocional.

O tom traz serenidade, mantém o bom funcionamento do corpo, trazendo equilíbrio e bem-estar. Ajuda a deixar a pessoa centrada, harmonizando físico e mente.

Verde tem efeito calmante, age como regeneradora dos órgãos e sistemas e normaliza as funções de todas as glândulas do corpo. Essa cor age como sedativo e ajuda nos quadros de irritabilidade, insônia, esgotamento físico, controlar os medos e inseguranças. Mas atenção: em excesso pode causar cansaço.

Azul

O azul é uma cor calmante e que ajuda na expressão — Foto: Reprodução/Unsplash
O azul é uma cor calmante e que ajuda na expressão — Foto: Reprodução/Unsplash

É a primeira cor fria, que é mais sutil e trabalha as emoções e os sentimentos. Traz calma, relaxa a mente e consequentemente o corpo, permitindo-nos ter contato com nossa essência, com o nosso “eu” mais íntimo, nos ajudando a resgatar nossa fé.

A cor ajuda a remover ideias obsessivas e padrões nocivos de comportamento. Atua diretamente no Chakra Laríngeo, localizado na altura da garganta, que facilita a verbalização e a expressão. Por isso, impulsiona a falar sobre o que incomoda e atrapalha.

Todas as vezes que você sentir necessidade de trabalhar a energia da comunicação na sua vida, faça um trabalho de visualização criativa da cor azul neste Chakra por pelo menos cinco minutos.

Índigo

O índigo ajuda no autoconhecimento — Foto: Reprodução/Unsplash
O índigo ajuda no autoconhecimento — Foto: Reprodução/Unsplash

O índigo aguça a intuição, eleva e expande a consciência, permitindo compreensão melhor das situações da vida.

A cor ajuda no estado de relaxamento para corpo e mente, além de ajudar no processo de autoconhecimento, transformando padrões internos. Para quem tem problemas como medo, timidez, claustrofobia e complexo de inferioridade, o índigo traz conforto.

As roupas na cor índigo são indicadas para ajudar no aprendizado, e podem deixar a pessoa tranquila e serena. Quando usada na decoração e nos ambientes pode causar sensação de libertação. É indicada para lugares muito tensos, como escritórios.

Violeta

A cor violeta ajuda a ter mais foco — Foto: Reprodução/Unsplash
A cor violeta ajuda a ter mais foco — Foto: Reprodução/Unsplash

A cor violeta tem poder de transmutação e transformação, ajudando quando a pessoa se encontra perdida e quer promover mudanças na vida.

Em roupas, acessórios e até esmalte, a cor violeta transmite autoridade, aumenta o poder de concentração e desperta o interesse dos outros.

É aconselhável para quem precisa se expor e falar em público, pois a cor ajuda a ter mais foco e conquistar o respeito dos outros.

Rosa

O rosa ajuda nos sentimentos amorosos — Foto: Reprodução/Unsplash
O rosa ajuda nos sentimentos amorosos — Foto: Reprodução/Unsplash

A cor também tem a função de harmonizar e melhorar a comunicação nos relacionamentos. O rosa ensina a trabalhar a energia do amor, do perdão.

A cor ajuda a permitir, a aceitar as diferenças, a buscar reconciliações e entendimentos de mágoas e ressentimentos do passado.

Busque na energia da cor rosa a sustentação para lidar com essas situações, sem medo de ser feliz, de ser amado novamente ou de ser aceito.

Cores que não fazem parte da Cromoterapia

Preto, branco, cinza e marrom podem ajudar quando usadas nas roupas — Foto: Reprodução/Unsplash
Preto, branco, cinza e marrom podem ajudar quando usadas nas roupas — Foto: Reprodução/Unsplash

Branco, preto, marrom e cinza não têm função terapêutica segundo a Cromoterapia, mas podem trazer benefícios quando usadas nas roupas.

  • Branca: O branco é a junção de todas as cores. Remete à pureza, perfeição e paz. Usar roupa branca pode deixar mais alegre, festivo e jovial.
  • Preto: O uso da cor preta nas roupas demonstra mistério e discrição. Usa-se quando a pessoa quer se esconder de algo que não está disposta a enfrentar no momento.
  • Marrom: O uso da cor marrom nas roupas representa a ligação com a terra, trazendo solidez, segurança e confiança. A cor pode transmitir calma, mas os tons mais escuros podem causar desconforto e mal-estar.
  • Cinza: O cinza é a junção do preto com o branco. Geralmente, está ligado à indecisão e à incerteza. Pessoas mais tímidas podem gostar dessa cor nas roupas, pois remete ao não envolvimento com as pessoas. É como se a pessoa se tornasse invisível.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: