Evernote, Forest e Brainly: como essas ferramentas podem ajudar nos estudos?

Scroll down to content

Ferramentas começaram a desempenhar papel central na rotina de estudos de universitários e alunos de ensino médio
Por Ítalo Lo Re – O Estado de S. Paulo

Aplicativos como Evernote, Forest e Brainly passaram a dividir espaço com computador, cadernos e caneta.

Com a pandemia do novo coronavírus, e as aulas à distância, algumas ferramentas começaram a desempenhar papel central na rotina de estudos de universitários e alunos de ensino médio. Seja para aumentar a produtividade, evitar a procrastinação ou até mesmo ajudarcom dúvidas, aplicativos como Evernote, Forest e Brainly passaram a dividir espaço com computador, cadernos e caneta.

Utilizados ou não de forma conjunta, os apps podem auxiliar no desenvolvimento de estudantes que, por conta do isolamento social, estão enfrentando dificuldades para se manterem produtivos. Conheça três dessas ferramentas e saiba como cada uma delas pode ser aplicada ao seu cotidiano.

Famoso por permitir anotações de maneira descomplicada, o Evernote é uma solução que ajuda estudantes a organizarem suas tarefas em diferentes formatos e dispositivos. Na ferramenta, é possível salvar lembretes em texto, voz, foto e até em vídeo. Além disso, a partir do momento em que o cadastro é realizado, você consegue manusear suas informações na nuvem e acessá-la diretamente do celular, computador ou tablet — tudo para tornar seu dia a dia mais dinâmico e melhorar sua produtividade.

Atualmente, o Evernote oferece três diferentes planos: Basic (que é a versão gratuita), Premium (por R$ 9 ao mês) e Business (por R$ 24 ao mês). Enquanto todaspossibilitam a criação de notas e lembretes, o diferencial das versões pagas é que elas têm conteúdo sugerido por inteligência artificial e podem ser integradas ao Google Docs. A versão Business, além disso, permite que sejam criados fluxos de trabalho para colaboração em equipe, entre outros benefícios.

Utilizado por mais de 225 milhões de pessoas ao redor do mundo, o Evernote também possibilita que arquivos — como resumos de conteúdos passados em aula — sejam compartilhados com quaisquer pessoas, mesmo que elas não estejam cadastradas na ferramenta. Se quiser testar outros apps para melhorar a produtividade, TrelloAsanaTodoist e Google Keep também são interessantes alternativas.

De que forma o Forest evita a procrastinação?

Sem dúvida, organizar as anotações de seus estudos já é um enorme salto de produtividade. Mas e se você pudesse ir um pouco além? É para isso que existe o Forestaplicativo gamificado que visa a manter o usuário focado em períodos específicos do dia. Ao trabalhar em home office ou estudar em casa, procrastinar pode ser uma tentação irresistível. Em meio a isso, o Forest funciona de forma até um pouco paradoxal: quanto menos mexer em seu smartphone, mais você avança no jogo.

Para isso, a ferramenta trabalha com a metáfora de uma floresta digital que vê sua fauna crescer à medida em que o usuário avança no game. Para isso, é necessário configurar cronômetros que vão de 10 a 120 minutos e deixar o app aberto. Então, sua árvore passa a crescer e você progride — contanto, claro, que não volte a mexer no celular. Vale destacar que o aplicativo também oferece a opção de ativar sons ambientes para ajudar na sua concentração.

Disponível como extensão do Google Chrome e em aplicativos para Android (gratuitamente) e iOS (a R$ 7,90), o Forest também tem uma parceria com a ONG Trees for the Future, que pode ser apoiada, inclusive, com moedas virtuais dos usuários do game. Até aqui, a iniciativa já ajudou a plantar mais de 800 mil árvores ao redor do mundo. Outras opções de apps para aumentar o foco — aplicando, inclusive, a famosa técnica Pomodoro, que alterna períodos de alta produtividade com momentos de descanso — são TogglFreedom e Tomato Timer.

Como sanar dúvidas com o Brainly?

Mesmo com a produtividade dos estudos em alta, é inevitável que surjam algumas dúvidas. Em meio a isso, o Brainly tem despontado como uma importante ferramenta de colaboração entre estudantes. Por meio dele, você consegue compartilhar suas dúvidas, procurar perguntas semelhantes às que você gostaria de ver respondidas e também colaborar com outros estudantes.

Se você tem interesse em fazer parte dessa rede colaborativa, basta acessar a plataforma e criar um cadastro rápido. Depois disso, pode consultar questões de diferentes áreas de conhecimento — como química, física, história, gramática, entre outras. Com o período de quarentena e a consequente adoção de aulas remotas, utilizar o Brainly se tornou uma via ainda mais recorrida para obter respostas em um curto espaço de tempo.

Com apps disponíveis em versões gratuitas para Android e iOS, o Brainly já está disponível em mais de 35 países. Para se ter uma noção do crescimento da comunidade, a ferramenta recebe mais de 200 milhões de usuários ao mês. Se suas dúvidas são mais no campo da matemática, uma ferramenta que também pode funcionar é o Mathway, que, além de dar os resultados de expressões, também explica o passo a passo tomado para o cálculo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: