Ações de empresas de games e ETFs crescem 50% no rali da pandemia

Mesmo com forte crescimento, analistas preferem empresas de computação em nuvem
E-INVESTIDOR
einvestidor@estadao.com

Competição de Call of Duty no começo de 2020 (Foto: Bruce Kluckhohn/USA Today Sports)

(Kamaron Leach/ WP Bloomberg) – Os ganhos de assinantes da Netflix no início deste ano pareciam levar a empresa de streaming para a coroação como a rainha da quarentena. Em vez disso, é o setor de videogame que reivindica o trono.

O índice Solactive Video Games & Esports ganhou 77% desde o início dos bloqueios nos Estados Unidos, em março, enquanto a ação da Netflix subiu 44% durante o mesmo período. E os retornos sobre os ETFs, os fundos negociados em bolsa, de videogame totalizaram mais de 50% este ano.

“Os videogames e os esportes eletrônicos (eSports) são os verdadeiros campeões”, diz Pedro Palandrani, analista de pesquisas da Global X Management Company, uma empresa de investimentos que administra o HERO, um ETF de videogames e eSports que obteve um retorno de 51% este ano.

Palandrani espera que o setor prospere mesmo depois do solavanco inicial de ficar em casa. “Isso é algo que continuará a aumentar nos próximos anos”, afirma ele.

Electronic Arts Inc., a responsável por Apex Legends e Madden NFL, relatou recentemente vendas recordes em dezenas de milhões de novos jogadores inscritos. A Activision Blizzard Inc. e a Take-Two Interactive Inc. também obtiveram bons resultados. Tudo isso vem antes dos lançamentos pré-natalinos de novos consoles da Sony Corp. e da Microsoft Corp., que devem adicionar lenha à fogueira dos jogos.

Ainda assim, alguns investidores estão evitando o setor. A Bloomberg Intelligence calculou que, embora os ETFs de computação em nuvem tenham tido um retorno médio de 49% este ano – abaixo dos 56% dos ETFs de jogos – eles viram um total de entradas oito vezes maiores.

“É estranho para mim que os videogames sejam ignorados pelos consultores”, diz Eric Balchunas, analista de ETF da Bloomberg Intelligence. “Os números estão aí.”

Ele disse que está surpreso que os consultores financeiros da geração baby boom “não sabem o tamanho desse mercado” de games mesmo ao assistir às crianças em suas famílias.

Palandrani adverte que alguns investidores podem não estar cientes de como os jogos online são amplos e dinâmicos hoje em dia e de como eles podem complementar ou substituir outras formas de mídia social.

“Esses comportamentos são pegajosos”, afirma Palandrani. “Conforme os videogames continuam a expandir seu público e adicionar recursos adicionais, ele está emergindo potencialmente como a próxima geração da Internet: um metaverso cheio de milhões de usuários interagindo em uma realidade virtual ‘verdadeiramente’ realista.”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.