Vice-presidente de tênis e calçados masculinos da Versace Salehe Bembury é revistado pela polícia nos EUA e aponta racismo

Vídeo foi postado pelo funcionário nas redes sociais e compartilhado por Donatella Versace, que repudiou a ação da polícia
MARIE CLAIRE

Funcionário da Versace é revistado por policial enquanto fazia compras em loja da marca (Foto: Reprodução: Instagram)

“Em Beverly Hills enquanto negro. Estou bem. Meu espírito, não”, compartilhou o funcionário da Versace Salehe Bembury na legenda do vídeo nas redes sociais. Ele é vice-presidente de tênis e calçados masculinos da Versace e, segundo compartilhado no vídeo, foi abordado por policiais brancos enquanto fazia compras em loja da marca na Califórnia, nos Estados Unidos.

“Estou em Beverly Hills sendo revistado por comprar em uma loja da marca para qual trabalho porque sou negro”, declara Bembury, no que o policial responde: “Você está criando uma narrativa completamente diferente.”

“Vocês verificaram meus documentos. Tudo certo? Então posso ir embora”, continuou o funcionário. Ao tomar conhecimento do caso, Donatella Versace, atual vice-presidente do Grupo Versace, compartilhou o vídeo em seu Instagram e declarou:

“Estou chocada que isso tenha acontecido com Salehe Bembury hoje. Ele é consultor da Versace há muito tempo e o que ele viveu é totalmente inaceitável. Ele foi parado na rua apenas pela cor de sua pele. Força @salehebembury. Enviando amor e apoio.”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.