Apple TV+ terá documentário sobre gravações do novo álbum de Bruce Springsteen

O longa será liberado no mesmo dia do disco, ainda este mês

No dia 23 próximo, uma sexta-feira, Bruce Springsteen lançará seu vigésimo álbum de estúdio, chamado “Letter to You”. E, para acompanhar a mais nova criação de um dos maiores músicos dos nossos tempos, o Apple TV+ lançará um documentário musical no mesmo dia acompanhando as gravações do disco.

Intitulado “Bruce Springsteen’s Letter To You”, o documentário de longa metragem mostrará cenas de arquivo inéditas, performances ao vivo e, claro, o processo de concepção e gravação do álbum — que foi executado por Springsteen e sua banda de apoio, a E Street Band, em cerca de duas semanas na casa do lendário músico de Nova Jersey.

Tanto o álbum quanto o filme trarão composições inéditas de Springsteen, além das primeiras gravações de estúdio de algumas criações famosas do músico datando até mesmo da década de 1970. O documentário é a mais nova peça no projeto autobiográfico de Springsteen, que já lançou o livro “Born to Run”, a série de apresentações “Springsteen on Broadway” e o documentário “Western Stars”.

Dirigido por Thom Zimny (parceiro de longa data do músico) e roteirizado pelo próprio Springsteen, o documentário será liberado em 23 de outubro. Quem tiver interesse poderá pré-adicionar o álbum “Letter to You” às suas bibliotecas do Apple Music a partir de hoje — a plataforma enviará uma notificação quando o disco estiver disponível para ser ouvido. [MacMagazine]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.