Tesla tem recorde de receita e bate US$ 400 bilhões em valor de mercado

Fabricante de veículos elétricos faturou US$ 8,8 bilhões no terceiro trimestre, com recorde de entregas e também incentivos para carros não poluentes
Por Agências – Reuters

Além dos resultados financeiros, a Tesla divulgou que pretende entregar 500 mil veículos até o final do ano 

A fabricante de veículos Tesla bateu recorde de faturamento neste terceiro trimestre de 2020, com receita de US$ 8,8 bilhões. Os bons números, puxados por entregas de veículos e também por venda de créditos de meio ambiente a concorrentes, levaram a empresa a ultrapassar a marca de US$ 400 bilhões em valor de mercado após o fechamento do pregão, com a valorização de suas ações na casa de 3%. A cotação, no entanto, terá de ser confirmada ao longo do pregão desta quinta-feira, 22. 

Ao todo, em 12 meses a empresa se valorizou em 570%, puxada pelo potencial dos carros elétricos e a boa execução de suas metas de produção, após passar anos envolvida em problemas em suas fábricas. No terceiro trimestre, a empresa apresentou lucro de US$ 331 milhões – o número seria quase duas vezes maior, em US$ 874 milhões, se não incluíssem prêmios pagos ao presidente executivo Elon Musk pelo bom desempenho da companhia. 

Nesta quarta-feira, 21, a empresa divulgou seus resultados financeiros para o 3º trimestre de 2020 e previu que vai entregar 500 mil veículos até o final do ano – um objetivo que fará a empresa ter de aumentar significativamente sua venda de veículos no trimestre atual. “Conquistar isso depende primariamente das vendas do Model Y e da produção da fábrica que temos em Xangai, na China”, disse a empresa, que vendeu 139,3 mil veículos no terceiro trimestre – um recorde histórico para a empresa. 

Vale dizer, porém, que a Tesla é hoje a maior fabricante de veículos do mundo, mas ainda está bem atrás de seus rivais em termos de vendas de automóveis, receita e lucro. Ao longo do ano, a empresa superou companhias como Volkswagen Toyota em valor de mercado. Neste trimestre, a empresa se beneficiou de incentivos regulatórios para carros que não poluem o meio ambiente, faturando US$ 397 milhões com essa área. Senão fosse esse setor, a empresa não teria tido lucro. A previsão, porém, é que essa receita vai sumir em breve conforme mais companhias vendam modelos elétricos próprios. 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.