Globo de Ouro 2021: conheça as cineastas Regina King, Chloé Zhao e Emerald Fennell que podem levar o prêmio de melhor direção nesta noite e quebrar jejum de 37 anos

Regina King, Chloé Zhao e Emerald Fennell: pela primeira vez na história da premiação, mulheres são maioria entre os indicados ao Globo de Ouro de melhor direção

From left: Emerald Fennell, Chloe Zhao and Regina King. Composite: Invision/AP

O Globo de Ouro fez história ao revelar os indicados ao prêmio de 2021, no início do mês. Pela primeira vez em 78 anos, a categoria de melhor direção é disputada por três mulheres e dois homens. A cerimônia de premiação acontece neste domingo, 28, às 22h, horário de Brasília, em formato online por causa da pandemia.

Concorrem ao Globo de Ouro de melhor direção a americana Regina King, por “Uma Noite em Miami”, a chinesa Chloé Zhao, por “Nomadland” e a britânica Emerald Fennel, por “Bela Vingança”. Elas disputam com Aaron Sorkin por “Os 7 de Chicago” e David Fincher por “Mank”.

A escassa presença feminina — e não branca — há muito é criticada nas principais premiações do cinema mundial. Fazia cinco anos que uma mulher não disputava a categoria. A última cineasta a concorrer ao prêmio foi Ava DuVernay, em 2015, pelo filme “Selma”

Se uma das atuais indicadas levar o prêmio neste domingo, ela quebrará um jejum ainda maior. A última — e única — diretora a vencer um Globo de Ouro foi Barbra Streisand, por “Yentl”, em 1984.

Somente outras três diretoras apareceram na categoria ao longo dos anos da premiação: Jane Campion, em 1994, por “O Piano”, Sofia Coppola, em 2004, por “Encontros e Desencontros”, e Kathryn Bigelow, em 2010, por “Guerra ao Terror”, e “A hora mais escura”, em 2013.

Conheça as diretoras indicadas ao Globo de Ouro 2021:

Chloé Zhao

Chloé Zhao

Chloé Zhao tem 38 anos, nasceu em Pequim, na China, mas se mudou ainda na adolescência para Los Angeles, nos EUA. Apaixonada pela sétima arte desde muito nova, levou um tempo até Zhao começar a trabalhar no mundo do cinema. Ela estudou arte conciliando com outros empregos informais como promotora de eventos, corretora de imóveis e bartender.

Já no seu curta de estreia, em 2010, foi premiada, mas seu trabalho como cineasta chamou atenção do mundo em 2017, com o filme independente “Domando o Destino”.  Em 2020, ela se tornou a primeira mulher a conquistar o principal prêmio do Festival de Veneza em 10 anos, com o longa “Nomadland”, que agora concorre ao Globo de Ouro.

Estrelado por Frances McDormand, “Nomadland”, que também foi indicado ao Globo de Ouro de Melhor Filme e Melhor Roteiro – assinado por Chloé -, retrata a vida de uma mulher que passa a viver como nômade.

Até agora, este é seu longa de maior destaque, mas a diretora tem um blockbuster em vista, que deve tornar seu nome bem mais conhecido. Zhao é o nome por trás da direção do filme da Marvel “Os Eternos”, que traz no elenco nomes como Angelina Jolie, Salma Hayek e Kit Harington.

Frances McDormand em cena de Nomadland, de Chloé Zhao Foto: Reprodução
Frances McDormand em cena de Nomadland, de Chloé Zhao Foto: Reprodução

Emerald Fennell

A britânica de 35 anos Emerald Fennell faz sua estreia como diretora de longa-metragens com a”Bela Vingança” (“Promising Young Woman”), longa também indicado nas categorias melhor filme e melhor roteiro, de sua autoria.

Formada em Inglês pela universidade de Oxford, Fennell atua, dirige e produz. Seu primeiro papel de destaque como atriz aconteceu em 2013, mas sua carreira entrou nos holofotes do mundo quando ela assumiu o papel de Camilla Parker Bowles, a esposa do Príncipe Charles, na premiada série “The Crown”, em 2019. Com quatro livros publicados, ela também se destacou como roteirista e, posteriormente, produtora executiva da aclamada “Killing Eve”, criada por sua parceira de longa data, a premiada Phoebe Waller-Bridge.

Emerald Fennell como Camilla Parker-Bowles em "The Crown" Foto: Divulgação
Emerald Fennell como Camilla Parker-Bowles em “The Crown” Foto: Divulgação

Agora Fennell agora se consagra como diretora com um longa que vem fazendo sucesso nos festivais internacionais. Estrelado por Carey Mulligan, “Bela Vingança” (que deve estrear no Brasil em 18 de março) conta a história de uma mulher que tem sua vida destruída pelo trauma de um estupro e arquiteta uma vingança.

“Queria fazer um filme sobre vingança, mas também sobre uma mulher real, que é diferente de como nós normalmente as vemos. É um thriller de vingança, uma comédia romântica, e subverte muitos clichês que estamos acostumados a ver”, disse a diretora ao Los Angeles Times.

Regina King

“Uma noite em Miami” marca a estreia de Regina King, 50 anos, na cadeira de diretora de longas-metragem. Antes, a atriz havia dirigido episódios de séries como “The Good Doctor” e “This Is Us”.

Nascida em Los Angeles, King iniciou sua bem sucedida carreira de atriz em 1985, aos 15 anos. Desde então já venceu quatro Emmy’s — a única atriz negra a atingir esse patamar no maior prêmio da TV americana —, o mais recente por sua atuação na série “Watchmen”, da HBO, em 2020, e um Oscar e um Globo de Ouro  como atriz coadjuvante em “Se a Rua Beale Falasse”, em 2019.

Regina King recebe prêmio de melhor atriz na 72ª edição do Emmy vestindo uma camiseta com o rosto de Breonna Taylor, jovem negra americana morta a tiros pela polícia dos EUA em março de 2020 Foto: Reprodução
Regina King recebe prêmio de melhor atriz na 72ª edição do Emmy vestindo uma camiseta com o rosto de Breonna Taylor, jovem negra americana morta a tiros pela polícia dos EUA em março de 2020 Foto: Reprodução

O longa dirigido por King que concorre ao Globo de Ouro nesta noite narra um encontro fictício entre quatro ícones afro-americanos do movimento pelos direitos civis nos Estados Unidos: Malcolm X, Muhammad Ali, Jim Brown e Sam Cooke. “Uma Noite em Miami” foi o primeiro filme dirigido por uma mulher negra americana a ser exibido no Festival de Veneza.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.