‘Sou feminista’, declara Angela Merkel antes de deixar o poder

Após 16 anos no comando do governo alemão, Merkel, 67 anos, deixará o cargo de chanceler após as eleições legislativas alemãs, em 26 de setembro

A chanceler alemã, Angela Merkel, garantiu nesta quarta-feira (8) que é uma feminista, declaração que reflete uma mudança na visão da líder democrata-cristã sobre a igualdade entre homens e mulheres.

“Essencialmente, (feminismo) consiste em dizer que homens e mulheres são iguais, na sua participação na vida em sociedade, ao longo da vida. Neste sentido, posso agora dizer que sou uma feminista”, disse Merkel durante conversa com a escritora nigeriana Chimamanda Ngozi Adichie. “Na minha opinião, o ‘feminismo’ está vinculado a um movimento que luta pela inserção (da igualdade de gênero) na agenda social”, explicou.

Essas declarações representam uma das posições mais claras de Merkel em favor do feminismo, depois de, nos últimos anos, ela ter sido ambígua nessa questão.

Após 16 anos no comando do governo alemão, Merkel, 67 anos, deixará o cargo de chanceler após as eleições legislativas alemãs, em 26 de setembro.

Há alguns anos, a jornalista alemã Miriam Meckel fez a mesma pergunta à líder da CDU, que deu uma resposta pouco clara. “Antes eu era mais tímida no palco, mas agora refleti melhor. Neste sentido, posso dizer que, sim, devemos ser todas feministas”, explicou.

A questão do feminismo ganhou destaque na Europa após o fenômeno #MeToo, em 2017.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.