Globo cancela “Malhação” e vai reformular programação da tarde

Plano é inaugurar nova grade vespertina após o fim da temporada atual do programa, “Sonhos”
Pedro Strazza

Em mais um movimento drástico de mudança no direcionamento de sua programação, a Globo resolveu encerrar os trabalhos de “Malhação”, sua novela mais longeva. A informação vem da coluna de Patricia Kogut no O Globo, que reporta que a emissora deu a notícia na última terça-feira (28) às equipes de produção envolvidas – incluindo aí a então próxima temporada, que já estava em fase avançada de desenvolvimento.

Ainda não há um plano definido, mas a intenção da Globo com a decisão é reformular a programação do canal no período vespertino após o fim da atual temporada do programa, “Sonhos”. A motivação é sobretudo financeira: em agosto, o Na Telinha trouxe a público documentos de uma pesquisa interna da emissora que apontavam que “Malhação” seria refém do “Vale a Pena Ver de Novo” em termos de audiência, gastando muito na produção para retornos cada vez menores no Ibope. O “Vale a Pena…” inclusive pode mudar de horário na nova configuração, passando a ser exibido logo antes da novela das 18h.

Isso de certa forma é chancelado pela emissora, que em nota oficial à imprensa confirma a criação de “uma nova grade de programação para as tardes” e escreve que “O projeto inédito de ‘Malhação’ que estava sendo produzido foi adiado”. Segundo a coluna de Kogut, a ideia por enquanto seria aproveitar partes da trama do projeto desenvolvido por Eduardo e Marcos Carvalho para a temporada nova, que se passaria numa escola na Zona Norte do Rio de Janeiro e considerada a pior do país.

Enquanto esta não é a primeira vez que uma temporada de “Malhação” é descartada pelo canal (em agosto o projeto “Malhação: Transformação” já havia sido desligado), a notícia de hoje não necessariamente significa o fim do programa por completo. Ainda de acordo com o Na Telinha, o diretor do núcleo de teledramaturgia da emissora José Luiz Villamarim teria interesse de levar produções voltadas ao público adolescente para o streaming, privilegiando assim o investimento maior do planejamento de retorno das minisséries da Globo para os próximos dois anos.

Em qualquer cenário, porém, a certeza é de a novela jovem está com os dias contados após 26 anos ocupando espaço no começo das tardes da emissora. É mais uma mudança de cenário turbulenta para o canal, que nos últimos meses ainda teve que lidar com a saída de Fausto Silva do “Domingão” e o fim do contrato com Thiago Leifert, apresentador do “Big Brother Brasil” e do “The Voice Brasil”.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.