True Lies: Ginger Gonzaga, de She-Hulk, fará papel de Jamie Lee Curtis em remake

Atriz se junta a Steve Howey, que encara papel de Schwarzenegger, na série
CAIO COLETTI

Ginger Gonzaga, Steve Howey

A atriz Ginger Gonzaga, mais conhecida por sua participação na série Kidding, foi escalada como a protagonista feminina de True Lies, remake em forma de série do clássico filme de ação de 1994. A informação é do Deadline.

Gonzaga, que também está escalada para She-Hulk (da Marvel), vai encarnar o papel que foi de Jamie Lee Curtis no longa. Ela vai contracenar com Steve Howey (Shameless), ator escolhido para viver o personagem que foi de Arnold Schwarzenegger.

A premissa da série será basicamente a mesma do filme: Harry (Howey), um operativo de alto escalão de uma agência de inteligência americana, esconde sua identidade secreta por trás de uma fachada suburbana, que inclui a mulher, Helen (Gonzaga), e os dois filhos.

Quando Helen decide escapar o tédio da vida de dona de casa, acaba sendo recrutada pela mesma agência do marido e parte com ele (meio sem querer) para salvar o mundo, buscando revitalizar o seu casamento no processo.

Matt Nix (Burn Notice) escreveu o roteiro do piloto de True Lies e vai servir como produtor executivo da série, que será bancada pela emissora americana CBS. James Cameron, diretor do longa original, também é um dos produtores.

A direção do primeiro capítulo de True Lies ficou com Anthony Heminghway (Esquadrão Red Tails), e a data de estreia ainda não foi definida.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.