Chick Corea: Vigilette | JAZZ NIGHT IN AMERICA

Pianist Chick Corea has lived many lives as a musician, from post-bop wunderkind to free-jazz maverick to fusion explorer to chamber-jazz eminence. Jazz Night caught up with Corea during a recent gig at Scullers in Boston while he was on tour with a new trio he calls Vigilette.

Listen to the accompanying radio episode here: https://www.npr.org/2018/10/31/662519…

O pianista Chick Corea viveu muitas vidas como músico, desde o prodígio do pós-bop ao independente do free jazz, ao explorador da fusão e à eminência do jazz de câmara. Jazz Night conversou com Corea durante um show recente no Scullers em Boston, enquanto ele estava em turnê com um novo trio que ele chama de Vigilette.

—————————————————————

By NATE CHINEN

Pianist Chick Corea has lived many lives as a musician, from post-bop wunderkind to free-jazz maverick to fusion explorer to chamber-jazz eminence. That imprecise tally leaves out a lot in an expansive career — but, more to the point, it creates the false impression that Corea compartmentalizes his musical output, when the truth suggests something far more holistic.

Jazz Night in America caught up with Corea during a recent gig at Scullers in Boston — just across the river from Chelsea, Mass., where he was born and raised. He was on tour with a new trio he calls Vigilette, with Carlitos Del Puerto on bass and Marcus Gilmore on drums. The set list combined songbook standards like “On Green Dolphin Street” with originals like “Rhumba Flamenco,” each number delivered with Corea’s brand of articulate flair.

A few days after the performance, Corea sat down with Christian McBride — our host, and his longtime musical collaborator — for a collegial and far-ranging conversation. They discuss the first time Corea saw Miles Davis, an experience that changed his life, and one he recalls with absolute detail. Corea also reflects on the role of an artist: “We have a mission to go out there and be an antidote to war, and all of the dark side of what happens on Planet Earth,” he says. “We’re the ones that go in and remind people about their creativity.”

Por NATE CHINEN

O pianista Chick Corea viveu muitas vidas como músico, desde o prodígio do pós-bop ao independente do free jazz, ao explorador da fusão e à eminência do jazz de câmara. Essa contagem imprecisa deixa muito de fora em uma carreira expansiva – mas, mais precisamente, cria a falsa impressão de que Corea compartimentaliza sua produção musical, quando a verdade sugere algo muito mais holístico.

Jazz Night in America conversou com Corea durante um show recente no Scullers em Boston – do outro lado do rio de Chelsea, Massachusetts, onde ele nasceu e foi criado. Ele estava em turnê com um novo trio que ele chama de Vigilette, com Carlitos Del Puerto no baixo e Marcus Gilmore na bateria. O set list combinava padrões de cancioneiros como “On Green Dolphin Street” com originais como “Rhumba Flamenco”, cada número entregue com a marca de talento articulado de Corea.

Alguns dias depois da apresentação, Corea se sentou com Christian McBride – nosso anfitrião e seu colaborador musical de longa data – para uma conversa colegial e abrangente. Eles discutem a primeira vez que Corea viu Miles Davis, uma experiência que mudou sua vida, e que ele lembra com detalhes absolutos. Corea também reflete sobre o papel de um artista: “Temos a missão de sair por aí e ser um antídoto para a guerra e para todo o lado negro do que acontece no planeta Terra”, afirma. “Somos nós que entramos e lembramos as pessoas sobre sua criatividade.”

—————————————————————

This performance was recorded live by Antonio Oliart at Scullers Jazz Club in Boston, MA, on Sept. 19, 2018.

SET LIST
00:00:10 – “On Green Dolphin Street”
00:11:06 – “Rhumba Flamenco”
00:24:55 – “Tempus Fugit”
00:46:51 – “Zyryab”
01:00:35 – “Fingerprints”

MUSICIANS
Chick Corea (Piano)
Carlitos Del Puerto (Bass)
Marcus Gilmore (Drums)

Thumbnail photography: Niki Walker/NPR

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.