Microsoft encerra operação do LinkedIn na China

Empresa afirmou que a rede social será convertida para uma plataforma apenas focada em empregos
Por Agências – Reuters

O LinkedIn era a única grande rede social norte-americana que operava na China

Microsoft está desativando as operações da rede social LinkedIn na China, quase sete anos depois de seu lançamento, anunciou a empresa nesta quinta-feira, 14. A operação será substituída por uma versão simplificada da plataforma focada apenas em empregos.

O LinkedIn era a única grande rede social norte-americana que operava na China, onde o governo exige cumprimento de rígidas regras e determinações.

“Estamos enfrentando um ambiente de operação significativamente mais desafiador e maiores exigências regulatórias na China”, disse a empresa, acrescentando que não encontrou na China o mesmo nível de sucesso nos aspectos mais sociais de compartilhamento e manutenção de informações que em globalmente.

Diante do cenário, o LinkedIn afirmou que vai substituir o serviço no país, que restringe a publicação de conteúdos considerados sensíveis pelo governo, por um novo portal chamado InJobs.

O novo serviço, a ser lançado até o final do ano, não vai incluir um feed social ou capacidade dos usuários de compartilharem publicações.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.