Apple perdeu US$10 milhões em fraudes de ex-funcionário

Apple sofreu um prejuízo de US$10 milhões após um ex-funcionário cometer uma série de fraudes como recebimento de propinas e desvio de dinheiro.

Segundo informações do Silicon ValleyDhirendra Prasad trabalhou na Apple entre 2008 e 2018, atuando a maior parte desse tempo como gerente de compras da empresa. Por seu constante contato com fornecedoras da companhia, Prasad teria “explorado sua posição ao se envolver em vários esquemas diferentes de fraudes”, de acordo com a acusação.

Como dissemos, entre as ações ilícitas estavam recebimento de propinas e desvio de dinheiro, mas Prasad também é acusado de roubar peças e cometer evasão fiscal — somados, os prejuízos são de US$10 milhões. Se condenado, ele poderá pegar uma pena de até 20 anos de prisão.

Prasad deverá depor no Tribunal Distrital dos Estados Unidos em San Jose nesta quinta-feira (25/3). O governo federal já recebeu permissão do tribunal para apreender US$5 milhões em dinheiro e bens de Prasad, com a intenção de manter os ativos como produto do crime.

Dois outros homens residentes na Califórnia, cujos nomes não foram divulgados, também foram ligados ao esquema. Segundo as informações, além de conspirar com Prasad (fraude e lavagem de dinheiro), ambos já são réus ​​em outros casos de fraude.

A Apple não comentou o caso.

VIA PATENTLY APPLE

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.