Funcionários ameaçam deixar Apple após volta aos escritórios

Na próxima segunda-feira (11/4), é esperado que os funcionários da Apple finalmente voltem aos escritórios da empresa após dois longos anos de trabalho remoto, provocado pela pandemia do novo Coronavírus (COVID-19). Segundo o New York Post, entretanto, alguns colaboradores não estão nada contentes com o retorno — ameaçando, inclusive, deixar a empresa.

Essa situação tem sido uma verdadeira novela para a Apple, que já adiou o retorno aos escritórios mais de uma vez no último ano. Desta vez, a empresa espera que seus funcionários voltem a frequentar suas instalações em um novo sistema híbrido, o qual começaria com apenas um dia de trabalho presencial pelas primeiras três semanas e aumentaria progressivamente para um regime de três dias de trabalho até 23 de maio.

De acordo com o veículo, alguns funcionários estão ameaçando pedir demissão da Apple caso a empresa mantenha os atuais planos de retorno, citando, inclusive, condições de trabalho mais flexíveis em outras empresas, como o Google e a Amazon.

Parte das declarações, retiradas do fórum corporativo Blind, são bastante incisivas e ressaltam, principalmente, questões como o deslocamento até os escritórios.

Eu vou ir para dizer “olá” e conhecer todo mundo, já que nunca os vi desde que comecei, e então irei enviar minha carta de demissão quando chegar em casa. Já sei que não vou conseguir lidar com o transporte e ficar sentado lá por 8 horas.

Parte das mensagens encontradas no fórum são acompanhadas de comentários de outros funcionários da empresa encorajando a atitude e/ou dizendo pretender fazer o mesmo.

Mês passado, no anúncio da última data do retorno ao presencial, o CEO1 Tim Cook reconheceu que o plano teria resistência de parte de seus funcionários, mas focou naqueles que estão animados para o “novo normal” ao dizer que a mudança “representa um marco há muito aguardado e um sinal positivo de que poderemos interagir mais fortemente com pessoas que possuem um papel importante”.

Outras Big Techs também já expressaram o desejo de voltar aos escritórios; contudo, vale notar que empresas como o Google passaram a permitir que seus funcionários optem por continuar a trabalhar em casa permanentemente, mesmo que isso implique em cortes no pagamento. Amazon e Meta também adotaram políticas semelhantes.

Enquanto alguns funcionários dizem já estar a procura de novas vagas de trabalho, outros afirmam já estar em fase avançada de negociação com outras companhias.

A Apple ainda não comentou o assunto. [MacMagazine]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.