Elisabetta Franchi | Spring Summer 2022 | Full Show

Elisabetta Franchi | Spring Summer 2022 | Phygital Fashion Show in High Definition. (Widescreen – Exclusive Video/1080p – MFW/Milan Fashion Week) #EF #MFW #SS22

Thomas Evans – Constant Changes/Finding My Way Home/Please Lift Me Up

Investidores do Twitter processam Elon Musk por manipulação de ações

Investidores do Twitter processam Elon Musk por manipulação de ações
Por Agências internacionais – Reuters

Aquisição do Twitter por Elon Musk está suspensa, até que o bilionário e a empresa cheguem a um acordo sobre as contas falsas na plataforma

Investidores do Twitter foram à Justiça nesta quinta-feira, 26, para processar Elon Musk, fundador da montadora de carros elétricos Tesla e que, em abril, fechou um acordo para comprar a rede social de mensagens curtas por US$ 44 bilhões.

Segundo o processo, o bilionário é acusado de manipular negativamente o preço das ações da plataforma antes de anunciar o interesse na aquisição. Os investidores atestaram que o bilionário “economizou” cerca de US$ 156 milhões ao omitir, até 14 de março, a informação de que havia comprado 5% do Twitter.

A ação é coletiva e os investidores pedem uma quantia não especificada por danos punitivos e compensatórios.

Os investidores também nomearam o Twitter como réu, argumentando que a empresa tinha a obrigação de investigar a conduta de Musk. Eles, porém, não buscam indenização da rede social.

O grupo de acionistas disse que Musk continuou a comprar ações depois disso e, finalmente, divulgou no início de abril a fatia de 9,2% na empresa, de acordo com o processo aberto na última quarta-feira no tribunal federal da cidade americana de São Francisco, na Califórnia.

“Ao adiar a divulgação de sua participação no Twitter, Musk se envolveu em manipulação de mercado e comprou ações do Twitter a um preço artificialmente baixo”, disseram os investidores, liderados por William Heresniak.

No processo, os investidores disseram que a recente queda das ações da Tesla, na qual Musk é presidente executivo, colocou a capacidade do bilionário de financiar a aquisição do Twitter em “grande perigo”, já que ele deixou suas ações como garantia aos empréstimos necessários para a aquisição.

As ações da Tesla estavam sendo negociadas a cerca de US$ 705 cada na tarde desta quinta-feira, contra mais de US$ 1.000 no início de abril.

Os investidores também afirmaram que as críticas públicas de Musk ao Twitter, incluindo um tuíte de 13 de maio afirmando que o acordo para compra estava “temporariamente suspenso” até a empresa provar que as contas falsas representam menos de 5% de seus usuários, equivalem a uma tentativa de derrubar ainda mais o preço das ações.

Musk e seu advogado não responderam imediatamente aos pedidos de comentários. O Twitter não comentou.

XP fecha acordo com Educafro após polêmica de foto só com pessoas brancas

O escritório Ável Investimentos terá que promover processos seletivos com vagas exclusivas para negros e mulheres, além de instituir canal de denúncias sobre discriminação e assédio. ONG reconhece ações da XP

Funcionários da Ável Investimentos no terraço da empresa, em Porto Alegre — Foto: Reprodução internet

caso da foto de uma equipe de agentes de investimentos da XP apenas com profissionais brancos, que foi publicada em agosto do ano passado e viralizou nas redes sociais levantando questionamentos sobre a falta de representatividade na empresa, teve um desfecho. A foto chamou a atenção pela falta de negros e também pela presença reduzida de mulheres, dois grupos subrepresentados no mercado financeiro, apesar do avanço de programas de diversidade em muitas empresas.

Uma ação civil pública movida pela ONG Educafro, que atua em favor da inclusão educacional e profissional de jovens negros, contra a corretora e o escritório Ável Investimentos, credenciado à XP e responsável pela reunião da foto, foi encerrada por meio de um acordo. Com isso, não haverá o pagamento de danos morais coletivos pedidos pela ONG.

A Educafro reconheceu ações adotadas pela XP desde então em prol da diversidade na empresa, bem como as boas práticas de ESG (sigla em inglês para iniciativas ambientais, sociais e de governança) demonstradas pela corretora fundada por Guilherme Benchimol.

Já a Ável se comprometeu a concluir o plano de letramento em Diversidade e Inclusão que implementa, por meio de uma consultoria especializada, já contratada.

Desse modo, a Educafro considerou que o plano de diversidade apresentado pelo escritório de agentes autônomos é suficiente para tornar o quadro de colaboradores mais diverso.

Como parte do acordo, a Ável terá que criar processos seletivos com vagas exclusivas para populações vulnerabilizadas, notadamente negros e mulheres, e também promover a educação profissional para essas populações, visando sua capacitação e inserção no mercado de trabalho.

XP quer aumentar presença de negros de 20% para 32% dos funcionários

Nos últimos anos, a XP assumiu compromissos públicos para aumentar a diversidade na organização. As mulheres representam 34% do total de membros, o que equivale a um avanço de 12 pontos percentuais em apenas dois anos. Há o compromisso de atingir equidade de gênero até 2025.

Dentre os colaboradores, 20% se declaram como negros. Em 2020 eram 17%. O objetivo é chegar a pelo menos 32% de pessoas negras nos próximos três anos.Além de ter um Comitê de Diversidade e grupos de afinidade para fomentar os debates sobre o tema, a empresa terá que disponibilizar um canal confidencial para denúncias sobre comportamentos ofensivos de assédio ou discriminatórios, gerido de forma independente.

“Os autores reconhecem, de forma expressa, que a XP Investimentos elabora estratégia e desenvolve ações de curto, médio e longo prazo para a promoção da equidade e inclusão quanto à raça, gênero e orientação sexual, idade e de pessoas com deficiência no âmbito de seu ambiente de trabalho e de seu ecossistema de negócio, implementando e promovendo as melhores práticas de recrutamento, capacitação e treinamento e realizando seu adequado monitoramento, com foco na superação progressiva das metas estabelecidas, reconhecendo a efetividade das iniciativas apontadas (nos autos do processo)”, diz um trecho do acordo.

Willow | A magia retorna em trailer da série do Disney+

Produção serve como sequência do filme de 1988
CAIO COLETTI

Prepare-se para voltar ao mundo mágico de WillowDisney+ revelou hoje (26) o primeiro trailer da série de TV que continua a história do clássico de fantasia de 1988 – confira acima.

Warwick Davis, de volta ao papel que originou no filme, faz a narração da prévia: “Há um equilíbrio entre todas as coisas: luz e sombra, bondade e maldade. Quando esse equilíbrio é desfeito, o universo se corrige“.

Ruby Cruz (Mare of Easttown), Erin Kellyman (Falcão e o Soldado Invernal) e Tony Revolori (Homem-Aranha: Sem Volta Para Casa) estão entre os novatos do elenco.

Jonathan Kasdan (Han Solo: Uma História Star Wars) serve como showrunner da série, que estreia em 30 de novembro no Disney+.

Miu Miu DayNight 2022 Collection

Miu Miu DayNight 2022 Collection
Source: miumiu.com
Published: June 2022

In this picture: Angel Prost
Credits for this picture: Tyrone Lebon (Photographer), Julian Klincewicz (Director), Lina Kutsovskaya (Creative Director), Lotta Volkova (Fashion Editor/Stylist), Ashley Brokaw (Casting Director)

All people in this campaign:

Tyrone Lebon – Photographer Julian Klincewicz – Director Lina Kutsovskaya – Creative Director Lotta Volkova – Fashion Editor/Stylist Ashley Brokaw – Casting Director Angel Prost – Model Mica Kendall – Model Tanya Churbanova – Model

In this picture: Angel Prost
Credits for this picture: Tyrone Lebon (Photographer), Julian Klincewicz (Director), Lina Kutsovskaya (Creative Director), Lotta Volkova (Fashion Editor/Stylist), Ashley Brokaw (Casting Director)

In this picture: Tanya Churbanova
Credits for this picture: Tyrone Lebon (Photographer), Julian Klincewicz (Director), Lina Kutsovskaya (Creative Director), Lotta Volkova (Fashion Editor/Stylist), Ashley Brokaw (Casting Director)
In this picture: Mica Kendall
Credits for this picture: Tyrone Lebon (Photographer), Julian Klincewicz (Director), Lina Kutsovskaya (Creative Director), Lotta Volkova (Fashion Editor/Stylist), Ashley Brokaw (Casting Director)
In this picture: Mica Kendall
Credits for this picture: Tyrone Lebon (Photographer), Julian Klincewicz (Director), Lina Kutsovskaya (Creative Director), Lotta Volkova (Fashion Editor/Stylist), Ashley Brokaw (Casting Director)

Carolyn Murphy – Harper’s Bazaar Japan June 2022 Cover

Harper’s Bazaar Japan June 2022 Cover
Published: June 2022

All people in this magazine cover:

Sofia Malamute – Photographer Sean Knight – Fashion Editor/Stylist Rob Talty – Hair Stylist Nikki DeRoest – Makeup Artist Carolyn Murphy – Model

‘O amor das mães não é perfeito e incondicional’, diz colombiana Pilar Quintana, apontada como nova García Márquez

Em entrevista, escritora fala sobre eleições em seu país, que pode levar a esquerda pela primeira vez ao poder, e sobre o romance que lança no Brasil, uma reflexão sobre maternidade
Por Janaina Figueiredo — Buenos Aires

A escritora colombiana Pilar Quintana, autora de Os Abismos — Foto: Divulgação
A escritora colombiana Pilar Quintana, autora de Os Abismos — Foto: Divulgação

Já nas primeiras páginas de seu novo romance, “Os abismos”, a escritora colombiana Pilar Quintana abre as portas de um debate que considera fundamental para finalmente começar a derrubar tabus sobre as mulheres e a maternidade. A pequena Claudia pergunta à sua mãe, que tem o mesmo nome, se gostaria de ter tido mais filhos. A resposta é quase um manifesto: “Ui, não. Me deixem em paz. Além do mais, você já maltratou o meu corpo mais do que o suficiente.”

A cena acontece no apartamento onde a família, formada por Claudia, sua mãe e seu pai, Jorge (cerca de 20 anos mais velho que sua mulher), vive na cidade de Cali, terra natal da escritora. Poderia ser perfeitamente a casa onde Pilar nasceu e cresceu, com uma mãe que, como Claudia, sacrificou uma vida profissional em nome de ter a família que a sociedade esperava que tivesse. Como a maioria de suas amigas e familiares que, contou a escritora em entrevista ao GLOBO, inspirou uma história que busca revelar a maternidade real, com suas dores, cansaços e raivas.

— Meu principal recado para as mulheres é que elas não precisam ser perfeitas, essa é a maior liberação — afirma Pilar.

A escritora teve seu único filho, hoje de 7 anos, aos 43.

— Com este livro fiz as pazes com a geração de minha mãe. Percebi que, se para mim foi difícil a maternidade, para essas mulheres foi muito mais — frisa a autora, que em 2020 lançou “A cachorra”, em que conta a história de Damaris, uma mulher de vida sofrida, frustrada por não ter conseguido engravidar e que canaliza esse desejo por meio de Chirli, uma cachorra.

Prêmio Alfaguara

“Os abismos” venceu o renomado Prêmio Alfaguara 2021, e a consagrou como um dos maiores nomes contemporâneos da literatura latino-americana. Alguns a catalogam como a nova García Márquez, mas Pilar, embora se reconheça vaidosa, assegura que trabalha para que essas comparações não afetem a sua escrita e as histórias que quer contar.

Numa América Latina na qual os movimentos feministas se fortaleceram nos últimos tempos, mas onde ainda têm enorme influência setores conservadores, machistas e misóginos, Pilar busca ser uma voz poderosa que represente as mulheres de várias gerações. Uma voz que questione imagens idealizadas, como as das mães que ainda hoje aparecem em comerciais de fraldas e margarinas.

— Mostram mulheres que devem ser perfeitas, que não desejam, que não são infiéis. Que sacrificam tudo e têm um amor incondicional por seus filhos O amor das mães é realmente perfeito e incondicional? A resposta é não, é um amor imperfeito como todos os amores — afirma a escritora.

A escritora observa com otimismo as jovens gerações de mulheres latino-americanas e acredita que para elas tudo será mais fácil. Hoje ainda lamenta que o progressismo esteja forte dentro de uma bolha, sobretudo virtual, e que fora dela mulheres vulneráveis de toda a região ainda vivam em condições de submissão e com muitos menos direitos do que outras, de setores que chama de privilegiados.

— Me preocupam os governos de direita na região. Nosso país, por exemplo, acaba de assinar um tratado contra o aborto, sendo que o aborto é legal na Colômbia. Se continuarmos tendo governos de direita, perderemos muitas das lutas que já vencemos — lamenta Pilar.

Os colombianos irão às urnas no próximo domingo (29) e a esquerda nunca esteve tão perto de uma vitória. A escritora está ansiosa, na expectativa de uma mudança inédita em seu país.

Seu motor na vida é tirar máscaras, desfazer poses e contar experiências reais. Pilar é uma provocadora nata que, num país ainda profundamente conservador, desafia o status quo e sonha com um mundo no qual cada mulher possa ser quem quiser ser, sem tanto preconceito e julgamento.

No romance, através da relação de Claudia e sua mãe, que por sua vez também teve uma mãe muito pouco maternal, Pilar expõe as emoções negativas da maternidade, muitas vezes silenciadas. Expõe, até mesmo, o arrependimento que, por momentos, muitas mães sentem pelas escolhas de vida que fizeram.

— Amamos nossos filhos, mas a maternidade é dura. Algumas mulheres inclusive se arrependem — aponta a escritora, que ao escrever “Os abismos” disse ter percebido o quanto julgou sua própria mãe. — Não a via como uma mulher, apenas como mãe. E todos avaliamos as mães com parâmetros impossíveis de serem alcançados.

Infidelidade em família

A mãe de Claudia, que se casa muito jovem por forte pressão social, vive um intenso romance com o marido de sua cunhada. A infidelidade é descoberta pela filha e, posteriormente, pelo marido e por toda a família. Claudia mãe mergulha numa depressão que tenta disfarçar como rinite aos olhos de sua pequena filha, que vê sua vida ruir como um castelo de cartas.

A relação entre ambas se deteriora, e passa por momentos de profundo distanciamento e rancor por parte da pequena Claudia. Além do que vivia em sua própria casa, suas fantasias infantis são regadas a casos reais de celebridades que apareciam em revistas de fofocas que sua mãe comprava. Grace Kelly, Natalie Wood e Karen Carpenter surgem para aumentar a angústia de uma menina que luta entre o amor e o ódio a sua mãe. Um retrato de toda relação de mãe e filha, diz Pilar.

Os abismos, livro da colombiana Pilar Quintana — Foto: Divulgação
Os abismos, livro da colombiana Pilar Quintana — Foto: Divulgação

“Os abismos”
Autor: Pilar Quintana. Tradução: Elisa Menezes. Editora: Intrínseca. Páginas: 272. Preço: R$ 59,90.

Launchkey 88 – Overview // Novation

We’re proud to announce Launchkey 88 – our first 88-key MIDI keyboard featuring our best keybed to date and primed with inspirational features to take your musical performance and songwriting to new heights.

Launchkey 88 has a premium semi-weighted keybed and tight DAW integration that makes creating songs feel great. Designed to give you a responsive feel, it’s our best feeling keybed to date thanks to meticulous testing and refinement.

Launchkey aids your creativity every step of the way, bringing you customisable control setups with Custom Modes, while strum mode lets you play through your arpeggiator using the mod wheel, and Chord and Scale modes keep you playing all the right notes. Plus, a comprehensive software bundle including virtual instruments, plug-ins and sample packs giving you everything needed to kickstart compositions and start creating straight away.

Temos o orgulho de anunciar o Launchkey 88 – nosso primeiro teclado MIDI de 88 teclas com nosso melhor teclado até o momento e equipado com recursos inspiradores para levar sua performance musical e composição a novos patamares.

O Launchkey 88 possui um teclado semi-pesado premium e integração com DAW que faz com que a criação de músicas seja ótima. Projetado para dar a você uma sensação responsiva, é o nosso teclado com melhor sensação até hoje, graças a testes e refinamentos meticulosos.

O Launchkey ajuda sua criatividade a cada passo do caminho, trazendo configurações de controle personalizáveis ​​com modos personalizados, enquanto o modo strum permite que você toque seu arpejador usando a roda de mods, e os modos Chord e Scale mantêm você tocando todas as notas certas. Além disso, um pacote de software abrangente, incluindo instrumentos virtuais, plug-ins e pacotes de amostra, oferecendo tudo o que você precisa para iniciar composições e começar a criar imediatamente.

Tendências de inverno: 5 apostas fashionistas para investir já

Confira uma curadoria esperta com os elementos que estão fazendo sucesso na temporada
Por Rafaela Fleur (@rafaelafleur)

Foto: IMAXTree

Se você é fashionista assumida, pode comemorar: as trends mais quentes do momento foram feitas para quem não tem medo de ousar por aí. O mood? Apostar em combinações criativas e se jogar nos acessórios, que, aliás, são os protagonistas máximos do street style nesta temporada. Só vem!

Abaixo, listamos as tendências que combinam com vários estilos para você se inspirar e brilhar por aí na temporada:

Gravatas

Sim, as gravatas estão menos caricatas e muito mais possíveis — Foto: IMAXTree
Sim, as gravatas estão menos caricatas e muito mais possíveis — Foto: IMAXTree

Dividir a moda entre “masculino” e “feminino” está cada vez mais ultrapassado, ainda bem. Um bom exemplo disso é a gravata, que retorna ao street style sem estereótipos e com propostas menos caricatas. Se antes o acessório só costumava aparecer em produções rocker e tinha um visual meio adolescente, agora, ele compõe looks mais elaborados, que vão do chic ao casual. Para sair do óbvio, vale apostar em modelos coloridinhos, texturas metalizadas e até estampas.

Luvas de couro

As luvas de couro são superquentinhas e perfeitas para os dias frios — Foto: IMAXTree
As luvas de couro são superquentinhas e perfeitas para os dias frios — Foto: IMAXTree

Após sair do visual clássico e bombar em interpretações fashionistas, as luvas estão sendo desconstruídas de novo. A dica da vez é apostar em versões de couro, beeem dramáticas mesmo. Vale investir em modelos curtos, com recortes nos dedos, ou em tamanhos gigantes, que ocupam quase o braço inteiro. A trend é consequência da estética do motociclismo, que bombou nos desfiles das fashion weeks de Milão e Paris e está chegando às ruas em ~alta velocidade. Fica a dica: As luvas ficam ainda mais legais quando combinadas com um look contrastante. Se quiser deixar o visual girly ousado, já sabe!

Chapéu de cowboy

O chapéu de cowboy saiu direto dos anos 2000 para os looks contemporâneos  — Foto: IMAXTree
O chapéu de cowboy saiu direto dos anos 2000 para os looks contemporâneos — Foto: IMAXTree

Mais um comeback direto dos anos 2000! Divertido e capaz de deixar qualquer look mais estiloso, o chapéu de cowboy é o item queridinho da vez. Indo muito além da vibe western, típica dos artistas country, o acessório invadiu o closet das fashionistas e funciona em diversas propostas, dando aquele toque divertido sem esforço.

Roxo + vermelho

A dupla roxo e vermelho garante looks vibrantes e cheios de estilo — Foto: IMAXTree
A dupla roxo e vermelho garante looks vibrantes e cheios de estilo — Foto: IMAXTree

O combo queridinho da temporada é cool, inusitado e zero discreto: pode entrar roxo + vermelho! Além de brilhar nas passarelas das fashion weeks, o mix apareceu forte no street style das últimas semanas e conquistou as celebs. Na hora do styling, vale combinar peças contrastantes ou investir em estampas que misturam os tons.

Harness

O harness é uma ótima aposta para transformar looks em poucos segundos — Foto: IMAXTree
O harness é uma ótima aposta para transformar looks em poucos segundos — Foto: IMAXTree

Efeito da união entre a moda e o universo fetichista, o harness (ou arreio), aquele acessório que entrelaça tiras de couro e argolas, transforma qualquer produção basiquinha em um visual superfashionista. Anota aí: camisas mais estruturadas são ótimas aliadas para quem quer um look chic. Curtimos!