Artemis I: Nasa diz que nova tentativa de lançar foguete à Lua será dia 23 ou 27

Confirmação depende dos resultados dos testes de abastecimento, previstos para o dia 17
Por Raisa Toledo

As duas tentativas de lançamento do foguete SLS, no dia 29 de agosto e no dia 3 de setembro, foram adiadas por problemas no abastecimento de hidrogênio líquido.
As duas tentativas de lançamento do foguete SLS, no dia 29 de agosto e no dia 3 de setembro, foram adiadas por problemas no abastecimento de hidrogênio líquido. Foto: Aubrey Gemignani/NASA

Após dois scrubs, como são chamados os adiamentos ou cancelamentos de lançamentos, a Nasa já tem uma nova previsão para iniciar a missão Artemis I ao redor da Lua. As duas possíveis datas são os dias 23 e 27 de setembro. A última tentativa ocorreu no sábado passado, 3, e foi suspensa após a identificação de um vazamento de hidrogênio em uma das linhas de combustível do foguete Space Launch System (SLS).

Em entrevista coletiva concedida pela Nasa nesta quinta-feira, um porta-voz da agência espacial americana informou que são necessários quatro dias entre a realização do teste e um possível lançamento, motivo pelo qual o dia 23 está sendo considerado. Novos testes devem ser realizados no dia 17. Depois do último adiamento, as equipes decidiram substituir a vedação em uma interface, chamada de desconexão rápida, entre a linha de alimentação de combustível de hidrogênio líquido e o foguete.

Antes, no dia 29 de agosto, a primeira tentativa foi adiada também devido a um vazamento de hidrogênio, que impediu o resfriamento de um dos quatro motores do SLS.

Além dos testes de abastecimento, a Nasa precisa resetar as baterias do sistema de lançamento. O procedimento busca atender os critérios do Eastern Range (área de segurança da Força Aérea dos Estados Unidos para lançamentos espaciais e testes de mísseis) para a certificação do sistema de terminação de voo do foguete, que permite que um lançamento seja interrompido de maneira controlada.

De acordo com o porta-voz, os custos de falhar seriam muito maiores do que os de adiar o lançamento como tem sido feito até agora, razão pela qual a equipe precisa “fazer tudo certo”. “Muitas outras coisas são precisas para fazer um foguete voar do que apenas lançá-lo”, afirmou.

Após a realização dos testes, a Nasa vai analisar novamente se as datas previstas são realistas. Até o momento, os representantes da agência espacial estão confiantes de que os problemas serão resolvidos. No dia 23, o lançamento está previsto para as 7h47, no horário de Brasília, com uma janela de 1h20. No dia 27, a previsão é iniciar às 12h37, com uma janela de 1h10.

Programa Artemis

Sucessor do programa Apollo, que levou o homem à Lua pela primeira vez em 1969, o programa Artemis faz parte do objetivo da Nasa de estabelecer uma presença humana permanente no satélite natural.

A Artemis I, sem tripulação, é a primeira das três missões planejadas com essa finalidade. Ela testará os sistemas integrados desenvolvidos pela Nasa e a resistência da cápsula Orion, que fica na ponta do foguete SLS e precisará aguentar velocidade e temperatura bastante elevadas durante o retorno à Terra.

Esses testes são importantes para embasar a realização da Artemis II, uma missão tripulada ao redor da Lua prevista para 2024, e a Artemis III, que pretende levar ao satélite natural a primeira mulher e a primeira pessoa negra, em 2025.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.