Apple detalha apps do Watch Ultra em novas páginas

Além de um design mais robusto, o Apple Watch Ultra também estreou uma série de novos aplicativos feitos para quem gosta de se aventurar em atividades mais radicais. Entre eles estão os inéditos ProfundidadeSireneOceanic+ e uma versão completamente repaginada do já conhecido Bússola.

Ontem, às vésperas da chegada do novo relógio ao mercado, a Maçã colocou no ar algumas páginas que explicam com mais detalhes esses aplicativos, nos dando uma noção melhor de como eles funcionam. Junto a elas, a empresa também aproveitou para dar alguns avisos importantes sobre as novidades.

Profundidade

Em sua nova página dedicada, a Apple explica que o aplicativo Profundidade consegue exibir métricas como a temperatura da água, a profundidade atual e máxima de um mergulho, a sua duração e, é claro, o horário. Ela ressalta, ainda, que Apple Watch Ultra suporta mergulhos de até 40 metros de profundidade.

Embora o aplicativo seja bastante completo, a empresa deixa bem claro que o relógio não substitui computadores de mergulho mais sofisticados e que ele não deve ser usado sozinho em situações em que uma falha pode representar algum risco de lesão ou morte. Além disso, ela recomenda que usuários sempre procurem por possíveis danos no relógio antes de entrarem na água.

O relógio consegue detectar quando o usuário está submerso para iniciar o aplicativo automaticamente, embora também seja possível abri-lo pela grade de aplicativos ou atrelá-lo ao novo botão de Ação. Assim que o aplicativo é iniciado, o watchOS bloqueia a tela e a Digital Crown para evitar comandos acidentais.

Assim que o usuário sai da água, o aplicativo exibe um resumo do mergulho com todas as métricas supracitadas e emite uma série de sons para eliminar o resto de água que tenha ficado presa nos alto-falantes do relógio. Para encerrar a sessão de mergulho manualmente, basta pressionar e segurar a Digital Crown por alguns segundos.

Para desligar o início automático da sessão de mergulho, e só ir em Ajustes » Geral » Quando submerso e desativar a opção que mostra o app Profundidade. O aplicativo, vale notar, já aparece listado na App Store.


Sirene

Outro app exclusivo do Apple Watch Ultra é o Sirene, criado para ajudar pessoas que venham a se perder em locais isolados ou de difícil acesso. Como explicado pela Maçã no seu último evento especial, ele usa todo o poder dos poderosos alto-falantes do relógio para emitir alertas de 86 decibéis que podem ser escutados a uma distância de até 180 metros.

Como é possível ver na imagem acima, o app é bem simples e também exibe um botão para que o usuário possa ligar para a emergência rapidamente. No centro da tela, há um botão que serve para iniciar ou pausar o alerta ao lado do nível da bateria e do horário.

Assim como o Profundidade, o aplicativo Sirene também já aparece listado na App Store.


Oceanic+

O único aplicativo que ainda não está disponível para donos do Apple Watch Ultra talvez seja o mais interessante todos. Estamos falando do Oceanic+, criado pela Apple em pareceria com a Huish Outdoors.

Com o Oceanic+, usuários terão acesso a uma lista ainda maior de informações sobre suas aventuras debaixo d’água, o que deverá agradar mergulhadores mais assíduos. Com ele, é possível planejar todos os aspectos de uma sessão de mergulho e acessar os mais variados dados apenas girando a Digital Crown.

O aplicativo usa o algoritmo de descompressão Bühlmann para calcular e monitorar vários parâmetros em tempo real, além de trazer todos os alertas de segurança essenciais para mergulhadores, como taxas de descompressão e paradas de segurança. É possível compartilhar facilmente as métricas de um mergulho com amigos e usar o GPS do relógio para observar o trajeto percorrido enquanto você estava submerso.

Bússola

Embora tenha sido apresentada ao lado Apple Watch Ultra, a versão repaginada do aplicativo Bússola também está disponível para donos de outros relógios compatíveis com o watchOS 9. Como comentado pela Maçã no seu último evento especial, ele conta agora com novo visual que mistura um mostrador digital com informações sobre a localização do usuário.

Também há uma nova opção no canto superior esquerdo do aplicativo que mostra informações adicionais como a inclinação, a elevação, a latitude e a longitude do usuário. Ao girar a Digital Crown, o usuário tem acesso a ainda outra opção de visualização que mostra os waypoints (pontos de paradas) mais recentes do usuário.

Por falar em waypoints, agora também é marcar localizações específicas na Bússola, o que pode ser muito útil durante uma trilha, por exemplo. Caso se você se perca, o relógio lhe ajuda a voltar para sua trilha usando os pontos salvos.

Embora também seja possível marcar essas localizações manualmente, o relógio também se encarrega de salvar algumas automaticamente, como ao sair de um veículo. [MacMagazine]

VIA MACRUMORS [12], 9TO5MAC

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.