CINEMA I Estreias: Bardo, Os Bravos Nunca se Calam, Diário de Viagem, Kobra Auto-Retrato, A Maldição: Despertar dos Mortos, Nada É por Acaso, Aldeotas

Cinemas têm 7 estreias, como ‘Bardo, Falsa Crônica de Algumas Verdades’, de Iñárritu
NATHALIA DURVAL

Daniel Gimènez Cacho em cena do filme "Bardo, Falsa Crônica de Algumas Verdades", de Alejandro G. Iñárritu
Daniel Gimènez Cacho em cena de ‘Bardo, Falsa Crônica de Algumas Verdades’ – Divulgação

SÃO PAULO – Um jornalista e documentarista mexicano renomado retorna ao país natal e enfrenta uma crise de identidade. Essa é a trama de “Bardo, Falsa Crônica de Algumas Verdades”, uma das principais estreias dos cinemas paulistanos nesta quinta-feira, dia 17.

O longa é dirigido pelo cineasta mexicano Alejandro González Iñárritu, vencedor de quatro estatuetas do Oscar, entre elas a de melhor filme, por “Birdman”, e traz toques autobiográficos.

A lista de estreias nos cinemas em São Paulo está recheada de filmes brasileiros esta semana. Além de “Bardo”, o outro único lançamento internacional é “A Maldição: Despertar dos Mortos”, terror da Coreia do Sul com mortos-vivos. Assinado pelo roteirista de “Invasão Zumbi”, o longa colecionou elogios no Festival de Cannes e na Mostra Internacional de Cinema de São Paulo e foi sucesso de bilheteria em 2016.

Já as novidades nacionais incluem o documentário sobre o muralista Eduardo Kobra, um longa autobiográfico sobre anorexia, a adaptação da peça “Aldeotas” e um drama espírita inspirado em livro da escritora Zibia Gasparetto. Confira todas as estreias a seguir.

Aldeotas
A adaptação da peça homônima do ator e escritor Gero Camilo conta a história de dois amigos de uma pequena cidade conservadora. Levi é poeta e está cansado dos abusos que sofre, então se junta a Elias para fugir do lugar, mas apenas um deles segue em frente com o plano.
Brasil, 2022. Direção: Gero Camilo. Com: Gero Camilo e Marat Descartes. 12 anos


Bardo, Falsa Crônica de Algumas Verdades
Exibido no Festival de Veneza e na Mostra Internacional de Cinema de São Paulo deste ano, o filme dirigido por Alejandro G. Iñárritu acompanha um jornalista que retorna ao seu país natal, o México, após receber um prêmio em Los Angeles e entrar numa crise existencial.
México, 2022. Direção: Alejandro G. Iñárritu. Com: Daniel Giménez Cacho, Griselda Siciliani e Ximena Lamadrid. 18 anos


Os Bravos Nunca se Calam
Na comédia, dois irmãos que se distanciaram se unem para investigar o possível assassinato do pai, um jornalista que estava prestes a lançar um livro sobre um grande esquema de corrupção. A dupla segue rastros por conta própria e se vê cercada por ameaças e relatos falsos.
Brasil, 2019. Direção: Marcio Schoenardie. Com: Eduardo Mendonça, Duda Meneghetti e Mirna Spritzer. 12 anos


Diário de Viagem
O filme aborda a anorexia e é inspirado na adolescência da diretora, Paula Kim. Ambientado nos anos 1990, apresenta Liz, uma garota tímida que é enviada pelos pais para um intercâmbio na Irlanda. A viagem, porém, vira um fracasso e a jovem retorna para casa com um transtorno alimentar.
Brasil, 2021. Direção: Paula Kim. Com: Manoela Aliperti, Eucir de Souza e Virginia Cavendish. 12 anos


Kobra Auto-Retrato
O documentário mostra a trajetória do muralista paulistano Eduardo Kobra e revê sua vida, desde a infância na periferia e os grafites ilegais nas ruas, ao sucesso mundial, com murais coloridos espalhados por 30 países.
Brasil, 2022. Direção: Lina Chamie. 10 anos


A Maldição: Despertar dos Mortos
Neste terror sul-coreano, cadáveres que ressuscitam atacam a população. Uma jornalista tenta desvendar a série de crimes após receber uma ligação misteriosa, de um homem que diz ser o culpado e que avisa que vai cometer mais assassinatos.
Coreia do Sul, 2021. Direção: Kim Yong-wan. Com: Uhm Ji-won, Jeong Ji-so e Jeong Moon-sung. 14 anos


Nada É por Acaso
A adaptação de livro da escritora espírita Zibia Gasparetto segue duas mulheres que não se conhecem no presente, mas que já foram amigas em vidas passadas. Uma delas, Marina, volta de uma viagem com R$ 5 milhões na conta e quer seguir em frente, mas seus encontros frequentes com Maria Eugênia não parecem ser apenas uma coincidência.
Brasil, 2021. Direção: Marcio Trigo. Com: Giovanna Lancellotti, Mika Guluzian e Rafael Cardoso. 14 anos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.