iPhone 11 Pro nos bastidores – Primeira olhada no novo sistema de câmera tripla – Apple

O fotógrafo Justin Bettman cria cenas elaboradas e detalhadas em locais inesperados. Confira o processo por trás da produção, pois Justin cria uma imagem maior usando o sistema de três câmeras do iPhone 11 Pro.

Anúncios

iPhone 11 Pro Cinematic 4k: Tokyo by Andy To

O lançamento dos novos iPhones ocorrerá nesta sexta-feira (20), mas existem aqueles que já estão com eles em mãos para conferir o potencial dos gadgets, principalmente com relação às câmeras.

Como sabemos, os iPhones 11 Pro e 11 Pro Max contam com um sistema de câmera triplo, o qual introduz uma nova lente ultra-angular àquelas já existentes (uma grande-angular e outra teleobjetiva) na geração anterior. Isso, naturalmente, significa que as fotos e os vídeos capturados com os novos aparelhos possuem não só uma qualidade maior, mas também oferecem novas possibilidades.

Entretanto, só sabemos o quanto a câmera desses aparelhos é boa… vendo! Dessa forma, o cineasta Andy To foi a Tóquio (Japão) para testar a câmera dos novos iPhones. É possível conferir o resultado no vídeo acima, o qual muitos duvidariam que foi gravado com um smartphone.

Fui a Tóquio com o novo iPhone 11 Pro para testá-lo. O objetivo desse vídeo é apresentar uma história visual que mostre minha jornada ao Japão. A história começa em Tóquio, uma cidade progressivamente futurista que possui um belo cenário para o estilo de edição que eu amo fazer.

O vídeo foi gravado diretamente pelo app Câmera (nativo) sem a ajuda de lentes externas, e editado com o Final Cut Pro X no macOS. Como podemos observar, To trouxe a versatilidade da câmera do iPhone 11 Pro ao passar por uma variedade de ambientes, alterando entre cenários brilhantes e coloridos, a lugares com pouca luz.

O CEO1 da Apple, Tim Cook, elogiou o resultado:

rabalho impressionante como sempre, @andyyto! Uma viagem fascinante por uma das minhas cidades favoritas, capturada com o iPhone 11 Pro.

Os iPhones 11 Pro e 11 Pro Max possuem algumas diferenças importantes em relação aos XS e XS Max. Com relação à câmera, ambas as gerações são capazes de gravar vídeos 4K a 60qps, mas nos novos modelos há suporte para alcance dinâmico estendido, melhorando a cor e o contraste das filmagens. [MacMagazine]

Serena Williams quer mostrar que ser mãe não é obstáculo em comercial tocante da Chase

Produzido pela Droga5, “This mama keeps going” lança olhar intimista sobre a época de gravidez e recuperação da tenista em 2017
Por Pedro Strazza

Na noite desta terça-feira, 3 de setembro, Serena Williams disputa as quartas-de-final do U.S. Open contra a chinesa Wang Qiang na busca de seu 24° título do circuito do Grand Slam do tênis. Caso vença, o título marcaria o primeiro da tenista na “liga dos grandes” do esporte desde que teve sua filha Alexis em 2017, uma que carregava no útero quando levou o Australia Open daquele ano.

É esta trajetória de superação de Williams que leva a sua patrocinadora de longa data Chase a lançar um novo comercial sobre sua figura. Produzida pela Droga5e intitulado “This Mama Keeps Going”, a peça de um minuto da marca é altamente emocional ao relembrar com imagens de arquivo os caminhos recentes da tenista para ter sua filha – em especial, os problemas encarados por Williams na gravidez – pra mostrar como ela conseguiu provar ao mundo que a maternidade não encerra a carreira de nenhuma mulher e, mais importante, como é possível conciliar estes dois mundos. Confira acima.

Embalado pelo lema de orgulho da marca sobre ser patrocinadora do “U.S. Open, de Serena e de mães em todo o lugar”, “This Mama Keeps Going” na verdade continua a campanha iniciada pela Chase no ano passado e que se situa em cima desta jornada de superação pessoal de Williams para manter a carreira e ter uma filha. O diferencial, porém, é mesmo o olhar intimista, presente desde o início com as imagens do ultrassom de Alexis até o registro do longo processo de recuperação da tenista e seus primeiros meses de maternidade.

Tudo isso encerrado com o gesto singelo da peça em relembrar o discurso da vitória da atleta quando venceu seu primeiro Grand Slam em 1999: “Eu venho praticando por tanto tempo para este momento e ele está aqui”.

O comercial do Google Play para o “Mario Kart” mobile é muito mais do que os olhos veem

Você com certeza não está preparado para o nível de easter egg que “Start Your Engines” esconde em seu cenário
Por Pedro Strazza

Nintendo recentemente confirmou ao mundo que a versão para os celulares de“Mario Kart” enfim vai ser disponibilizada, depois de alguns meses de atraso para últimos ajustes. Com o lançamento de “Mario Kart Tour” marcado para o próximo dia 25 de setembro e a versão beta já aberta para inscrições, o Google Play resolveu lançar um comercial para divulgar o game, o que é justo se considerar que o app do jogo já nasce com toda a cara de fenômeno no meio mobile.

O que fascina na peça criada pela TBWA\Chiat\Day Los Angeles para a loja de aplicativos do Google, porém, não é o que ela promove diretamente e sim o que ela esconde nas bordas. Com pouco mais de um minuto, o anúncio relativamente simples e intitulado “Start Your Engines” esconde uma variedade um tanto impressionante de referências discretíssimas que aumentam o seu tom de celebração geral da franquia – e é bem provável que você não pegue metade delas na primeira visualização.

Mas antes de mais nada é necessário ver o comercial, cuja premissa é basicamente uma materialização das famosas corridas do game com smartphones alheios. Confira acima o vídeo na íntegra e abaixo sua versão de 30 segundos.

Assistiu, achou bonitinho e não viu nada demais na peça? Bom, olhe mais atentamente. Além da piadinha de cada celular representar um dos corredores tradicionais do jogo, o comercial na verdade é um grande baú de referências à mitologia do circuito de corridas de “Mario Kart” e à própria Nintendo, começando logo no primeiro plano que traz um táxi da companhia “Lakitu’s NYC Taxi” estacionado numa tal Rainbow Road e próximo a um tal Koopa Cafe, menções diretas a personagens e pistas de “Mario Kart”.

A partir desta constatação não é lá muito difícil pirar com “Start Your Engines”, até porque o vídeo vive deste nível de easter egg escondido em todos os cantos. Tem de tudo, de atendente do café vestido de Mario a parte escrita na porta do café que faz referência ao ano de criação do primeiro “Mario Kart”, passando por abajur de Toad e gato com pingente da estrelinha. Até o nome da escola dona das escadarias onde o menino está sentado é uma referência!

Gigante do salgadinho, Doritos faz “antipropaganda” e abandona logotipo

Marca da Pepsico quer atrair uma geração mais jovem e avessa a anúncios
Vanessa Barbosa

São Paulo – A gigante dos salgadinhos Doritos, pertencente à PepsiColançou uma campanha publicitária que não possui logotipo ou o nome da marca. Achou estranho? Há uma razão: a marca quer atrair uma geração mais jovem e avessa a anúncios, daquelas pessoas de até 22 anos que cresceram familiarizadas com experiências sem anúncios, como a Netflix.

O novo esforço, batizado de “Another Level” (ou “Outro Nível”, em português) estreou na noite de terça-feira (27) durante o MTV Video Music Awards (VMA). No spot de 60 segundos intitulado “Anti-Ad” (“Anti-Anúncio”), a marca admite que está transmitindo uma “mensagem paga”, mas não mostra quem está por trás. Não há nenhuma menção explícita à Doritos.

Em vez disso, um locutor anuncia que está promovendo um “chip tão icônico, que não precisamos nomeá-lo, porque este é um anúncio sem logotipos, sem jingles, sem truques”. O comercial começa mostrando uma jovem escolhendo um pacote de lanche em uma loja de conveniência.

O filme apresenta apenas imagens desfocadas das embalagens da marca, pacotes vermelhos e azuis e uma série de formas triangulares no mesmo ângulo da silhueta do salgadinho.  Claro que o característico pó laranja também marca presença em cena — ele suja roupas e é atirado ao ar.

E a campanha não fica só na telinha. Doritos também está “limpando” seus canais sociais e substituindo-os por imagens triangulares sem marca. O endereço do Twitter mudou para @Logo_Goes_Here (“O logo vai aqui”) e o endereço do site da marca para thelogogoeshere.com.

A Doritos chama o público alvo da propaganda de “adultos emergentes” e afirmou: “As novas gerações estão cada vez mais desligadas pelo marketing promocional descarado”, em comunicado enviado por e-mail à rede CNBC.

Estrela Millie Bobby Brown de “Stranger Things” lança coleção de tênis Converse All-Star

Mais jovem colaboradora da icônica marca, Millie Bobby Brown assina 10 pares com estampas exclusivas que refletem seu amor pelos oceanos e as baleias
Por Vanessa Barbosa

Millie Bobby Brown: personalidade mais jovem a ter uma linha própria da marca.  (Converse/ Instagram/Reprodução)

São Paulo – Aos 15 anos, Millie Bobby Brown, estrela de uma das séries de maior sucesso da Netflix, juntou-se à norte- americana Converse para lançar uma coleção própria de tênis, a “Millie By You”.

Mais jovem colaboradora da icônica marca de tênis, a intérprete de “Eleven” (ou El) em “Strager Things” lançou 10 pares com estampas exclusivas que refletem seu amor pelos oceanos e as baleias.

Os calçados estão disponíveis em dois modelos: no clássico “Chuck Taylor”, decano alto e no modelo de cano baixo. Na paleta de cores, predominam tons pasteis de amarelo, rosa e azul.

As vendas começam a partir de 11 de julho, em lojas nos Estados Unidos e na Europa, e no e-commerce da marca. É possível personalizar certos elementos, como os cadarços ou o logotipo.

Embora essa parceria diga respeito apenas à atriz, as colaborações entre outras marcas e a série de sci-fisão numerosas, e incluem H&M, Nike, Levi’s, M&M’s e Coca-Cola.

Um levantamento do jornal Wall Street Journal identificou aproximadamente 70 produtos colaborativos para a terceira temporada da série, que estreou no dia 04 de Julho. 

Havaianas busca provar que o Brasil de 1985 era muito mais estranho que a cidade de “Stranger Things”

O que são monstros de outra dimensão perto do figurino ousado de apresentadoras de programas infantis e facas escondidas em bonecos?
Por Pedro Strazza

Depois de anunciar uma linha de sandálias inspiradas em “Stranger Things” há uns dois meses, a Havaianas resolveu aproveitar a estreia da terceira temporada da série ambientada nos anos 80 para divulgar seus produtos inspirados na história. O gancho do comercial, porém, é uma provocação das mais inusitadas: por que nós, brasileiros, nos surpreendemos tanto com o que acontece com os personagens do seriado na Hawkins oitentista se o Brasil dos anos 80 era muito mais estranho?

Criado pela AlmapBBDO, o comercial “Strangest Things” em pouco mais de um minuto e meio busca lembrar algumas das “peculiaridades” que definiram o país durante esta década bizarra, desde o figurino das apresentadoras de programas infantis até os brinquedos com facas escondidas, além de (claro) o hábito incomum das pessoas em customizar suas sandálias da marca invertendo as superfícies para conseguir chinelos coloridos. 

A terceira temporada de “Stranger Things” chega à Netflix no próximo dia 4 de julho.