Décor do dia: banheiro com parede tricolor em tons pastel

Rosa, verde e azul em nuances claras marcam ambiente vintage
Por Amanda Sequin I Foto Carola Ripamonti/ Divulgação

Sem títuloCom perfume vintage e muita suavidade! Este banheiro decorado num apartamento alugado cuja reforma é assinada por Andrea Marcante and Adelaide Testa, do escritório Marcante-Testa, mostra como uma paleta de cores candy pode ganhar impacto ao ser usada de um jeito criativo. Aqui, a dupla misturou um rosa puxado para o pêssego, verde e azul bem claros para dar forma à uma parede tricolor, mas os metais e luminárias pretos e uma cuba cor de pérola trouxeram um ar mais sóbrio e atual para o ambiente. Detalhe para o pequeno quadro: ele traz as mesmas tonalidades utilizadas, dando um arremate final delicado.

Anúncios

Décor do dia: visual dark e intimista no quarto

Paredes e até o teto foram pintados com cores escuras
Por Amanda Sequin I Fotos Divulgação

232800252_640Quando se opta por usar cores escuras na decoração, assumir a ousadia de vez é fundamental. Não à toa que no hotel La Maison Champs Élysées, os quartos adotam tons de preto e azul marinho de cima a baixo, nas paredes, no teto e também no piso – e o resultado é impactante e ao mesmo tempo introspectivo!

Para conquistar esse clima acolhedor, a arquiteta Danièle Damon e os designers do estilista Martin Margiela, que assina a direção artística do hotel, usaram alguns truques. Apostar na madeira para revestir o piso foi um deles – o material aquece a decoração sem sair da paleta. A roupa de cama em azul também foi fundamental nesse processo, já que trouxe um tom mais claro para o conjunto. Toques de ouro velho nas luminárias e também a iluminação natural destacaram e deram mais brilho às texturas. Ousado, mas na medida!

Reforma valoriza apartamento em prédio icônico de SP

Arquitetos da Pascali Semerdjian assinam projeto no edifício Bretagne

highlight_Apartamento_VA_-_Pascali_Semerdjian__16_.jpgConsiderado um marco arquitetônico da cidade de São Paulo por sua planta em formato de “L”, o edifício Bretagne, projetado pelo arquiteto Artacho Jurado e construído na década de 1950 na Avenida Higienópolis, em Santa Cecilia, reúne cores e formas em um estilo marcante que não só gerou polêmica, mas também o seu tombamento como Patrimônio Histórico Municipal.

Uma leitura contemporânea dos elementos do edifício – repleto de colunas e revestido com pastilhas em tons de rosa, azul e amarelo – norteia a renovação de um de seus apartamentos. O imóvel de 196 m² passou por uma reforma de quase dois anos a cargo dos profissionais da Pascali Semerdjian Arquitetos (Domingos Pascali, Sarkis Semerdjian, Linda Matolli e Julia Novoa) para acolher os moradores.

O acesso principal ao apartamento é feito através de um túnel de aço corten, que serve de ligação entre a área íntima e a social. “Este túnel faz parte da grande estante que se estende ao longo de toda a parede da sala de estar, e que também abriga toda a história dos moradores: livros, luminárias, fotos, obras de arte e um bar”, contam os arquitetos.

Este slideshow necessita de JavaScript.

A sala foi arranjada como um espaço único, sem separações – o ambiente perfeito para jantar, ouvir música ou assistir TV. Tanto o aparador, com suas argolas douradas e mármore rosa, quanto o móvel que abriga a televisão, feito com madeira e malha metálica, foram desenhados pelos profissionais em referência à era de ouro na qual o edifício foi inspirado.

A área íntima, minimalista em seu uso, se destaca pelo alegre espaço infantil: dois quartos coloridos que são interligados por uma área comum, proporcionando individualidade e convivência para as crianças. Casa Vogue I Fotos Ilana Bessler

Décor do dia: madeira e tons terrosos marcam quarto minimalista

Elementos que remetem à natureza e texturas agradáveis ao toque dão personalidade ao espaço
Por Amanda Sequin I Fotos Jonas Poulsen/ Divulgação

Sem títuloOcre, nude, marrom avermelhado… os tons terrosos, tendência na decoração, dominam neste apartamento projetado por Marcio Kogan e sua equipe do studio mk27. Cada canto usa a madeira com elegância e minimalismo – e no quarto não poderia ser diferente! No ambiente, um painel de madeira longilíneo feito sob medida faz as vezes de cabeceira e criado-mudo, cedendo espaço para pequenos objetos e um quadro com cocar indígena.

Há, ainda, outros elementos que, junto às tonalidades, reforçam essa ideia da natureza e do trabalho manual: caso do pequeno banco revestido por corda e com pés dourados, das almofadas boho, e do tapete listrado. Na roupa de cama, uma colcha verde-escura arremata o visual sofisticado.

Apartamento pequeno com décor jovem e soluções inteligentes

Imóvel de 45 m² em São Paulo tem projeto assinado pela Matu Arquitetos

apartamento-matu-arquitetura-07Um apartamento de 45 m² no bairro de Santa Cecília, em São Paulo, ganhou soluções inteligentes e décor contemporâneo para o aproveitamento máximo dos espaços. Os proprietários, uma arquiteta e um videomaker, apostaram na substituição do piso e na divisão dos ambientes, em uma proposta moderna e arejada que acolhe os moradores e seus objetos mais especiais.

O piso de laminado clicado foi sobreposto ao assoalho existente no apê. O quarto recebeu um grande tapete, que traz calor e garante o conforto no cômodo. Uma porta de correr separa a área social do quarto do casal. “Por ser uma kit, dividimos o ambiente com uma estante e uma placa de policarbonato ao fundo, de forma que a luz pudesse alcançar todo o imóvel”, diz a arquiteta Gabrieli Azevedo, da Matu Arquitetura.

Na sala de estar, prateleiras de pinus apoiam livros, objetos e a TV. “Escolhemos este material para trazer leveza ao ambiente, já que é um elemento de muita presença no contexto geral”, afirma Gabrieli. O uso da mão francesa e cremalheiras foi pensado para possibilitar mudanças de acordo com a necessidade.

Além de uma composição de quadros que traz vida para a parede próxima ao sofá – a maioria deles presentes de amigos artistas ou adquiridos pelo casal ao longo da vida –, outro elemento que não passa despercebido é a rede de buriti feita por indígenas (à venda na Dpot Objeto). “Sou do interior e sempre tive rede em casa. Não importa o tamanho do apartamento, eu sabia que teria uma”, conta a moradora.

Sobre a mesa de madeira e ferro, o toque de design fica por conta de duas cúpulas de papelão compradas no Canadá pela arquiteta assim que soube que iria morar com seu noivo quando voltasse ao Brasil. “Foi o primeiro item do apê. Junto com o sofá, as cores se complementam e ditam a paleta presente no restante do projeto.”

Com o intuito de otimizar espaços e funções, alguns móveis ganharam novos usos. É o caso do arquivo da década de 80 adquirido em um mercado de pulgas e usado como sapateira. Perto da porta, o aparador é multifuncional. “Deixamos chaves e carteiras na parte de cima quando chegamos em casa. Na parte de baixo ficam os sapatos que usamos no dia, pois sempre entramos descalços no apartamento”, diz. No vão entre o banheiro e a cozinha, geralmente ocupado pela geladeira, o casal instalou um cabideiro para roupas mais longas.

Em meio à decoração cool, o casal encontrou espaço para muitas plantas de fácil manutenção. “Escolhemos espécies adequadas para ambientes com meia-luz, como a samambaia selvagem e a espada de São Jorge. Sem contar o eucalipto seco, que trocamos de tempos em tempos para ter o ar sempre perfumado.” [Casa Vogue I Fotos Cris Farhat]

Décor do dia: quarto infantil com estampas amarelas

Tons vibrantes e desenhos criam atmosfera lúdica
Por Michell Lott I Foto Reprodução

bf1746d99fa7984e3ec686e641fa3da5Neste quarto infantil criado pela fotógrafa Gray Benko para sua filha, o amarelo predominante surge com suavidade na forma de estampas: na parede, são limões que surgem em uma padronagem orgânica e fresca. Na cama, um xadrez grande e aberto evoca atmosfera retrô ao ser combinado com a cama azul clara com pendentes coral. Para finalizar com muita personalidade, almofadas divertidas e desenhos da dona do quarto enquadrados na parede. Lindo demais!

Décor do dia: sala de jantar com poltronas rosa e detalhes dourados

Jayme Hayon assina decoração de hotel na Espanha
Por MIchell Lott I Fotos Divulgação

magazine14957779176217.jpgUma boa dose de dourado, outra de ousadia cromática e, para finalizar, linhas curvas inconfundíveis: nesta sala de estar, parte do hotel Barceló Torre de Madrid, a assinatura do espanhol Jaime Hayon traz um clima que é sofisticado, lúdico e retrô ao mesmo tempo.  Para completar essa atmosfera bold, paredes, teto e cortinas surjem em um tom dessaturado de verde. Impecável!