Meghan Markle contrata Vicky Charles para decorar sua nova casa e de Harry, diz jornal The Sun

Duquesa de Sussex escolheu uma designer de interiores para renovar o histórico Frogmore Cottage

A duquesa de Sussex Meghan Markle

Antes mesmo de se casar com o príncipe Harry, Meghan Markle já mostrava que tinha bom gosto – seu apartamento em Toronto era delicadamente decorado tons pastel, flores, livros e obras de arte. Agora que a atriz se tornou duquesa de Sussex, vai se mudar para o Frogmore Cottage, propriedade dentro do Castelo de Windsor, na Inglaterra, que será a nova casa do casal real. Mas antes da mudança, que ocorre ainda este ano, os interiores serão decorados por uma profissional escolhida à dedo por Meghan: segundo o tablóide The Sun, será Vicky Charles, designer de interiores à frente do escritório novaiorquino Charles & Co. 

Vicky Charles é designer da Soho House, grupo de hotéis de luxo com unidades no mundo inteiro, e também decorou casas para David e Victoria Beckham e George e Amal Clooney, conhecidos da duquesa.

Acredita-se que o Harry e Meghan vão se mudar para o Frogmore Cottage até o final de março, mês em que está previsto o nascimento do bebê. Segundo o jornal britânico, a obra está custando em torno de 2,5 milhões de libras. 

Anúncios

Ônibus inspirado na Bauhaus fará tour em homenagem a centenário

“Tiny house” móvel de 15 m² terá oficinas, sala de leitura e exposições

Um ônibus inspirado na Bauhaus viajará durante dez meses por quatro cidades para celebrar o centenário da escola de design, artes plásticas e arquitetura de vanguarda mais influente do século XX.

A “tiny house” móvel de 15 m² foi projetada pelo arquiteto Van Bo Le-Mentzel e imita a ala das oficinas do edifício de Dessau, concebido pelo fundador Walter Gropius. Por dentro, há um espaço para exposições, exibição de filmes, oficinas e sala de leitura.

O ponto de partida do projeto da SAVVY Contemporary nomeado Spinning Triangles é em Dessau. Depois, ele segue para Berlim, Kinshasa, na República Democrática do Congo, e em Hong Kong.

“Criaremos uma escola de design que tenha o que é necessário para enfrentar os desafios do nosso ‘agora’ ”, disse o arquiteto. 

Décor do dia: cantinho vintage na sala de estar

Texturas naturais se misturam à estética antiga do apartamento em Berlim
POR PAULA JACOB | FOTO REPRODUÇÃO

Quem não se apaixona por um pé-direito alto, com janelões e piso de madeira? Pois este cantinho vintage na sala de estar de um apartamento antigo em Berlim tem charme até de sobra. A arquitetura da morada permaneceu intacta e ganhou uma camada branco-total do chão ao teto – literalmente! – para, então, receber elementos coloridos com ares de outras épocas. A mesa lateral com pé palito, o lustre pendente, o tapete vinho e até a caminha do gato, uma espécie de casulo de vime, pontuam elegantemente a área. Os vasos com plantas verdes são essenciais para quebrar a estética com a tendência contemporânea de cultivar a natureza também dentro de casa. Perfeito para admirar e descansar, como faz o gatinho no sol.

Décor do dia: tons de verde no quarto de casal

Rusticidade ganha leveza com tecidos crus e paredes brancas
Por Paula Jacob I Foto Reprodução

Lugar de acolhimento e descanso, o quarto precisa de uma decoração que tenha algum elemento que te projete diretamente para este lugar de desconexão. No caso deste quarto de casal, os tons de verde fazem esse papel crucial. Presente tanto na roupa de cama quanto nas plantas espalhadas pelo cômodo, a cor abriga aquilo que Li Edelkoort aponta como a celebração da natureza, tendência máxima dos próximos meses. A atmosfera rústica segue pela escolha de objetos decorativos, como as mesas laterais, as velas, os vasos e até a estrutura de madeira aparente no teto triangular. Contudo, para não pesar ou cair na obviedade das referências de uma floresta encantada, a sutileza é o contraponto ideal. Os tecidos crus, as paredes totalmente brancas e a entrada de luz natural quebram as expectativas e tornam o quarto ainda mais propício para o relaxamento. As luzinhas de Natal ressignificadas complementam com charme.

Apartamento contemporâneo tem cozinha de estar

A integração entre cozinha, sala de jantar e varanda trouxe amplitude e realizou sonhos dos moradores, como o fogão à lenha
TEXTO CAROL SCOLFORO | FOTOS DIEGO SANCHEZ WIC/DIVULGAÇÃO

Neste apartamento na Vila Madalena, em São Paulo, a integração entre sala de jantar e varanda transformou-se em um grande living de estilo contemporâneo. Ali, a cozinha de estar é a estrela. O projeto de interiores assinado pelo arquiteto Robert Robl incluiu até fogão à lenha na varanda – bem na medida que sonhavam os moradores, um empresário e uma chef de cozinha com um filho.

A ausência de paredes entre esses ambientes trouxe amplitude e deu frescor aos vários tons de cinza. Já os toques modernos, clássicos e as pinceladas rústica e étnica que abraçam o décor tiram tudo do comum. É um mix que revela, sobretudo, personalidade – ponto alto dos projetos de Robl.

Os moradores tinham feito uma viagem à África pouco antes de entrar no escritório do arquiteto, o Cápsula Decor. Quando viram a foto da zebra que hoje estampa a sala, o match foi instantâneo. “Daí vieram os dourados, em referência à luz da África do Sul”, ele conta. A transformação do living, de 50 m², incluiu também aberturas para a entrada de luz.

A base neutra está aberta a modificações que possam ser feitas ao longo dos anos, trocando apenas acessórios, segundo o arquiteto. “Acredito que o lar deve ter conforto, aconchego, personalidade, peças que remetam às histórias de quem mora ali. Se possível, com peças de reuso, de outras épocas, bom design e atemporalidade”, diz Robert.

Décor do dia: sala de refeições minimalista e elegante

Madeira e boiserries deixam o espaço atemporal e com referências francesas
Por Paula Jacob I Foto Reprodução

Reunir-se para tomar café da manhã ou jantar com amigos e familiares pede um espaço na casa que faça você e os convidados se sentirem à vontade. Esta sala de refeições minimalista com ares franceses reúne materiais como a madeira, o couro e a palha em um mix elegante e atemporal. Como a paleta de cores é neutra, os boiserries do chão ao teto garantem o elemento de impacto visual ao espaço – ali, apenas um quadro, também dentro da paleta da casa, contrasta com a estética da arquitetura clássica. Sirva um belo brunchcom louças delicadas e deixe uma planta sempre sobre a mesa para não cair na frieza.

Décor do dia: mistura de estampas e texturas no living

Sala decorada com plantas e prints geométricas é ideal para a contemplação
Fotos Maggie Shannon

A mistura de estampas e texturas é o principal trunfo deste living decorado pelas irmãs Lily e Hopie Stockman, a dupla por trás da marca Block Shop. Elas se inspiraram em seu próprio estúdio, em Los Angeles (EUA), para criar um recanto contemplativo e confortável, “onde os visitantes são convidados a pisar em algo macio”, conforme gostam de explicar. O espaço, que também foi pensado para funcionar como sala de leitura, exibe uma série de tapetes feitos à mão dispostos no ambiente de maneira despojada. Peças têxteis também foram penduradas nas paredes, compondo um interessante mix de prints geométricas com o revestimento do sofá e os quadros logo ao lado.

Para tirar a paleta de tons terrosos do sério, as designers escolheram alguns elementos de cores vibrantes, a exemplo da cadeira azul que serve de apoio para vasos e dos antúrios vermelhos que decoram a mesa de centro – a peça, aliás, comporta livros, revistas e objetos decorativos. Vasos de plantas de diferentes alturas trazem verde para o interior.