10 toques para deixar seu escritório em casa confortável

jvilhora_3437No home office das arquitetas Andréia Hernandes e Pilar Hernandez, cores neutras e acabamentos fáceis de limpar (Foto: J. Vilhora/ Divulgação)


Ficar perto dos filhos, evitar congestionamentos, trabalhar de outra cidade, ter qualidade de vida, diminuir custo para a empresa… Estes são só alguns dos motivos pelo qual o home office é um ótimo negócio para todos. E esse estilo de vida é cada vez mais almejado pelos brasileiros. Segundo pesquisa realizada este ano pelo Ibope para a Confederação Nacional da Indústria (CNI), 81% dos entrevistados querem realizar suas tarefas profissionais de casa ou em locais alternativos quando preciso.

Só que não basta apenas almejar: para conseguir realizar as tarefas sem perder o foco, é necessário ter um cantinho adequado em casa. Marie Claire conversou com as arquitetas Andréia Hernandes e Pilar Hernandez, da AHPH Arquitetura e Interiores, que deram 10 dicas importantíssimas para que o escritório – que nem precisa ser um cômodo inteiro, apenas um cantinho – seja adequado às horas de trabalho. Quer ver? [Cristiane Senna]

1 Ergonomia e conforto
Pense, em primeiro lugar, no seu corpo. Costas bem apoiadas, com as medidas adequadas ao seu biotipo, e mesa com cerca de 75 cm de altura são essenciais para garantir conforto durante as horas de trabalho.

2 Iluminação
Luz é outro item fundamental para um ambiente de trabalho promissor. Um bom projeto de deve contemplar iluminação difusa geral e spots ou pontos focais periféricos para os detalhes.

3 Circulação
Mesmo em ambientes menores é preciso deixar espaço livre para movimentação da cadeira e circulação de pessoas.

4 Organização e armazenamento
Manter objetos, documentos e papeis organizados facilita a vida de quem trabalha em casa, por isso o projeto deve prever locais para facilitar o manuseio dos itens de maior uso e esconder os que podem ser arquivados.

5 Projeto elétrico e de rede
Bendita tomada! Os plugues são necessárias para ligar equipamentos, como computador, impressora e telefone, e podem estar embutidas ou aparentes, de acordo com cada projeto – desde que os fios fiquem organizados para não juntar poeira.

6 Ventilação
Uma boa ventilação torna o ambiente mais agradável. Em home offices com janelas podem ser usadas persianas ou cortinas para controlar a luminosidade externa. Caso não haja, é interessante pensar em elementos vazados para deixar o ambiente leve e arejado.

7 Cores
Elas podem e devem ser usadas para deixar o cantinho alegre e produtivo. Optar por um fundo claro e salpicar cores nos detalhes é o ideal – tons mais vibrantes, como vermelho, roxo ou amarelo, devem ser escolhidos com mais cuidado, pois podem causar distrações; já cores frias e neutras, como verde, azul ou cinza, podem ser usadas em maior proporção.

8 Acabamento dos móveis
Os materiais escolhidos para os móveis devem ser de fácil limpeza para ajudar na manutenção diária do cômodo. Vidros e laminados são os mais recomendados.

9 Frufrus
Objetos decorativos podem ser usados para dar mais charme ao ambiente, mas deve-se tomar o cuidado de não exagerar – o ambiente não deve ser “entulhado”, principalmente em pequenos espaços.

10 Regra geral
A decoração do espaço deve ter o espírito de quem vai usá-lo, sempre!

Home-office com décor inspirado no rock e influências geek

1-home-office-com-dc3a9cor-inspirado-no-rock-e-influc3aancias-geekEste home-office, projetado pelo escritório Doob Arquitetura, tem fortes referências musicais e geeks, como Star Wars, por exemplo.

O ambiente funciona tanto como escritório quanto para praticar guitarra, que é o hobby preferido do morador. O amplificador fica logo abaixo de uma estante com livros.

A escrivaninha, de carvalho natural e acabamento em lâmina, tem design simples, em contraponto à parede acima, que ganhou quadros temáticos, no estilo gallery wall. A composição é descolada, uma das molduras ganhou a capa de um álbum clássico do rock: “Dark Side Of The Moon”, do Pink Floyd. [Isabella Purkote]

Gucci Décor: grife anuncia criação de linha de decoração de interiores

gucci-decor-group2.jpgGucci Décor (Foto: Courtesy of Alex Merry)


A Gucci anunciou nesta quarta-feira (12.07) a criação da primeira linha de decoração de interiores da grife italiana. Batizada de Gucci Décor, a novidade leva para objetos e peças de mobiliário a estética de romantismo contemporâneo do diretor criativo Alessandro Michele. O resultado vai de cadeiras e almofadas a chaleiras e biombos, tudo com as estampas, designs, padronagens e cores do ready-to-wear do estilista.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Ainda sem previsão de chegada ao Brasil, as peças estarão disponíveis a partir de 07.09 nos e-commerces americano e europeu da marca, assim como na Bergdorf Goodman, em Nova York. Posteriormente, também desembarcarão nas lojas físicas da Gucci.

Apartamento de 34 m² com cores escuras: é possível!

Cores claras para apartamento pequeno? Este projeto põe abaixo clichês e usa o estilo para superar as regras de decoração

apartamento-pequeno-escuro_04Não, você definitivamente não precisa pintar o apartamento todo de branco se ele for pequeno! Esqueça as regras. Em 34 m², este minúsculo apartamento em Estocolmo, na Suécia, tem coragem de por abaixo esse paradigma da decoração. Tudo parece bem ajustado em seu lugar por seu dono, o influencer Mattias Vural, que hoje não troca o ultracompacto por nenhum outro espaço a mais. Este é na verdade seu piéd-à-terre, já que ele é globe-trotter assumido e vive mostrando suas aventuras no Instagram a seus 11 mil seguidores.

O tom de azul petróleo que se difunde pelo apartamento enche os olhos já na sala. Ali, objetos exóticos como uma ave empalhada, móveis garimpados em antiquário e coleções de frascos de perfumes foram cuidadosamente colocados pensando no destaque que teriam.

Este slideshow necessita de JavaScript.

A passagem para a área íntima é pela cozinha, único ambiente branco do apê. À frente dos azulejos antigos, prateleiras e ganchos deixam tudo à mão e ampliam espaços para guardar utensílios. Repare nos puxadores das gavetas dos armários, de couro: tudo tem o lifestyle de Mattias, algo entre o sofisticado e o despojado. Sempre há por perto uma mesinha de madeira para facilitar os preparos, ou aumentar pontos de apoio.

No quarto e no banheiro, o azul se repete sem cansar, em uma profundidade capaz de absorver os olhos por muito tempo. “O equilíbrio entre o escuro e os pontos claros criam uma atmosfera interessante”, ele diz sobre madeira, plantas e objetos vintage que pontuam os ambientes. Nada mais que a tradução da personalidade do morador, misterioso e aberto à vida. Texto Carol Scolforo I Fotos Johan Spinell/ Divulgação

Meghan Markle esbanja bom gosto em seu apartamento em Toronto

A namorada do príncipe Harry decora seu lar com tons pastel, flores, livros e obras de arte

foto_07A atriz Meghan Markle, que ficou conhecida por interpretar Rachel  na série Suits, e mais recentemente por se tornar namorada do príncipe Harry, postou fotos de seu lar em Toronto e impressionou os fãs pelo bom gosto.

Com cores neutras e usando flores e livros, a atriz, que também tem um blog de lifestyle, criou um ambiente claro e ao mesmo tempo muito aconchegante – já levantando especulações de quais mudanças fará quando se mudar para o Palácio de Kensington.

Destaca-se ainda um belo quadro da artista Inslee Fariss, que fica sobre a cabeceira da cama, no quarto de hóspedes, e uma coleção invejável de sapatos de salto alto. Isso sem contar seus dois lindos cachorros, Bogard e Guy, que roubam a cena em várias das fotos compartilhadas por Meghan.

Brilia realça ambientes em mais uma participação na CASACOR

FLAT-1-1024x682.jpgFLAT por Artis Design (Fábio Bouillet e Rodrigo Jorge) / Foto: Victor Montagner


Por Isabela Dias – Arkpad

Nesta terça, 23 de maio, foi marcado o início da maior mostra de arquitetura, design, decoração e paisagismo das Américas. Em sua 31ª edição, a CASACOR São Paulo tem como tema o “foco no essencial”, com o objetivo de destacar o necessário para viver bem, dentro de diferentes estilos. Apostando nessa ideia e partindo do conceito de que a luz tem o poder de transformar, a Brilia – empresa pioneira no desenvolvimento e comercialização de lâmpadas, fitas e acessórios LED no Brasil, estará presente pelo 3º ano consecutivo, oferecendo iluminação LED em vários ambientes do evento.

O co-fundador da empresa, Vinicius Marchini afirma: “Estar novamente em uma edição da CASACOR prova que a parceria é a tradução do sucesso e que os profissionais também estão, cada vez mais, preocupados com a questão da sustentabilidade e, por isso, optam por trabalhar com produtos que ofereçam benefícios reais aos consumidores”.

Por acreditar que “Luz Muda Tudo”, a Brilia tem como objetivo oferecer produtos inovadores, capazes de garantir emoção em cada momento vivido. Com uma ampla linha de lâmpadas, luminárias, fitas e acessórios, a empresa traz em sua participação na mostra, peças que foram pensadas e criadas para as necessidades do estilo de vida moderno e que se adaptam em qualquer tipo de projeto. Confira alguns dos ambientes:

KC Design Studio acrescenta fachada perfurada e átrio para casa de Taiwan

O KC Design Studio atualizou uma casa de 3,7 metros de largura em Taiwan, adicionando uma fachada perfurada e um poço de luz, ambos destinados a combater a falta de luz do dia na propriedade de 50 anos de idade.

Os designers foram convidados a melhorar a iluminação natural na casa antiga, que está situada nas proximidades de atrações turísticas barulhentas e mercados noturnos. Mas eles também foram convidados a evitar comprometer a privacidade ou a segurança do cliente.

“Considerando a falta de privacidade e boa visão, decidimos projetar a casa para dentro e para cima”, explicaram os co-fundadores do estúdio Chun-ta Tsao e Kuan-huan Liu, que anteriormente atualizaram outra casa em Taiwan com paredes rotativas.

“A frente de cada andar é voltada para formar um espaço semi-exterior em buffer entre as ruas e as áreas residenciais”, continuaram. “Com grandes janelas localizadas tanto na frente como na parte de trás, e no uso de um átrio no meio, a luz solar pode fluir naturalmente para todos os cantos da casa”.

Apesar de ter menos de quatro metros de largura, a casa magro compreende uma cozinha e sala de estar, uma área de recreação, além de três quartos, dois banheiros e uma casa de banho privativa.