Halston vai ter sua vida contada em série de diretor de “O Assassinato de Gianni Versace”

Estilista ícone dos anos 70 e 80, Halston será vivido por Ewan McGregor

Halston e suas musas na Vogue americana em 1972 (Foto: Duane Michals/Reprodução)

Ícone da moda americana nos anos 70 e 80, habitué do Studio 54 ao lado de personagens lendárias como Liza Minnelli e Bianca Jagger e tão controverso quanto adorado, Halston terá sua vida retratada em uma minissérie estrelada por Ewan McGregor. 

Ainda sem data para começar as filmagens ou emissora responsável pela transmissão, Simply Halston tem roteiro assinado por Sharr White (The Affair) e direção de Dan Minahan (American Crime Story: O Assassinato de Gianni Versace). McGregor, White e Minahan atuam também como produtores executivos e as gravações serão encabeçadas pela Killer Films. 

Roy Halston Frowick, nome de batismo do estilista, começou sua carreira no métier dos chapéus e se tornou um dos milliners mais concorridos de Nova York, com ateliê na Bergdorf Goodmans – Jackie Kennedy usou uma de suas criações para a posse de JFK. Depois de uma mentoria de Charles James, célebre couturier americano, Halston criou seu próprio ateliê em 1968 e logo caiu nas graças das mulheres mais influentes e elegantes dos Estados Unidos – Anjelica Huston, Lauren Bacall, Margaux Hemingway, Elizabeth Taylor, para listar algumas. 

Em 1973, a grife foi vendida à Norton Simon Inc., o que deu início a mudanças irreversíveis na trajetória do designer. Em 1978, o antigo ateliê foi substituído por um andar inteiro no Olympic Tower, um edifício de 51 andares que traduzia a grandeza que a marca havia tomado. Noitadas, dependência química e boatos gravitavam em torno do estilista, que, em 1984, foi completamente desligado da companhia que havia criado e que levava seu nome – a decisão surgiu após reviravoltas na propriedade da marca, que acabou como parte do conglomerado Esmark Inc., onde foi subsidiária da International Play-tex, empresa que produzia, majoritariamente, sutiãs. 

Revoltado, Halston abandonou a criação de moda e viveu em uma espécie de exílio até sua morte, em março de 1990, por complicações decorrentes da AIDS. Ele tinha 57 anos e estava internado no Pacific Presbyterian Medical Center, em São Francisco. Mais sobre sua vida pode ser descoberto no livro Simply Halston: The Untold Story, de Steven Gaines, uma das obras-referência para a série a ser lançada. 

Anúncios

Customização: marca B You personaliza roupas que estão paradas no armário

A B You é uma empresa nova especializada em customizar peças de roupa segundo a personalidade dos seus clientes.

O colete desta imagem foi uma dessas personalizadas pela B You (Foto: Divulgação)

Quem está sempre ligado em moda sabe que a sustentabilidade também ganhou espaço (com razão) no cenário fashion. Ela apareceu ali de diversas formas, entre reutilização de materiais, aumento do número de compras em brechós e, claro, customização de peças antigas.

Uma forma de você dar vida nova para uma peça de roupa que já não tem mais tanto espaço no seu guarda-roupa é reformando aquele item para deixá-lo mais atual e com a sua cara. Esse, aliás, foi o motivo pelo qual a marca B You foi criada este ano.

“A B You carrega a ideia de que cada trabalho é pensado com cuidado para juntar a vontade e a personalidade da cliente”, explica Júlia Tavares, sócia da empresa, que se encarrega de fazer essa customização também em peças recém-compradas.

A ideia para o negócio surgiu da própria Júlia, mas ela não é a única que colocou o sonho em prática. Ela se uniu com três amigas, Luana Lopez, Júlia Sallum e Bia Oliveira, e o grupo tirou a ideia do papel em Ribeirão Preto, sua cidade natal. “É como se fosse uma extensão do que nós somos uma para a outra”, diz Bia sobre o empreendimento.

O serviço é totalmente personalizado: com profissionais capacitados e que trazem novas informações de moda, cada peça apresentada pelos seus clientes ganha nova vida. E todo esse cuidado começa desde o primeiro contato com a marca.

Já pensou em ter uma peça do seu guarda-roupa totalmente reformada? (Foto: Divulgação)

“Nós marcamos um horário e durante um papo descontraído conhecemos melhor o nosso cliente e tentamos tirar o máximo de informação. Após o bate papo, é feito um croqui para aprovação e depois de alguns dias a entrega do produto”, explica Luana.

A ideia é que os clientes não só sejam muito bem atendidos e saiam desse relacionamento com uma peça incrível para o seu guarda-roupa, mas que um look tem tudo a ver com transparecer a sua personalidade e quem você é de verdade. [Marie Claire]

Look de festa para grávidas: inspire-em Meghan Markle

Duquesa de Sussex elegeu uma produção de uma marca britânica para o Royal Variety Performance Gala

Meghan Markle (Foto: Getty Images)

Meghan Markle, que já vem dando sinais de que será uma boa referência de estilo para as futuras mamães, exibiu toda orgulhosa sua crescente barriguinha na noite de segunda-feira (19.11) em Londres.

A Duquesa de Sussex, que está grávida do seu primeiro filho com o Príncipe Harry, escolheu um conjunto de bustier bordado e saia longa preta da labelbritânica Safiyaa para o gala anual Royal Variety Performance, que contou com apresentações de artistas como George Ezra e Take That.

O bustier Malaya, que faz parte da coleção mais recente da Safiyaa, foi adaptado às novas formas de Meghan, que mostrou que nem a barriguinha cada dia maior a impede de usar um look de festa exatamente como ela gosta.

3 em 1: Margot Robbie aposta em três tendências de uma só vez

Laço no cabelo, bermuda ciclista, sombra rosa: pode tudo de uma vez? Margot Robbie mostra que sim

Margot Robbie (Foto: Instagram Kate Young/ Reprodução)

Há os fashionistas que gostam de investir em peças clássicas, alheios a tendências. Há, por outro lado, os que adoram experimentar as novas propostas que cada temporada vem trazendo, renovando o guarda-roupa com peças-desejo ou truques de styling que atualizam qualquer look. Margot Robbie mostrou que sabe muito fazer as duas coisas ao mesmo tempo.

Para uma coletiva de imprensa de divulgação de seu novo filme, Duas Rainhas, a australiana, que é embaixadora da Chanel, combinou a clássica jaqueta de tweed da maison francesa com uma das peças mais trendy da estação: a bermuda ciclista. A sua? Chanel, é claro.

Finalizando o visual, a beleza carregava duas tendências fortes do ano: o cabelo finalizado por um laço preto e os olhos coloridos por sombra rosa, aplicada bem delicadamente. Mostrando que não tem medo de um visual combinadinho, Robbie levou o rosa delicado também para os lábios, com um stain aplicado apenas no centro da boca. Clássica e atual ao mesmo tempo: Margot Robbie ensina como!

O make rosinha de Margot Robbie (Foto: Instagram Bryce Scarlett/ Reprodução)

Tracee Ellis Ross homenageia Michelle Obama… Nos brincos!

A atriz, que entrevistou a ex-primeira dama dos Estados Unidos, usou argolas de ouro customizadas para o evento

Michelle Obama e Tracee Ellis Ross (Foto: Getty Images)

Michelle Obama já recebeu muitas homenagens, mas em brincos statement, essa é a primeira vez. E claro, a ideia não podia ter partido de ninguém menos do que Tracee Ellis Ross, musa de estilo absoluta do tapete vermelho e do Instagram.

Participando da turnê de divulgação da recém lançada autobiografia da ex-primeira dama dos Estados Unidos, Becoming: Michelle Obama, a filha de Diana Ross entrevistou Michelle Obama em Los Angeles, na Califórnia, ontem à noite (15.11) com um par de brincos customizados especialmente para o evento: a argola esquerda carregava o título de Mrs. (Senhora), enquanto a direita carregava o sobrenome da ex-primeira dama. “Estou muito feliz”, ela disse em seu Instagram Stories, logo antes de subir ao palco. Homenagem perfeita – e fashionista!

Associação de Azzedine Alaïa abre livraria fashion em Paris

Além da livraria exclusiva, os visitantes terão acesso às criações do acervo de Azzedine Alaïa em novo espaço multicultural, localizado em Paris. Saiba o que esperar:

Azzedine Alaïa (Foto: Patrick Demarchelier)

Depois da morte súbita do designer Azzedine Alaïa em novembro de 2017, o mundo da moda ficou em luto.

Um ano depois, a Associação Azzedine Alaïa se prepara para lançar um espaço cultural em homenagem ao estilista, localizado em Paris.

A nova empreitada abrigará um café, uma pequena boutique, local para exposições, uma livraria e será casa do acervo privê de Alaïa.

A empreitada conta ainda com o lançamento de dois livros inéditos, que contam a história do couturier.

“Tudo é muito único, um de cada, raro e difícil de achar”, define Carla Sozzani, editora da Vogue Itália e amiga pessoal da família.

A ideia é atrair os jovens pelo café e pela livraria, assim como o público mais velho com dinheiro para investir nas peças de colecionador do acervo da Maison Alaïa. [L’Officel]

6 dicas que levam a uma vida longa e saudável

A endocrinologista e nutróloga Vânia Assaly, palestrante do Wired Festival, é especialista em envelhecimento saudável
Por Anita Porfirio (@NITAFP)

Sem título
Maye Musk em ensaio da Vogue Brasil (Foto: Zee Nunes)


Sim, envelhecer é inevitável, mas não é preciso temer um processo natural da vida se nos prepararmos para uma longa e saudável jornada. “Quando falamos em envelhecer bem, falamos em senescência natural, que é o envelhecimento sem doença”, explica Vânia Assaly, endocrinologista e nutróloga especializada em medicina preventiva.

Integrante da grade de palestras do Wired Festival, que acontece no Rio de Janeiro nos dias 30.11 e 01.12, Vânia nos contou, de forma resumida, quais os principais fatores que levam a uma vida longeva e com muita saúde. Para adotar já!

1. Alimentação
“Uma dieta baseada em plantas, com baixa ingestão de gorduras de origem animal e alimentos superprocessados e industrializados tem se mostrado cada vez mais benéfica para uma longa vida saudável. Evitar a sobrecarga calórica também é fundamental.”

2. Exercícios
“Não é necessário fazer exercícios intensos. 30 a 45 minutos de atividade semanais são o suficiente. O mais importante é não ficar parado por muito tempo.”

3. Pertencimento
“Fazer parte de um grupo, quer seja de amigos, de família, é muito importante. Sentir-se parte de algo e ter o respeito dessas pessoas, pertencendo a algo, é ótimo para a saúde mental.”

4. Sono
“Vivemos com muita poluição luminosa, dos computadores, dos celulares, e isso altera nosso ciclo biológico e afeta a síntese de melatonina. A longo prazo, já foi observado que a privação de sono e o sono de má qualidade podem aumentar a incidência de obesidade, doenças vasculares e até câncer.”

5. Espiritualidade
“Não estou falando de religião, necessariamente, mas a conexão com algo maior, uma sensação de propósito, é um alívio ao sofrimento e uma fonte de inspiração.”

6. Natureza
“Quanto menos toxinas e contaminação tivermos em nosso cotidiano, melhor. Isso na alimentação, nos produtos que usamos em casa. Uma atenção extra ao que é natural, orgânico, é precisa.”