Grifes nacionais redescobrem o Brasil com coleções temáticas no verão 2017

in-vogue-redescubra-o-brasil-1.jpg
1. A. Brand 2. Dolce & Gabbana R$ 4.900 3. Água de Coco 4. Priya R$ 11.900 5. Gucci R$ 14.020 (Foto: Patrick Demarchelier/Condé Nast Archive, Agência Fotosite, Charles Naseh, Getty Images, Imaxtree e Divulgação)

Asúltimas coleções das grifes nacionais mergulharam de cabeça no nosso DNA, seja em ricas texturas rústicas tingidas de tons de areia que fazem referência ao sertão ou em um tropicalismoprotagonizado por cores vibrantes e estampas de folhagens, aplicadas sobre modelagens fluidas.

1. A.Brand 2. Osklen 3. Água de coco 4. Isla R$ 645 5. A. Brand (Foto: Patrick Demarchelier/Condé Nast Archive, Agência Fotosite, Charles Naseh, Getty Images, Imaxtree e Divulgação)1. A.Brand 2. Osklen 3. Água de Coco 4. Isla R$ 645 5. A. Brand (Foto: Patrick Demarchelier/Condé Nast Archive, Agência Fotosite, Charles Naseh, Getty Images, Imaxtree e Divulgação)

Parte do primeiro time, Paula Raia e UMA apostaram na cartela areia terrosa para compor um visual ultra chique para a troca de estaçã; no segundo grupo, marcas como A.Brand, Osklen e Água de Coco ditaram o tom tropical da vez – sem exageros e com pegada cool.

Inspire-se – e escolha seu time! – ao longo da página. Vivian Sotocórno

1. Ca&Lou € 225 2. Schutz R$ 380 3. Arezzo R$ 559 4. UMA 5. Água de coco (Foto: Patrick Demarchelier/Condé Nast Archive, Agência Fotosite, Charles Naseh, Getty Images, Imaxtree e Divulgação)1. Ca&Lou € 225 2. Schutz R$ 380 3. Arezzo R$ 559 4. UMA 5. Água de Coco (Foto: Patrick Demarchelier/Condé Nast Archive, Agência Fotosite, Charles Naseh, Getty Images, Imaxtree e Divulgação)
1. Uma Raquel Davidowicz 2. Osklen 3 e 4. Paula Raia (Foto: Patrick Demarchelier/Condé Nast Archive, Agência Fotosite, Charles Naseh, Getty Images, Imaxtree e Divulgação)1. Uma Raquel Davidowicz 2. Osklen 3 e 4. Paula Raia (Foto: Patrick Demarchelier/Condé Nast Archive, Agência Fotosite, Charles Naseh, Getty Images, Imaxtree e Divulgação)
Anúncios

Making of: Zendaya, Cameron Dallas e mais millennials estrelam campanha da Dolce & Gabbana

zendaya_coleman_in_capri_for_dolcegabbana_summer_2017_adv_campaign_6
Making of Dolce & Gabbana (Foto: Divulgação)

As ruas de Capri fervem na tarde desta sexta-feira (21.10) graças à Dolce&Gabbana, que fotografa sua campanha de verão 2017 na cidade italiana.
No time de modelos, um time de millenials fresh e cheio de vida que foi escolhido a dedo por Stefano Gabbana e Domenico Dolce. Zendaya, Cameron Dallas, Presley Gerber, Gabriel Kane Day Lewis, Thylane Blondeau, Sonia Ben Ammar e Luka Sabbat são os nomes que estrelam o shooting da grife.
Enquanto a campanha não sai do forno, o site da Vogue mostra com exclusividade as fotos de making of. Dê um giro pelos bastidores com os cliques ao longo desta página!

Kendall Jenner fala sobre nudez e começo de carreira: “a Gisele era o meu ídolo”

kendall-jenner-0
Kendall Jenner (Foto: Reprodução/Instagram)

Capa e recheio da edição de novembro da revista W, Kendall Jenner falou um pouco sobre o começo de sua carreira e sua relação com o corpo. “Quando eu tinha dez anos, comecei a achar que modelos eram as pessoas mais legais do mundo. Minha modelo favorita era a Gisele [Bündchen], ela era o meu ídolo”, declarou a top.

Kendall Jenner em seu primeiro grande desfile (Foto: Getty Images)Kendall Jenner em seu primeiro grande desfile (Foto: Getty Images)

Seu primeiro grande desfile foi para o estilista Marc Jacobs, que a colocou na passarela usando um suéter transparente sem sutiã por baixo. Ao invés de se sentir intimidade, Kendall amou a ideia.
“Eu estava preocupada em cair, tropeçar, mas muito animada em deixar meus seios à mostra”, dispara a garota. “Sou estranha. Eu adoro deixar meus mamilos à mostra. É uma das minhas marcas registradas”.

As mini-bags vão dominar o seu guarda-roupa

minibolsas-1
Mini-bolsas apareceram nas passarelas internacionais em 2016 (Foto: Imaxtree)

As bolsas são acessórios indispensáveis para o dia a dia de toda mulher. Enquanto os maximodelos dominaram a moda nos últimos anos, a última temporada fashion mostrou que as bolsas grandes estão dando espaço para modelos mini, que levam apenas o essencial para o momento e complementam o look de uma forma divertida e mais discreta.

Mini-bolsas no desfile da Valentino, em Paris (Foto: Imaxtree)Mini-bolsas no desfile da Valentino, em Paris (Foto: Imaxtree)

Nas passarelas, o desfile da Valentino, em Paris, foi um destaque: a label apresentou para a temporada de verão 2016 modelos de bolsa mini que são usadas na transversal. Alguns modelos, aliás, são tão pequenos que é possível dizer que a marca criou a menos bolsa do mundo, apenas um detalhe na produção.As mini-bolsas também apareceram com frequência no street style (Foto: Imaxtree)As mini-bolsas também apareceram com frequência no street style (Foto: Imaxtree)
No street style, modelos tão pequenos quanto os da Valentino não tiveram vez (ainda!), mas as mini-bolsas foram uma constante nas mãos das fashionistas. O mais interessante é que os modelos costumam ser mais coloridos, estampados ou divertidos do que as bolsas grandes, criando um contraponto bem despojado na produção como um todo.

Os modelos podem ser mais divertidos ou neutros (Foto: Imaxtree)Os modelos podem ser mais divertidos ou neutros (Foto: Imaxtree)

E não existem regras para usar o acessório. O ideal é pensar sempre em ter à mão só o que você precisa mesmo – celular, cartão, batom – e pensar em modelos que conversem com a roupa. Elas podem seguir a regra do monocromático e combinar com a cor do look, ou servir como um ponto neutro ou de cor na produção.

Consuelo Castiglioni deixa direção criativa da Marni; Francesco Risso assume

icon-marni-consuelo-castiglioni-sprin

Extra! Acaba de ser anunciada a saída de Consuelo Castiglioni da Marni. Diretora criativa responsável pelo sucesso da grife italiana, a designer fundou a marca ao lado do marido, Gianni Gastiglioni, em 1994 – quem assume o posto deixado pela designer é Francesco Risso, braço direito de Miuccia Prada nas coleções femininas da Prada”. Estes foram anos agitados e animados que absorveram todas as minhas energias para que fosse criado um projeto no qual me orgulho muito”, declarou Consuelo, “mas chegou a hora de eu me dedicar à minha vida pessoal. Agradeço a todas as pessoas que acreditaram na marca e que, com dedicação leal, me ajudaram nesta jornada fantástica”.Marni, verão 2017 (Foto: Imaxtree)Marni, verão 2017 (Foto: Imaxtree)
Adquirida em 2013 pelo grupo OTB, que também detém as marcas Maison Margiela e Viktor & Rolf, a Marni apresentará a primeira coleção assinada por Risso na temporada de inverno 2018.
“O mundo presta homenagem à visão original de Consuelo e à grife únitca que temos orgulho de ter no nosso grupo”, disse Renzo Rosso, presidente da OTB, em declaração oficial. “É com alegria que dou boas-vindas a Francesco, cujo talento irá contribuir no novo capítulo da história desta casa que é italiana em coração e espírito. Tenho confiança de que o time criativo e de gerenciamento da Marni irão continuar a fazer com que esta marca atinja novos objetivos emocionantes”. [Vogue]

Francesco Risso (Foto: Reprodução)Francesco Risso (Foto: Reprodução)