Demi Lovato radicaliza o visual após anunciar “tempo” na carreira: “Loira”

demi-blondieO novo visual da cantora Demi Lovato (Foto: Instagram)
A cantora Demi Lovato surpreendeu seus fãs e seguidores nas redes sociais ao publicar uma foto no Instagram em que aparece com um novo visual. Na selfie, a artista de 24 anos está com os cabelos loiros. “Tranças douradas”, escreveu Lovato na legenda do registro. Em apenas seis horas no ar, a imagem teve mais de 758 mil curtidas e 12,981 comentários.
A publicação entrou no ar apenas alguns dias após a cantora anunciar pelo Twitter que irá tirar um ano sabático em 2017. A notícia também pegou alguns fãs de surpresa. “Muito empolgada para 2017. Vou tirar um tempo da música e da fama…Não nasci para esse mundo e a mídia”, revelou a artista.
Depois, quando questionada se tinha planos para quando voltar, Lovato foi misteriosa: “Não sei. Não vale mais a pena. Prefiro trabalhar com caridade para ser honesta”.

Anúncios

Lifestyle I Karl Lagerfeld Hotels & Resorts: a nova empreitada do multitalentoso estilista

Chanel : Front Row - Paris Fashion Week - Haute Couture Fall/Winter 2015/2016

segunda-feira (17.10) começou com novidades de Karl Lagerfeld: o multitalentoso estilista anuncia o lançamento da Karl Lagerfeld Hotels & Resorts, sua marca hoteleira internacional criada em um acordo de longo prazo com a Brandmark Collective BV.

Segundo o WWD, Karl vai levar sua assinatura para uma série de projetos feitos sob medida, incluindo Resorts, residências, restaurantes e clubes privados espalhados pelo mundo. Nada incomum para o fashionista, que já desenvolveu um condomínio em Miami e um lobby em Toronto, entre outros empreendimentos.

Uber usa drones para provocar motoristas presos no trânsito no México

img_0466-1060x598Anúncios entregues por drones, pois esse é o mundo em que vivemos agora
por Rafael Silva

O Uber já é usado por milhões de pessoas no mundo, mas é na América Latina que a empresa pretende expandir ainda mais. E esse avanço exige um certo investimento em propaganda – mas obviamente, sendo o Uber, não seria uma propaganda qualquer. Esta semana, na Cidade do México, eles usaram um conjunto de drones para anunciar seu serviço.
Os drones foram usados para anunciar o UberPool, modalidade do Uber em que diferentes passageiros podem dividir a corrida no mesmo carro. Eles carregavam placas com frases como “dirigindo sozinho? É por isso que não consegue ver os vulcões” e “Se Todos Poolearmos, a cidade seria para você e não para os 5,5 milhões de carros”. O alvo dos drones eram motoristas que estavam presos no trânsito na cidade.
Esse anúncio tem como objetivo reforçar ainda mais a presença do Uber na capital do México, onde a empresa já faz mais corridas do que qualquer outro mercado. Enquanto isso, o Brasil é o terceiro maior país em que eles operam, atrás apenas da India e dos EUA.
VIA: BGR

Adele fala de pausa para ser mãe novamente: ‘Útero começando a doer’

adele-linda

Fãs de Adele, 28, preparem-se, porque uma nova pausa na carreira da cantora pode acontecer em breve. É que a artista britânica afirmou ao tabloide The Mirror que pretender ser mãe novamente e isso não deve demorar muito.

Atualmente em turnê mundial depois de lançar seu terceiro álbum de estúdio, 25, em novembro do ano passado, ela disse que deve sair dos holofotes assim que a série de shows terminar para engravidar.
Mãe de Angelo, que completa 4 anos na quarta (19), Adele, que é casada com o empresário Simon Konecki, falou que vai aumentar a família. “Meu filho vai completar 4 anos muito, muito em breve. Estou começando a ficar muito emocional porque sinto que, assim que eles fazem quatro anos, não são mais bebês”, disse Adele. “Então, meu útero está começando a doer um pouquinho. É como se falasse: ‘Bebê, bebê, bebê. Preciso de um bebê, preciso de um bebê.”
Antes que os rumores de que ela já estaria esperando um segundo filhos surgissem, Adele adiantou: “Não estou grávida. E não vou engravidar até o fim da turnê”, garantiu. Vale lembrar que, depois de lançar 21, seu segundo álbum, em janeiro de 2011, Adele só voltou a fazer shows ao público e lançou um novo álbum três anos depois. Angelo nasceu em outubro de 2012 e 25 foi lançado em novembro de 2015.
Haja espera, hein?!

Remake dos anos 1970, ‘Raízes’ narra saga de família de escravos nos EUA

16290137

O showbiz americano, mais por tino comercial do que por um recém-contraído ardor cívico de patrocinar um exame de consciência nacional, tem aberto espaço inédito para obras que tratam do período da escravidão no país e de suas repercussões até a nossa época.
Filmes (“Histórias Cruzadas”, “Django Livre”, “12 Anos de Escravidão”, “O Nascimento de Uma Nação”), discos (como os de Beyoncé e de sua irmã menos famosa, Solange Knowles) e séries de TV (“Underground”) exploraram o filão, agora engrossado pela minissérie “Raízes”, remake de uma produção homônima exibida no fim dos anos 1970.

Contada em quatro episódios, mostra a saga multigeracional de uma família de escravos, desde a captura do jovem Kunta Kinte na Gâmbia e de seu envio para uma América colonial, em 1750, até a abolição do trabalho forçado nos EUA, em 1865, que beneficia o neto e o bisneto daquele. Tortura, mutilação, estupro e fugas ritmam a intriga das gerações intermediárias.
A trama toma como base o romance de mesmo nome, vencedor do Pulitzer em 1977 e assinado por Alex Haley (que se dizia descendente direto de Kinte e é encarnado no programa por Laurence Fishburne, em breve aparição). A versão de agora incorpora descobertas feitas por historiadores nos últimos 40 anos e introduz personagens inexistentes no original.
Em evento de divulgação em abril passado, em Cannes (França), o elenco defendeu a atualidade do roteiro.
“É triste que contar essa história hoje ainda seja tão relevante. A escravidão tem outro nome. As corporações são as plantações [de fazendas escravocratas] modernas, com seus salários irrisórios e demissões gratuitas”, comparou Jonathan Rhys Meyers, que interpreta Tom Lea, agricultor branco que violenta a filha de Kinte, Kizzy, e aposta, numa rinha de galo, o filho que tem com ela.
“Não há dúvida sobre a pertinência do projeto. Temos de perder o medo da verdade. Outro dia, um filho de um amigo meu, negro, foi abordado na escola por um coleguinha assim: ‘Se o [Donald] Trump ganhar, você sabe que vai ter de voltar para a África, né?’. [A intolerância] é como um gene recessivo insidioso que volta a se manifestar sob a forma de um câncer”, completou Anika Noni Rose, que encarna Kizzy.
Forest Whitaker e Anna Paquin também atuam na minissérie.
NA TV
Raízes
QUANDO estreia nesta seg. (17), às 22h40; exibição de seg. a qui., no mesmo horário, no History

LUCAS NEVES
EDITOR-ADJUNTO DA “ILUSTRÍSSIMA”

RGirls I Azealia Banks usa web para acusar Russell Crowe de agressão e racismo

azealia_banks_begin_a_new_feud_with_si-m-1_1462949777821

A cantora norte-americana Azealia Banks, de 25 anos, usou seu Facebook no domingo (16) para acusar o astro neozelandês Russell Crowe, 52, de agressão e racismo. Em posts, que foram deletados momentos depois, ela diz: “Para recapitular minha noite, eu fui a uma festa no quarto de hotel de Russell Crowe, na qual ele me chamou de ‘p***a’, me estrangulou, me jogou para fora e cuspiu em mim”, escreveu ela.

Ela ainda continuou e declarou que não foi defendida pelos outros convidados: “A noite passada foi uma das mais difíceis para dormir que eu já tive em muito tempo. Os homens da sala permitiram que acontecesse. Me sinto terrível hoje”. “É um fraco da p****, cara” completou em outro post. “Estou me sentindo horrível, mal-tratada, sozinha e depressiva neste momento. eu queria que alguém tivesse batido nele por mim”, ainda escreveu Azealia. Veículos como o Metro, Daily Mail e Daily Star noticiaram a suposta agressão à cantora.

Segundo o TMZ, que teria falado com testemunhas que estavam na festa, Azealia teria ameaçado “cortar os convidados e vê-los sangrar”. A reunião na suíte de Crowe teria 10 pessoas, que foram convidadas para jantar e ouvir música. O ator de cinema RZA foi quem teria levado a cantora como sua acompanhante.

russell-crowe-azelia-banks-tmz-getty-3

A confusão começou, segundo fontes do TMZ, quando Azealia começou a caçoar da seleção musical do ator e chamado Crowe e outro convidado de “gente branca chata”. Uma convidada teria saído em defesa do anfitrião e criticado a atitude da rapper. “Vocês iam amar se eu quebrasse um dos meus copos, golpear vocês na garganta e esguichar sangue por todo lado, como um filme de Tarantino”, teria dito Aezealia. Crowe, segundo os convidados, teria permanecido calmo.

Crowe, então, teria pegado a cantora no colo, a colocado para fora do quarto e acionado seguranças do hotel, que teriam dito que Azealia deveria se retirar. Uma investigação será aberta para interrogar quem estava na festa e, ainda de acordo com o TMZ, foi a própria cantora que usou a palavra “preta” (tradução livre do pejorativo “nigger”) e não o ator de Gladiador.

COMPORTAMENTO EXPLOSIVO
Não é a primeira vez, entretanto, que Crowe é acusado por seu comportamento violento. Em 2005, o ator foi acusado de agressão e posse ilegal de arma por supostamente ter arremessado um telefone na cara de um funcionário de um hotel, gerando um corte no olho do homem.

Ele explicou o que realmente teria ocorrido. “Eu estava tentando fazer uma ligação para a Austrália para falar com meus filhos, que estavam aguardando a chamada, quando esse ‘cara’ se recusou a facilitar as minhas tentativas de comunicação, tornando as coisas mais difíceis para mim. Ele simplesmente desligou na minha cara. Então desci as escadas para trocar umas palavrinhas com ele. Eu nunca toquei nesse cara, nem cheguei a encostar um dedo nele. Ele se machucou fugindo de mim, porque escorregou e bateu a cabeça”

Em novembro de 2014, ao lançar o longa Noé, Crowe falou que seu comportamento explosivo é por conta de sua “extrema sensibilidade”. Eu sou extremamente sensível, e talvez seja por essa razão que o meu lado negativo apareça com mais intensidade. Na realidade sou uma pessoa mais intuitiva, que consegue perceber através de um simples aperto de mãos, se a pessoa é do bem ou do mal”, disse ele à época.

Dakota Fanning aposta em vestido colado e mostra curvas de frente e verso

df12

Dakota Fanning, de 22 anos, voltou a chamar atenção pela beleza e curvas ao participar da première de seu novo filme, Pastoral Americana, dirigido e estrelado pelo astro Ewan McGregor.
Durante o evento, que rolou em Beverly Hills, na Califórnia, a ex-atriz mirim, que cresceu sob nossos olhos diante das câmeras, usou um vestido laranja justinho. A peça, que contava com fenda e abertura no abdômen, realçou a boa forma de Dakota, que posou de frente e verso.

df1df2