Google lança screensaver de fotos para Mac

29-screensaver

Que tal deixar imagens belíssimas armazenadas no Google Fotos como protetor de tela (screensaver) no seu Mac? Agora você pode, e de forma “oficial”.
O Google lançou ainda ontem o Featured Photos Screensaver para Mac, que usa imagens públicas em destaque selecionadas no serviço como decoração da tela do seu computador.

São paisagens e locais fantásticos fotografados por usuários do Google Fotos no mundo inteiro. Você mesmo, se quiser, pode disponibilizar suas capturas para quem sabe aparecerem por lá também. E mais: ele tem suporte a múltiplos monitores, mostrando fotos diferentes em cada um deles.

O Featured Photos Screensaver requer o OS X Mavericks 10.9 ou superior. Ele também está disponível em versão para Android (que surgiu originalmente como recurso exclusivo do Google Pixel) e, se você possui um Chromecast, certamente já o conhecia. Rafael Fishmann – MacMagazine

Anúncios

Sarah Jessica Parker abre sua 1ª loja… fora de NY!

sarah-jessica-parker-linda01-529x600

Sarah Jessica Parker, a eterna Carrie Bradshaw, entra de vez no mundo dos negócios de moda e se prepara pra inaugurar sualoja! A atriz virou ícone de estilo graças a seu papel em “Sex and The City” e desde então vem aproveitando o status pra lançar várias coleções: de sapatos, vestidinhos pretos, acessórios… Seu novo espaço reúne todas essas linhas e fica no hotel da MGM – o National Harbor Resort. Localizada nos arredores de Washington D.C., a construção que custou mais de US$ 1 bilhão também conta com cassino e um centro de compras de luxo.

A loja, e o hotel, estão programados pra inaugurar em 8/12 com produtos que vão custar entre US$ 30 e US$ 700 (aproximadamente R$ 94 e R$ 2.194). Ainda não foram liberadas imagens do espaço de Sarah Jessica, mas só pelas fotos do resort dá pra saber que vem coisa boa por aí! [Lilian Pacce]

Bolsas que parecem sacolas de compras são hit do verão 2017

shopping-time-11. Balenciaga US$ 2.525 2. Christopher Kane 3. Emilio Pucci € 720 4. Jeremy Scott US$ 385 5. Gucci R$ 11.970 (Foto: Divulgação)

Da nova it-bag da Balenciaga que lembra um modelo de feira às totes grafitadas da Gucci, a estação está repleta de ótimas bolsas que mais parecem sacolas de compras.

Vogue mostra uma seleção de cinco modelos que prometem ser hit do verão 2017 ao longo desta página – escolha a sua! Vivian Sotocórno

Sacolas de praia (Foto: Reprodução )1. Zilla (R$ 2.980); 2. Dolce & Gabbana (R$ 12.270); 3. Fendi (R$ 5.990); 4. Mara Mac (R$ 998); 5. Lygia & Nanny (R$ 239) (Foto: Reprodução )
Sacolas de praia (Foto: Reprodução )1. Alexander McQueen (R$ 6.480); 2. SOCIÉTÉ ANONYME (r$ 200); 3. Truss NYC (R$ 1.210); 4. Yohji Yamamoto (R$ 5.590); 5. Love Moschino (R$ 2.080); 6. Schutz (R$ 490) (Foto: Reprodução )

Apple deverá abrir novo centro de Pesquisa e Desenvolvimento na Indonésia em 2017

apple.jpg

Se você tem alguma dúvida de que o foco da Apple nestes últimos tempos está muito mais em desenvolver novas tecnologias que eventualmente cheguem aos seus produtos do que nos produtos em si, basta olhar para a quantidade de notícias relacionadas à abertura e planejamento de centros de Pesquisa e Desenvolvimento da Maçã nos últimos tempos.

Agora temos mais uma deste tipo, e mais uma vez na Ásia: o Ministro de Comunicação e Informação da Indonésia, falando para o site local Tempo, relata que a Apple está planejando abrir um centro de P&D em Jacarta.

Embora a localização exata ainda esteja para ser confirmada no mês que vem, sabe-se que a construção e fase de contratação para o centro começariam já em 2017. O ministro informou também já saber o valor do investimento da Apple no país, mas não revelou a cifra.

Com este anúncio podemos ter uma ideia clara de que, fora de Cupertino, a Ásia é o local escolhido pela Apple para abrir seus centros de P&D. Já vimos anúncios relacionados a isto na Índia, na China, no Japão e agora na Indonésia — o que é facilmente explicável pela tradição (e formação) tecnológica consolidada destes países, que representam, também, mercados importantíssimos para Tim Cook e sua turma.

Esperamos, portanto, que nossos amigos asiáticos possam criar novidades interessantes para os produtos da Maçã que, francamente, têm meio que decepcionado nos últimos tempos. [MacMagazine]
[via Cult of Mac]

Gosha Rubchinskiy volta a desfilar na Rússia

gosha-rubchinskiy.jpgO russo Gosha Rubchinskiy retorna a seu país em janeiro para apresentar o Inverno 2017, desta vez em Kaliningrado, cidade que fica à beira do Mar Báltico. Os detalhes da coleção não foram divulgados.

Um dos responsáveis por colocar o time dos russos na rota da moda – junto com Demna Gvasalia (Vetements e Balenciaga) –, Gosha chamou atenção com sua moda masculina que a imprensa internacional chamou de “pós-soviética”, em coleções em que predomina um mix de alfaitaria e sportswear, sempre olhando para os jovens russos.

Sua primeira coleção foi apresentada em Moscou em 2008, onde continuou até 2014, quando foi para a semana de moda masculina de Paris. Na última temporada, o russo causou burburinho com o seu Verão 17, apresentado na Pitti Uomo, Itália, com looks das marcas FILA e Kappa (leia mais aqui). FFW

Gucci lança o livro “Blind For Love”

novo-livro-gucci-blind-for_love_3
Novo Livro Gucci Blind For Love (Foto: Reprodução)

Emjunho deste ano, a Abadia de Westminster foi palco para a apresentação da coleção cruise 2017 da Gucci. Com essa locação de tirar o fôlego, o desfile foi especialmente registrado pelas lentes do artista e fotógrafo britânico Nick Waplington – famoso por sua representação crua e sem filtros da vida britânica.

A parceria não se deu por acaso, as imagens capturadas por Nick – tanto na preparação para o desfile, como nos bastidores durante e depois do evento principal – recheiam a publicação limitadíssima da grife, com apenas 1.000 exemplares rodados, batizada Blind For Love.
Custando US$ 95 (cerca de R$ 321), o título chega ao mercado no dia 1º de dezembro e estará disponível nas boutiques da Assouline no mundo todo, assim como no e-commerce.

Lojas especializadas como a Dover Street Market, em Londres, Nova York e Tóquio, a Colette, em Paris, além das livrarias selecionadas como a do Palais de Tokyo, em Paris, também terão o livro.

Lady Gaga chora ao falar das desvantagens da fama: ‘não sou mais livre’

gaga-joanneDinheiro, reconhecimento profissional e idolatria dos fãs. A vida de famoso traz uma série de vantagens para os astros e estrelas internacionais. Mas o reconhecimento público também tem seu lado negativo, como revelou a emocionada Lady Gaga em entrevista ao programa ‘Sunday Morning‘.

A cantora caiu no choro ao comentar as desvantagens da vida pública. “Eu tinha bastante consciência de que uma vez ultrapassada a barreira [da fama] eu não estaria mais livre. Assim que me mostrasse ao mundo, eu pertenceria, de certa forma, a todos. É legal me seguir. É legal me perseguir na praia. Não posso chamar a polícia ou pedir que eles saiam”, disse Gaga em entrevista ao programa da CBS.

Em uma tentativa de superar as consequências negativas da fama, a cantora revelou que precisou encontrar a liberdade em sua própria vida. “Fiz uma grande análise dessa dura barreira e disse: ‘bem, se eu não posso ser livre lá fora, posso ser livre aqui”, comentou Gaga apontando para o seu coração.

Mas o momento mais emocionante da entrevista foi quando a cantora falou sobre o isolamento causado pela fama. “Sinto falta das pessoas”, disse Gaga começando a chorar. “Sinto falta de ir a algum lugar, conhecer uma pessoa qualquer, dizer ‘oi’ e conversar sobre a vida. Amo as pessoas”.

Essa não é a primeira vez que a cantora reclama da fama. No começo do ano, Gaga declarou em entrevista ao Daily News que não consegue “pensar em uma única coisa que isola mais uma pessoa do que ser famosa”. “É muito difícil não poder se envolver com as pessoas de uma maneira real e honesta, porque eles querem algo de mim ou me veem como algo que eu simplesmente não sou.”